Conecte-se agora

Justiça condena acusado de matar cidadã chilena a 23 anos e 11 meses de prisão

Publicado

em

Crime hediondo foi praticado por motivo fútil e sem dar chance de defesa à vítima, entenderam jurados

O Juízo da 2ª Vara do Tribunal do Júri e Auditoria Militar da Comarca da Capital condenou um homem a uma pena de 23 anos e 11 meses de prisão, em regime inicial fechado, pela prática do crime de feminicídio (matar em razão da condição de gênero feminino da vítima).

A sentença, do juiz de Direito titular da unidade judiciária, Alesson Braz, ainda aguardando publicação no Diário da Justiça eletrônico (DJe), foi lançada após os jurados do Conselho de Sentença da unidade judiciária considerarem o réu culpado pela prática criminosa narrada na denúncia do Ministério Público (MP).

O júri popular também considerou que o crime foi cometido mediante as circunstâncias “qualificadoras” (que resultam em pena mais grave) de: feminicídio, motivo torpe (ciúme possessivo) e utilização de recurso que dificultou/impossibilitou a defesa da vítima. Os jurados também reconheceram a prática do crime de furto pelo denunciado.

Ao fixar a pena privativa de liberdade em 23 anos e 11 meses de reclusão, o juiz de direito Alesson Braz levou em conta, entre outros, a gravidade em concreto do delito, as circunstâncias agravantes apontados pelos jurados, bem como as consequências graves do crime hediondo praticado pelo denunciado.

Entenda o caso

Segundo a representação criminal, o crime teria ocorrido no dia 1º de fevereiro de 2020, nas imediações da Av. Amadeo Barbosa, segundo distrito de Rio Branco, movido por “repugnante sentimento de posse”, uma vez que o réu nutria interesse sexual pela vítima e soubera que ela iria, em sua imaginação, “deixá-lo”, pois continuaria viagem, dessa vez rumo a Porto Velho (RO).

Ainda de acordo com a denúncia, embora não fosse correspondido, o acusado teria ganhado a confiança da vítima, fornecendo-lhe alimentação e “abrigando-a ocasionalmente em sua residência”, nos dias que antecederam o crime, período em que mantiveram “breve relação”.

Anúncios

Cotidiano

Mega-Sena acumula e prêmio principal sobe para R$ 50 milhões no sábado (26)

Publicado

em

O prêmio principal da Mega-Sena acumulou novamente em sorteio realizado noite desta quarta-feira (23).

Para o sorteio deste sábado (26), o prêmio previsto passou para R$ 50 milhões.

As dezenas sorteadas: 18 – 22 – 25 – 27 – 43 – 44.

Já a quina teve 126 apostas ganhadoras; cada uma receberá R$ 27.380,62.

A quadra teve 6.684 apostas ganhadoras; cada uma levará R$ 737,35.

Continuar lendo

Cotidiano

Jornalista Tião Vitor é encontrado morto em sua residência, em Rio Branco

Publicado

em

O jornalismo do Acre foi sacudido na noite desta quarta-feira, 23, com aquele tipo de notícia que ninguém gostaria de dar. Tião Vitor, um dos jornalistas mais conhecidos do Acre, foi encontrado já sem vida em sua residência no bairro Novo Calafate.

Tião era reconhecido principalmente pelo trabalho desenvolvido no jornalismo impresso. Construiu uma carreira sólida do Página 20, onde trabalhou por décadas e foi de repórter até editor-chefe.  Atualmente, Tião Vitor trabalhava na assessoria de comunicação da prefeitura de Rio Branco.

Nas redes sociais, a comoção é enorme, já que, além de ser reconhecido como bom profissional, Tião era querido entre a classe jornalística.

Os amigos e companheiros de trabalho que falaram e estiveram com Tião Vitor durante o dia desta quarta-feira, comentaram que não sentiram nada diferente em seu comportamento. O jornalista, provavelmente, é mais uma vítima da depressão, que por vezes, age de forma silenciosa e mortal. A família ainda não divulgou informações sobre velório e sepultamento.

Continuar lendo

Cotidiano

Membros do CV no Acre soltam fogos pela morte de Elias Maluco; polícia investiga caso

Publicado

em

Enlutados com a morte do fundador da organização criminosa Comando Vermelho, Elias Maluco, encontrado morto em uma cela do presídio federal de Catanduvas, na região oeste do Paraná na terça-feira, 22, membros da facção em todo Estado do Acre soltaram centenas de fogos na noite desta quarta-feira, 23, como uma forma de homenagem ao líder. A PF (Polícia Federal) diz que o caso indica suicídio, mas irá aguardar o resultado da perícia.

Em nota lançada nas redes sociais, os líderes da facção convocaram todos faccionados para soltar os fogos nos municípios e bairros “onde a semente de Elias Maluco foi plantada”. O ato de despedida dos membros da organização criminosa iniciou-se por volta das 19h e vários moradores escutaram as rajadas de fogos que em alguns bairros de Rio Branco chegou a durar cerca de 5 minutos.

O Segundo Distrito de Rio Branco inteiro ouviu os fogos, de acordo com relatos de internautas. Na região do Calafate, Mocinha Magalhães, Irineu Serra e Baixada da Sobral também foram relatados queima de fogos.

Em Cruzeiro do Sul, os fogos foram ouvidos por cerca de 10 minutos em pelo menos 10 bairros como o Remanso, Cobal, Telegrafo, Cohab, Saboeiro, Cruzeirinho Novo, Miritizal, 25 de Agosto, São José e Lagoa. Em Rodrigues Alves e Mâncio também foram relatados os estouros.

O ac24horas procurou o delegado-geral de Polícia Civil, Josemar Portes, para confirmar se de fato a queima de fogos ouvida em todo o Acre era fruto de uma homenagem a um dos bandidos mais perigosos do país, mas o chefe de polícia não reconheceu. “De maneira alguma não reconhecemos. Não temos comprovação, nós trabalhamos com comprovação técnica derivada de uma investigação. Não temos essa comprovação. Repito, temos inquéritos, temos investigações em curso que apontam para atuação desses grupos, mas isso não é fato novo, mas os integrantes que estão atuando serão identificados e em breve os apresentaremos ao poder judiciário”, argumentou.

Continuar lendo

Cotidiano

Colisão entre bicicletas deixa ciclista gravemente ferido no Centro de Rio Branco

Publicado

em

Uma colisão entre duas bicicletas deixou o ciclista José Flávio Leite dos Reis, gravemente ferido na noite desta quarta-feira, 23. O acidente aconteceu no cruzamento da Avenida Getúlio Vargas com rua Epaminondas Jácome, no Centro de Rio Branco.

De acordo com informações de populares que presenciaram o acidente, um ciclista trafegava na Getúlio Vargas com destino a ponte Juscelino Kubitschek (ponte de metálica) e outro seguia na rua Epaminondas Jácome, quando colidiram. Com impacto, José foi arremessado, bateu a cabeça e desmaiou. O outro ciclista sofreu apenas escoriações.

A ambulância do suporte avançado do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionada, os paramédicos prestaram os primeiros atendimentos e conduziram José ao Pronto-Socorro de Rio Branco. Segundo o Médico do SAMU, Guilherme Piassa, o paciente sofreu um traumatismo craniano e seu estado de saúde é grave.

A área foi isolada pelos Policiais do Batalhão de Trânsito (BPtrans) para os trabalhos de perícia. A bicicleta foi removida e encaminhada ao pátio do Departamento de Trânsito.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas