Conecte-se agora

Volume de vendas aos poucos vai apresentando dados favoráveis no Acre

Publicado

em

Segundo dados divulgados pela Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), a previsão de retração no volume das vendas no varejo ampliado, em 2020, foi revisada de 5,7% para 4,2%. De acordo com o consultor da presidência do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, Egídio Garó, no Acre, a condição seria um pouco mais favorável, vez que o volume de vendas restrito no Estado foi de 26,1%, uma alta de 15,6% caso se compare o mês de agosto com julho. As estimativas da CNC teriam como base os novos dados positivos da Pesquisa Mensal de Comércio (PMC) de agosto, divulgada na última quinta-feira, 8, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

Garó relembrou também que, apesar dos resultados acreanos, o volume de vendas apresentou ainda um resultado negativo de 0,9% no acumulado de janeiro a agosto, e 5,8% no acumulado dos últimos 12 meses. Esta pequena recuperação no mês de agosto, no entanto, acenaria para uma retomada menos traumática para o comércio varejista.

“O varejo ampliado, que leva em consideração materiais de construção e veículos, também apresenta uma evolução de 20,7% durante o mês. Se comparado ao mês de julho, o crescimento do volume de vendas foi de 12,6%. Tal qual os indicadores do varejo restrito, no acumulado de janeiro a agosto a queda foi de 3% e 0,6% nos últimos 12 meses”, explicou o consultor.

Egídio reiterou ainda que os indicadores da receita nominal de vendas no mês de agosto também apresentam recuperação de 24,9%. “Comparando com o mês de julho, o saldo foi positivo em 14,3%, mostrando que no acumulado de janeiro a agosto deste ano, a elevação foi de 1,5% e, nos últimos 12 meses, de 3,5%. A receita nominal de vendas ampliada também apresentou resultados positivos ao longo dos últimos 12 meses de 1,5%, contudo, de janeiro a agosto deste ano o resultado indica uma retração de 0,8%. Mas a perspectiva é boa haja vista o indicador apresentar uma recuperação de 21,4% no mês de agosto e, de 12,7% se comparado ao mês de julho”, finalizou.

O presidente da CNC, José Roberto Tadros, apontou a menor adesão espontânea ao isolamento social – que levou a uma maior circulação de consumidores no comércio –, a intensificação de ações de vendas via e-commerce e os programas adotados pelo governo como os principais fatores que explicam o comportamento positivo das vendas pelo quarto mês consecutivo. “O auxílio emergencial, principalmente, tem ajudado na recomposição dos rendimentos dos brasileiros, viabilizando a recuperação da capacidade de consumo da população, ainda influenciada pelo grave quadro do mercado de trabalho no país”, destacou Tadros, alertando que a tendência é que, no decorrer de 2020, as taxas mensais de crescimento sejam menores do que as registradas recentemente.

De acordo com a PMC, o volume de vendas no varejo ampliado aumentou 4,6%, em relação a julho, e 3,9%, na comparação com agosto do ano passado – o maior crescimento desde dezembro de 2019 (+4,1%). No conceito restrito, também houve avanços: +3,4%, no comparativo mensal, e +6,1%, no anual – a taxa mais elevada desde março de 2018 (+8%). Com os resultados positivos de agosto, o setor alcançou o nível mais alto da série histórica da pesquisa, superando em 8,5% a média do primeiro bimestre deste ano.

Os destaques entre os ramos de atividade foram as lojas de vestuário, calçados e acessórios (+30,5%) e artigos de uso pessoal e doméstico (+10,4%). Entretanto, mesmo diante destas altas, o segmento de vestuário ainda apresenta volume mensal de vendas 8,8% abaixo do período pré-pandemia. Livrarias e papelarias (-41,5%), comércio automotivo (-12,7%) e combustíveis e lubrificantes (-9,0%) também ainda não se recuperaram.

Anúncios

Cotidiano

Dia das eleições terá ruas interditadas, reforço de coletivos e fiscalização na Capital

Publicado

em

O dia das eleições, 15 de novembro, deve ser cercado de segurança em Rio Branco, inclusive no trânsito. Haverá, por exemplo, interdição de ruas e avenidas com reforço no transporte coletivo.

Dez agentes de trânsito se somarão ao trabalho de segurança viária com patrulhamento ostensivo em todas as regionais de Rio Branco.

Uma equipe dedicada à engenharia de tráfego estará de prontidão. Caminhonetes, vans e motocicletas serão empregadas nas demandas da Coordenadoria Integrada de Fiscalização do Detran em apoio às ações da Polícia Militar.

Continuar lendo

Cotidiano

‘A gente se desentende, mas se acerta’, diz menina que levou puxão no cabelo da irmã

Publicado

em

Durante o parabéns, em comemoração aos 3 anos da irmã caçula, Maria Antonia de 6 anos não se aguentou e apagou a vela antes da irmã – que reagiu com um puxão de cabelo. O vídeo da festa de aniversário viralizou nas redes sociais. Assista mais abaixo.

Maria Antonia disse que sempre ajudou a irmã mais nova a assoprar as velas mas, neste ano, a caçula queria mostrar que já tinha fôlego suficiente para apagar sozinha.

“Ah, eu não pensei em nada na hora, sempre participei desse momento e estava com um pouquinho de ciúmes, eu queria que o aniversário fosse meu também. A gente se desentende, mas se acerta. Eu ganhei o primeiro pedaço do bolo e brincamos muito depois”.

O caso aconteceu no último domingo (18), em Pato Branco, na região sudoeste do Paraná.

A mãe das meninas, Marines dos Santos Fernandes, de 43 anos, afirmou que Maria Eduarda nunca gostou de ser contrariada, mas a atitude em puxar o cabelo da irmã aconteceu pela primeira vez.

“A Maria Antonia assoprou a minha velinha, e eu fiquei brava com ela e puxei o cabelo dela. Eu amo ela, mas daí ela me ajudou e eu fiquei nervosa. Nesse [aniversário] eu queria fazer sozinha”, explicou a irmã caçula.

Por causa da repercussão e dos ataques que a filha mais velha vem recebendo nas redes sociais, Marines pediu ao G1 para que o rosto das meninas não fosse mais exposto no vídeo do parabéns.

“O susto está passando, e elas estão bem. Acredito que as informações boas estão superando as ruins. Irmãs são assim mesmo, mas a gente não incentiva a violência, a gente conversa com elas, explica que não pode, mas criança pensa em fazer e faz né, nem dá tempo”, relatou.

Veja o vídeo:

Relação entre as irmãs

A mãe das meninas disse que Maria Antonia se sentia muito sozinha e sempre pedia muito uma irmãzinha aos pais. Quando Marines engravidou, a filha fez questão de escolher o nome da irmã caçula.

“Eu que pedi para a mamãe esse presente [a irmã]. A gente brinca muito de boneca e também assiste TV juntas. O que aconteceu domingo já passou, no meu aniversário eu vou deixar ela assoprar a minha vela também”, disse a irmã mais velha.

Marines garante que a relação entre as duas é boa, de muita brincadeira e amizade.

“Acho que a relação de ciúme existe desde que a Maria Eduarda nasceu, mas isso porque antes o colo era só dela [da Maria Antonia], os brinquedos eram dela, a casa era dela. Depois, ela teve que dividir tudo isso, mesmo querendo muito a irmã. Elas só representaram o que acontece nas casas de todo mundo”, pontuou a mãe.

Tanto Maria Antonia quanto Maria Eduarda destacaram ao G1 a mesma palavra ao se referir uma à outra: amor.

Para elas, o dia a dia, ainda mais em meio à uma pandemia, não seria tão bom se não tivessem essa parceria.

“Eu sinto amor, eu amo ela demais da conta. É a minha melhor amiga. Eu não esperava tudo isso, mas eu estou adorando [a fama]”, comentou a irmã mais velha.

Apesar da confusão, Maria Eduarda também prometeu não mais puxar o cabelo da irmã, mesmo quando ficar brava.

“No dia a gente brincou, abriu os presentes, pulou na cama elástica. Não vale a pena ficar nervosa, né. Eu gosto de brincar na casinha com a mana também, fazer o que, eu amo muito ela”, concluiu.

Continuar lendo

Cotidiano

TRE/AC já recebeu 13 representações por propaganda ilegal e 1 direito de resposta

Publicado

em

Há em tramitação no Tribunal Regional Eleitoral do Acre 13 representações por propaganda irregular e 1 pedido de direito de resposta propostos nesta campanha. Os dados foram repassados na tarde desta terça-feira (20) pelo juiz eleitoral Robson Aleixo.

Os processos estão em andamento mas não devem demorar para serem julgados. “O processo segue um rito próprio: o representado tem dois dias para se manifestar, depois o MP um dia e depois vem para decisão que deverá ser publicada em um dia também”, explicou Aleixo.

A Justiça Eleitoral explica que São três os principais termos utilizados na ferramenta. Quando o processo é registrado na Justiça Eleitoral, é informada a palavra “cadastrado” e, em seguida, “aguardando julgamento”. Isso significa que o candidato enviou o pedido de registro de candidatura, mas o pedido ainda não foi julgado, ou seja, o processo está tramitando e aguarda análise.

Continuar lendo

Cotidiano

Gerente, mecânico e padeiro: veja as 29 vagas do SINE desta quarta-feira

Publicado

em

Nesta quarta-feira (21) o Sistema Nacional de Emprego do Acre (Sine) está disponibilizando 29 vagas de emprego em diversas áreas para a capital Rio Branco. Os candidatos devem ir até o Sine, localizado na OCA, para manifestar interesse.

Para se candidatar a uma das vagas, é necessário estar com o cadastro no Sine atualizado. Quem ainda não possui cadastro, deve ir ao órgão levando os documentos exigidos: Carteira de Trabalho, Identidade/CPF, Título de Eleitor, comprovante de escolaridade e de endereço.

O cidadão pode verificar se a vaga ainda está disponível através do telefone 0800 647 8182.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas