Conecte-se agora

Quase 30 mil pessoas estão envolvidas em 88 áreas de conflito agrário no Acre

Publicado

em

Em 2019, os conflitos pela posse da terra no Acre ocorreram principalmente nos municípios de Acrelândia, Acrelândia, Bujari, Rio Branco, Plácido de Castro, Senador Guiomard, Capixaba, Cruzeiro do Sul, Feijó, Manoel Urbano e Porto Walter. Segundo a Comissão Pastoral da Terra (CPT), 27.236 pessoas viveram ou estiveram envolvidas, ao longo do ano passado, nas 88 áreas de conflito apontadas pela organização católica.

De acordo com a CPT, em 2019 o campo brasileiro experimentou um significativo aumento de conflitos, “motivado, em boa parte, pelo incendiário e violento discurso do Governo Federal em favor dos grandes proprietários rurais e grileiros, do agronegócio, das atividades garimpeiras e madeireiras ilegais e contra os Movimentos Sociais do Campo, considerados e tratados, em particular pelo presidente Bolsonaro, como organizações delinquenciais”.

Nesse contexto, o total dos conflitos por terra atingiu 1.254 ocorrências, 12% a mais do que em 2018, que contabilizou 1.124 eventos. O documento da CPT estabelece ligação de interesses empresariais com os conflitos por água, informando que o setor de mineração está envolvido em 189 casos (39%). Hidrelétricas, por sua vez, têm conexão com 54 (11%), enquanto empresários e governos participaram, respectivamente, de 117 (36%) e 33 (7%) conflitos.

Foram registradas 40 denúncias por parte da população, dado que inclui agressões, contaminação por mercúrio, ameaças de morte, danos, humilhação, intimidação e omissão. Lançado em abril deste ano, o Relatório Conflitos no Campo 2019 traz dados sobre pessoas ameaçadas e propostas para reduzir as disputas pela posse da terra no Acre e nos demais Estados brasileiros.

Anúncios

Destaque 4

Programa de Aquisição de Alimentos amplia até 30% o pagamento ao produtor no Acre

Publicado

em

Foto: Divulgação

Os preços a serem pagos aos beneficiários produtores, pelo litro de leite, no âmbito do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA), modalidade Incentivo à Produção e ao Consumo de Leite (PAA – Leite) serão calculados pela média dos preços pagos ao produtor nos últimos três meses, onde for implementado o Programa, apurados pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab).

Essa medida consta de resolução publicada nesta quinta-feira (22) no Diário Oficial da União. Estabelecendo inclusiva a metodologia de cálculo dos preços referidos.

A resolução autoriza emergencialmente, devido aos efeitos gerados pela pandemia de Covid-19, ampliação dos preços pagos aos beneficiários produtores em até 30% do preço de referência estabelecido.

Continuar lendo

Destaque 4

Grupo Recol seleciona pessoas para atuarem na área de vendas; saiba como concorrer a vaga

Publicado

em

Conseguir uma vaga no mercado de trabalho, para muitos, sempre foi o maior desafio. Na maioria das vezes, as vagas ofertadas sempre veem com a exigência da “experiência”, o que promove uma verdadeira seleção natural e acaba com o sonho de gente talentosa e determinada que poderia está se destacando nas mais diversas empresas.

Como parte de um projeto que busca descobrir novos talentos, o Grupo Recol, vem executando um programa que visa não somente encontrar bons profissionais, mas principalmente, dar oportunidade para quem tem habilidades e talentos.

O programa “Deixe a Recol Conhecer o seu Talento”, é uma estratégia de captação de profissionais de diversos segmentos e especialidades com alto potencial a ser desenvolvido.

Para se ter uma ideia da importância do programa, em 2019 foram recebidos mais de 1,5 mil currículos no banco de talentos do Grupo Recol. Desse total, mais de mil pessoas participaram presencialmente dos processos seletivos.

Agora, o Grupo Recol quer descobrir novos talentos na área de vendas. Para isso, está recebendo o currículo de pessoas que tem habilidades, vocação, se comunicam bem e acreditam que podem ter sucesso na área de vendas.

“Estamos construindo uma empresa inovadora e diversa, este programa visa identificar profissionais com potencial para crescer em nosso comercial, nao é necessário experiência e nenhuma formação na área, só vontade de crescer e trabalhar”, explica Rafael Giupponi, diretor de Gente e Gestão do Grupo Recol.

Se você tem interesse de trabalhar em uma empresa do Grupo Recol e acredita ter talento para a área de vendas, mesmo sem nunca ter passado por alguma experiência, pode enviar seu currículo para o e-mail vendas@gruporecol.net.

Mas, atenção, para participar da seleção, é preciso que o envio do e-mail obedeça alguns critérios: o currículo deve constar em anexo e no corpo do e-mail deve constar o nome completo do candidato e também seu e-mail. Após o envio, o candidato receberá um link para proceder com o cadastro.

O Grupo Recol quer descobrir novos talentos e oferecer oportunidade para aqueles que ainda não tiveram oportunidade no mercado de trabalho, mas acreditam que tem talento para a área de vendas.

Continuar lendo

Destaque 4

Campanha de imunização contra a Covid-19 vai iniciar em janeiro de 2021, diz Gladson

Publicado

em

O governador Gladson Cameli participou na tarde desta terça-feira (20) de videoconferência com o ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e demais governadores brasileiros, para tratar sobre a vacina contra a Covid19.

O ministro anunciou a aquisição de 46 milhões de doses da vacina do Instituto Butantan, de São Paulo. A campanha de imunização, coordenada pelo governo federal, deve começar em janeiro de 2021, após aprovação do imunizante pela Anvisa.

“Estou ansioso pela chegada dessa vacina e pela dificuldade de logística e distância, o Acre merece prioridade no recebimento das doses. Nós estamos dispostos a buscar essas vacinas em qualquer lugar do país, pois a minha maior preocupação é com a vida das pessoas”, disse Gladson.

Continuar lendo

Destaque 4

Moradores de 16 bairros da Capital estão sem água após manutenção corretiva do Depasa

Publicado

em

Desde essa segunda-feira, 19, moradores de 16 bairros de Rio Branco se queixam da falta de água. De acordo com o Departamento Estadual de Água e Saneamento (Depasa), o comprometimento do abastecimento acontece agora por causa de uma manutenção corretiva.

A autarquia informou que engenheiros e técnicos das áreas de mecânica e elétrica trabalham para consertar uma vazão na ETA1. Os profissionais atuam para manutenção e instalação de uma bomba vertical na Estação de Captação.

De acordo com o Depasa, a instalação da bomba deve ser concluída no prazo máximo de 48 horas, quando o abastecimento para os bairros afetados será gradualmente normalizado.

Os bairros afetados são: Tancredo Neves, Alto Alegre, Lot. Novo Horizonte, Vila Nova, Res. Reserva do Bosque, Bairro Novo Cruzeiro, Res. Rio Verde, Res. Santa Mônica, Montanhês, Esperança I, II e III, Doca Furtado, Jardim Europa, Tangará, Residencial Rio Branco, Estação Experimental e Distrito Industrial.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas