Conecte-se agora

Enem 2020 terá menos participantes por sala como medida protetiva ao novo coronavírus

Publicado

em

Objetivo é evitar risco de contaminação

O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2020 contará com 700 mil inscritos a mais, comparado à edição de 2019. Diante do aumento no número de participantes em meio à pandemia do novo coronavírus, o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) anunciou que aumentará a quantidade de locais de provas do exame, como medida para comportar todos os participantes respeitando as regras sanitárias contra o vírus. 

Um dos métodos de organização utilizado pelo Inep será a redução do número de participantes por sala, a fim de garantir o distanciamento exigido pelas autoridades de saúde. Para isso, o Órgão vai contar com o auxílio das prefeituras para que as equipes de segurança possam dar suporte nos procedimentos de acesso aos locais de prova, para evitar aglomerações. 

Além disso, foi solicitado aos estados e municípios que evitem a realização de outros eventos de grande porte nos dias de aplicação do Enem e garantam a infraestrutura necessária para que os participantes cheguem aos locais de provas.

As medidas foram comunicadas pelo Inep no Encontro para Capacitação de Logística e Segurança do Enem 2020, realizado por videoconferência nesta terça-feira, 27 de outubro, com a participação de representantes das instituições envolvidas na operação para aplicação das provas na região Sudeste. 

As provas impressas da edição 2020 do Enem estão marcadas para os dias 17 e 24 de janeiro de 2021. Já as provas digitais serão aplicadas em 31 de janeiro e 7 de fevereiro de 2021. Ao todo, são 5,6 milhões de inscritos. 

*Com informações do Inep

Fonte: Agência Educa Mais Brasil

Anúncios

Acre

Rosana inicia processo de transição na prefeitura de Senador Guiomard

Publicado

em

A prefeita eleita de Senador Guiomard, Rosana Gomes, iniciou nesta semana o processo protocolar para a transição de cargos e assumir de fato a prefeitura da cidade no dia 1º de janeiro. Esta foi a primeira vez que a candidata eleita esteve na prefeitura após o período de eleição no município.

No encontro com o atual prefeito, André Maia, Rosana fez questão de deixar claro sua intenção em controlar os gastos públicos. “Pensando sempre no melhor para a população Guiomaense”, afirma.

Gomes garante não abrir mão de honrar todos os compromissos assumidos durante a campanha. “É uma questão de honra”, disse. Ainda sobre esse assunto, Rosana Gomes deixou claro que, primeiramente, irá pensar políticas públicas aos mais pobres.

A candidata eleita também destacou um desejo: esquecer todas as críticas recebidas durante a campanha e pensar no futuro. “Fique despreocupado” disse ela a André Maia.

Continuar lendo

Acre 01

Energisa realiza ações para garantir qualidade da energia durante 2° turno das eleições 

Publicado

em

Ações preventivas envolvem inspeção, manutenção e planejamento da logística de equipes

A Energisa Acre intensificou as ações de prevenção, inspeção e manutenção da rede elétrica e dos equipamentos para evitar o risco de interrupções que possam comprometer o andamento da votação no segundo turno das eleições em Rio Branco, neste domingo, 29.

O plano de ações preventivas envolve profissionais distribuídos em equipes de planejamento e execução da Energisa Acre. Desta forma, serão disponibilizadas 10 equipes de plantão que ficarão em pontos estratégicos.

Após o término da votação, as equipes serão posicionadas nas proximidades dos locais de apuração. Será mantida uma equipe no Tribunal Regional Eleitoral do Acre (TRE-AC) durante todo o dia, para maior agilidade no atendimento aos locais de votação e apuração dos votos.

Entre às 0h do dia 28/11 até às 0h do dia 30/11, o Centro de Operação Integrado (COI), em Rio Branco, terá oito operadores por turno, além dos operadores de sobreaviso. Adicional as equipes de Plantão, serão disponibilizadas mais cinco equipes de manutenção, compostas por caminhões, veículos 4×4 e equipe de trabalhos em rede energizada.

“Mapeamos as equipes que estarão de plantão e as que ficarão de sobreaviso para atuar caso seja necessário. O balanço das ocorrências no primeiro turno foi positivo. Estamos nos estruturando para que tudo ocorra dentro do esperado e para garantir o pronto atendimento de qualquer problema que venha a acontecer agora no segundo turno”, afirma o diretor técnico comercial da Energisa Acre, Ricardo Xavier.

O segundo turno das eleições em Rio Branco ocorre no domingo, 29, e deve levar 256.673 mil eleitores às urnas, segundo dados do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Caso ocorra interrupção de energia a população deve entrar em contato através do canal de atendimento 0800-647-7196.

Com informações da Comunicação Energisa Acre.

