Conecte-se agora

Adriano e Salomão se mantêm distantes durante votação para presidência da Fieac

Publicado

em

A votação para a escolha do presidente da Federação das Indústrias do Estado do Acre (Fieac) apesar de aparentemente tranquila trava uma guerra jurídica silenciosa entre advogados ligados ao atual presidente, José Adriano, e o concorrente a cadeira, João Francisco Salomão.

Enquanto os dois candidatos mantém distância um do outro, apenas se reservando a troca de olhares, os advogados ligados aos dirigentes dos sindicatos que foram afetados por um uma decisão monocrática do desembargador do Tribunal Regional do Trabalho, Francisco José Pinheiro Cruz, que derrubou as três decisões da 4ª Vara do Trabalho de Rio Branco, que determinava que os delegados do Sindicatos das Indústrias de Olaria (Sindoac), Gráficas (Sindigraf) e Confecções (Sincon) teriam poder de voto nas eleições, tentam a todo custo, através de recursos, reverter a decisão.

LEIA TAMBÉM: Decisão da Justiça pode decretar vitória de Salomão em cima de Adriano nas eleições da Fieac por 7 a 3

Eleição da Fieac leva empresários a jogo de intrigas e acusações 

Com nova decisão derrubando liminar, eleição da Fieac inicia com grupo de Adriano tendo 6 votos; Salomão fala em recorrer e até anular pleito

Os advogados pleiteiam junto ao Pleno do TRT, por meio de um Agravo Regimental, que os presidentes dessas entidades percam novamente o poder de voto, o que poderia causar uma reversão no resultado, tirando a vantagem de Adriano por 6 a 4 e repassando três votos para Salomão, que ficaria com 7 a 3.

Apesar da articulação, segundo a assessoria do TRT, nenhuma petição foi protocolada até às 11h30. As urnas devem ser fechadas às 14h e com isso o resultado deverá ser anunciado, caso não haja uma reviravolta, com vitória de Adriano, que já tem seis votos computados. Os sindicatos que apoiam Salomão ainda não registraram votos.

Ao ac24horas, João Francisco Salomão entende que a eleição não deve terminar hoje. “Existe a possibilidade que essa eleição seja anulada. Estamos esperando uma decisão do pleno”, disse.

Propaganda

Destaque 2

Gladson representará a Região Norte em reunião com Jair Bolsonaro, em Manaus

Publicado

em

O governador do Acre, Gladson Cameli, irá representar todos os governadores da Região Norte do país durante discurso na 287ª reunião do conselho da Superintendência da Zona Franca de Manaus (Suframa), que ocorre nesta quinta-feira, 25, em Manaus (AM).

O presidente Jair Bolsonaro também estará no encontro de governadores do Norte, acompanhado do Ministro da Economia, Paulo Guedes. A reunião deve tratar de assuntos de interesse dos estados que compõem a Amazônia.

No programa ‘Fale com o Governador’ desta semana, Gladson afirmou que também irá abordar assuntos de infraestrutura e geração de emprego e renda diretamente com o presidente da República, além do programa de isenção fiscal para empresas instaladas nas áreas de livre comércio do Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia e Roraima.

Continuar lendo

Destaque 2

Avião que saiu de Cruzeiro pra Ipixuna decepa membros de rapaz na pista de pouso

Publicado

em

Na tarde desta terça-feira, 23, um avião de pequeno porte que saiu de Cruzeiro do Sul ao pousar em Ipixuna, no Amazonas, atropelou um peão de fazenda que atravessava a pista de pouso em uma motocicleta.

A vítima identificado como Niedson, foi parar no Hospital Maria da Glória. Como o braço e a perna direita foram dilacerados pela hélice do avião, os médicos tiveram que amputar os membros. O estado de saúde dele é considerado gravíssimo.

Uma testemunha do acidente, de nome Bartolomeu, conta que Niedson trabalha em uma fazenda ao lado da pista de pouso e por volta das 15h30 , saia do local de moto e foi colhido em cheio pela aeronave que acabava de pousar. Niedson, segundo a testemunha, foi arrastado pelo avião por mais de 50 metros na pista. O hélice, a carenagem do avião e a moto da vítima, ficaram destruídos.

Os passageiros da aeronave não ficaram machucados, porque segundo a testemunha, o avião já tinha reduzido a velocidade e se preparava pra parar.

De acordo com o radialista Irlandio Costa, o trágico acidente mobilizou a população de Ipixuna e além dos parentes da vítima, uma verdadeira multidão está na frente do Hospital de Ipixuna a espera de mais notícias de Niedson. O tempo de voô entre Cruzeiro do Sul e Ipixuna no Amazonas é de 40 minutos.

Continuar lendo
Propaganda

Mais lidas

Copyright © 2019 Ac24Horas - Todos os direitos reservados.