Continuar lendo

Destaque 4

Fiscalização é impedida de apurar denúncias de más condições de trabalho no Depasa/Xapuri

Publicado

em

Presidente dos Urbanitários faz apelo ao governador para que a situação seja resolvida

Uma equipe composta por membros da Divisão de Saúde do Trabalhador (Disat), da Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre); do Sindicato dos Urbanitários do Acre e da Vigilância Sanitária Municipal de Xapuri foi impedida de entrar nas instalações de uma das duas Estações de Tratamento de Água do Departamento de Água e Saneamento do Acre (Depasa) no município.

O fato ocorreu na última quinta-feira, 26, segundo informou o presidente Sindicato dos Urbanitários, Marcelo Menezes Jucá, que fazia parte do grupo, junto com a chefe da Disat, Eliane Alves Costa, e de um funcionário da Vigilância Sanitária Municipal, Faustino Silva. Eles pretendiam averiguar denúncias de más condições de trabalho no local.

Em maio passado, conforme foi noticiado pelo ac24horas, a gerência da unidade da autarquia em Xapuri foi denunciada por um funcionário da ETA onde os fiscais foram impedidos de entrar. As denúncias se deram tanto pelas péssimas condições do local de trabalho quanto por episódios de assédio moral contra servidores por parte do gerente Marcos Mansour.

Naquela ocasião, foram divulgadas fotografias que mostravam a situação de abandono em que se encontrava a estação, com alojamentos tomados por goteiras e servindo de moradia a ratos e morcegos, cujas fezes caíam na água. De acordo com Jucá, nada mudou nos últimos sete meses nas instalações da ETA e as denúncias continuaram a chegar ao sindicato.

O representante da categoria dos trabalhadores urbanitários relatou que ao chegar à estação a equipe foi impedida de entrar no local por Marcos Mansour, que teria alegado não ter sido comunicado previamente da visita. O gerente teria, inclusive, trancado as dependências que seriam vistoriadas e chegou a obstruir a passagem com os braços.

Até o fechamento desta matéria, a reportagem não havia conseguido localizar o gerente do escritório do Depasa em Xapuri, Marcos Mansour, para que ele desse a sua versão para os fatos relatados pelo sindicalista. Em maio passado, quando houve a primeira denúncia, ele negou as acusações. O espaço segue à disposição para que ele volte a se manifestar.

O ac24horas também não conseguiu falar com Eliane Alves, a chefe da Divisão de Saúde do Trabalhador. De acordo com o presidente dos Urbanitários, ficou acordado entre os membros da equipe que foi impedida de entrar na estação de tratamento que um relatório seria elaborado para ser endereçado ao Ministério Público Estadual e ao Gabinete do Governador.

Apelo ao governador

Após ser impedido de visitar a estação de tratamento em Xapuri, o presidente do Sindicato dos Urbanitários, Marcelo Jucá, gravou um vídeo relatando o fato e fazendo um apelo ao governador Gladson Cameli para que providências sejam tomadas, pois, segundo ele, existe grande risco para a saúde dos trabalhadores que sequer têm equipamentos de proteção individual para exercer suas funções.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Destaque 2

Coordenador informa que Bocalom não vai participar de debate para evitar que seja alvo de “mentiras e ataques”

Publicado

em

O coordenador geral de campanha de Tião Bocalom, Artur Neto, emitiu uma Nota nesta sexta-feira, 27, afirmando que o candidato e líder das pesquisas, Tião Bocalom (Progressistas) não irá participar do debate da TV Acre, programado para ocorrer às 21h30.

Em Nota, o marqueteiro afirmou que Tião Bocalom sempre demonstrou respeito pela população e demais adversários, mas que neste segundo turno, devido aos ataques, em estratégia adotada por Socorro Neri (PSB) desistiu de participar.

Segundo Artur, Neri preferiu adotar um discurso rasteiro com baixarias, buscando o convencimento do eleitor por meio da distorção da verdade, porém não citou as possíveis “distorções” feitas por Neri.

“Preferimos orientar nosso candidato a não participar do debate da renomada Rede Amazônica (TV Acre). Exigimos respeito ao nosso candidato e que os próprios eleitores também sejam respeitados. Ataques e mentiras não fazem e nem farão, em momento nenhum, parte de nossa estratégia de campanha”, escreveu em nota.

Por fim, o coordenador afirmou que durante o primeiro turno, Tião Bocalom participou de todos os seis debates, e encerrou dizendo que o progressista prefere terminar a campanha nas ruas conversando com a população.

“Como estamos na reta final das eleições, acabamos por decidir que iremos terminar nossa campanha, da mesma maneira que iniciamos, junto ao povo, nas ruas, conversando, ouvindo nossa querida gente, repudiando todo e qualquer ataque pessoal”, afirmou.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas