Conecte-se agora

CNC destaca retomada ampla do comércio do Acre

Publicado

em

A Confederação Nacional do Comércio (CNC) destacou em seu portal a retomada econômica do Acre com a flexibilização de segmentos comerciais . “Acre passou a integrar em, 5/07, a fase amarela na classificação da pandemia e, agora, bares, restaurantes, cinemas, teatros, manifestações culturais e pizzarias podem reabrir com restrições”, relata a CNC.

Esta é uma boa notícia para o setor do comércio e serviços, contudo, uma preocupação passa a acompanhar os empresários dos setores e está relacionada aos estoques – hoje muito baixos, senão inexistentes -, o que não permitirá uma retomada imediata das atividades.

A CNC ressalta que a situação pandêmica ainda existe e a população deve manter todos os cuidados necessários para a manutenção de sua saúde e dos demais consumidores que frequentarem os espaços.

A Confederação Nacional do Comércio (CNC) destacou em seu portal a retomada econômica do Acre com a flexibilização de segmentos comerciais . “Acre passou a integrar em, 5/07, a fase amarela na classificação da pandemia e, agora, bares, restaurantes, cinemas, teatros, manifestações culturais e pizzarias podem reabrir com restrições”, relata a CNC.

Esta é uma boa notícia para o setor do comércio e serviços, contudo, uma preocupação passa a acompanhar os empresários dos setores e está relacionada aos estoques – hoje muito baixos, senão inexistentes -, o que não permitirá uma retomada imediata das atividades.

A CNC ressalta que a situação pandêmica ainda existe e a população deve manter todos os cuidados necessários para a manutenção de sua saúde e dos demais consumidores que frequentarem os espaços.

Anúncios

Destaque 6

Prefeituráveis ressaltam que a campanha só está começando

Publicado

em

A divulgação da pesquisa de intenção de votos do Instituto Real Time Big Data, contratado pela TV Gazeta, foi o principal assunto das rodas políticas na capital. Com os números postos, os candidatos a prefeitura de Rio Branco comentaram o levantamento registrado no Tribunal Regional Eleitoral do Acre que na simulação estimulada coloca Minoru Kinpara (PSDB), Socorro Neri (PSB) e Roberto Duarte (MDB) empatados tecnicamente.

Na frente nas intenções de voto da pesquisa com 23%, o ex-reitor da Ufac, Minoru Kinpara (PSDB) se disse feliz com o resultado. “Fiquei muito feliz com o resultado da pesquisa e lutarei com todas as minhas forças para honrar e dignificar a confiança da nossa população se for eleito prefeito. irei cuidar da nossa cidade e da nossa gente”.

Na segunda colocação com 20%, mas empatada tecnicamente com o candidato tucano, Socorro afirmou que o estudo retrata um momento. “Uma pesquisa retrata um momento. Estamos no começo da campanha e a pesquisa é positiva. Recebo os resultados com tranquilidade e gratidão”.

Apontado como o terceiro colocado com 16%, o emedebista Roberto Duarte diz que não briga com números. “Eu sempre disse que eu não brigo com números. Eu fico contente sobre essa pesquisa. Nós estamos em crescimento desde o início da nossa pré-campanha e eu acredito que agora na campanha nós vamos crescer muito mais porque a população está entendendo que nós somos a verdadeira mudança”.

Na quarta posição, com 9%, Bocalom foi mais ácido no comentário afirmando que só podia rir do levantamento e relembrou que já foi vítima de pesquisa. “A impressão que eu tenho dessa pesquisa é rir. Como eu já fui vítima de pesquisas muitas vezes, quem não se lembra em 2010, no sábado o IBOPE colocou o Tião Viana com 63% e eu com 37%. E o que que deu? Quando abriu as urnas deu 49,5% para o Bocalom. Ai quando foi em 2012, ai colocaram o Marcus Alexandre com 57% e o Tião Bocalom com 43%. Quando abriu as urnas, deu 49,5% de novo. Essas pesquisas na verdade não tem nenhuma credibilidade. A pesquisa que eu gosto é a pesquisa de rua, quando eu saio na rua, eu sinto isso. Eu ouço as pessoas, até os candidatos a vereadores de Rio Branco falam para gente que o nosso nome é o melhor nome”.

Na quinta colocação, com apenas 3%, Zen diz que respeita a pesquisa e enfatiza que a campanha iniciou agora. “Respeito a pesquisa. Não brigo com ela. A campanha começou agora. E nós vamos seguir fazendo uma campanha alegre, defendendo nossas ideias, junto dos moradores da nossa Rio Branco. No final, vai valer a vontade do povo, que para mim é soberana”.

Na penúltima colocação com 2%, o candidato do PSC, Jamyl Asfury, afirmou que a pesquisa não condiz com a realidade, mas que respeita o resultado. “Nós respeitamos qualquer decisão que seja do TRE e se essa pesquisa foi homologada por lá então tudo bem. Agora o que nós estamos vendo na rua é outra coisa. Os nomes que aparecem da pessoa que assumiu a dianteira, quando nós vamos para o dia a dia, olhando, falando com as pessoas, isso é bem diferente, mas o que vale para nós agora é caminhar, conversar com as pessoas. Deus tem nos abençoado muito, novas lideranças tem aderido a nossa proposta de mudança aqui para a cidade de Rio Branco. Eu tenho dito que quero ser prefeito para que Deus governo através da minha vida e é isso que nós temos feito”.

A reportagem tentou durante toda a tarde falar com o candidato Jarbas Soster, que aparece na pesquisa com apenas 1%, mas não obteve retorno da assessoria.

A pesquisa Real Time Big Data entrevistou 800 pessoas e foi realizada no período de 23 a 25 de setembro. A margem de erro é de 4 pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95% e está registrada no Tribunal Regional Eleitoral do Acre sob o número: AC-03815/2020.

Continuar lendo

Destaque 6

Fagner Sales diz que seu valor de bens é de R$ 1,3 milhão

Publicado

em

O candidato a prefeito de Cruzeiro do Sul, Fagner Sales (MDB), afirmou que houve um erro de digitação na declaração de bens que ele encaminhou ao Tribunal Regional (TRE) e que o valor informado, de R$ 105 mil, incluindo quotas de capital de uma firma, de R$ 60 mil, uma casa de alvenaria no valor de R$ 45 mil e um terreno de R$ 900, está errado. O valor real, segundo ele, é de R$ 1,3 milhão.

A casa, ao invés de R$ 45 mil, custa R$ R$ 450 mil. O terreno, em vez de R$ 900, vale R$ 900 mil. Só o valor das quotas foi informado certo. Fagner disse que vai encaminhar a correção do valor ao Tribunal. “Todos sabem que aqui em Cruzeiro do Sul não há casa de alvenaria de R$ 45 mil, mas estamos corrigindo no TRE”, afirmou.

O ac24horas fez levantamento do patrimônio declarado dos 3 candidatos a prefeito de Cruzeiro do Sul, que somava quase R$ 2 milhões. Com a retificação do valor junto ao Tribunal Regional Eleitoral, o valor passou para R$ 3,1 milhões.

O sargento Adonis Souza, policial e comerciante declarou ter patrimônio de R$ 1,1 milhão em terrenos e 90 cabeças de gado. Na declaração de Zequinha Lima contam R$ 705 mil de bens em carros, um terreno, uma casa de pouco mais de R$ 430 mil.

Em 2016, quando foi candidato a vice de Ilderlei Cordeiro e foi eleito para comandar Cruzeiro do Sul por 4 anos, Lima declarou ter uma casa apenas de R$ 250 mil, um veículo Siena de R$ 28 mil e uma Honda Biz no valor de R$ 3 mil, totalizando R$ 281 mil, ou seja, em um mandato o candidato quase triplicou o seu patrimônio. O único candidato que afirmou ter erro na declaração de bens foi Fagner Sales.

Continuar lendo

Destaque 6

Pagamento do Auxílio Emergencial Extensão começa amanhã

Publicado

em

A CAIXA vai iniciar os pagamentos das parcelas do Auxílio Emergencial Extensão para os beneficiários que não fazem parte do público do Bolsa Família nesta quarta-feira (30/09), juntamente com o início do Ciclo 3 de pagamentos.

O pagamento das parcelas extras dos beneficiários do Programa Bolsa Família segue o calendário habitual. A primeira parcela extra teve início no dia 17 de setembro e finaliza o primeiro ciclo nesta quarta-feira (30), com o pagamento dos beneficiários de final de NIS 0.

Já foram pagos R$ 213,8 bilhões do Auxílio Emergencial para 67,2 milhões de brasileiros, em um total de 315,5 milhões de pagamentos.

“O Auxílio Emergencial é o maior programa de transferência de renda da história do país e a CAIXA está ao lado dos mais humildes, que precisam com urgência do benefício, demonstrando que é o banco de todos os brasileiros”, destaca o presidente da CAIXA, Pedro Guimarães.

O benefício criado em abril deste ano pelo governo federal foi estendido até 31 de dezembro por meio da Medida Provisória (MP) nº 1000. O Auxílio Emergencial Extensão será pago em até quatro parcelas de R$ 300 cada e, no caso das mães chefes de família monoparental, o valor é de R$ 600.

Não há necessidade de novo requerimento para receber a extensão do auxílio. Somente aqueles que já foram beneficiados e, a partir de agora, se enquadram nos novos requisitos estabelecidos na MP, terão direito a continuar recebendo o benefício.

O calendário de pagamentos e de saques para o Auxílio Emergencial Extensão e para a continuidade das parcelas do Auxílio Emergencial foi estabelecido pela Portaria nº 496 do Ministério da Cidadania de 28 de setembro de 2020.

Continuar lendo

Destaque 6

Vacina da Johnson & Johnson contra a Covid-19 é segura

Publicado

em

Resultados preliminares e parciais apontam que a vacina desenvolvida pelo grupo Johnson & Johnson contra a Covid-19 é segura e induziu resposta imune mesmo após uma única aplicação.

Os resultados são referentes a uma parte dos participantes das fases 1 e 2, que foram conduzidas de forma conjunta. Eles ainda não foram revisados por outros cientistas – requisito necessário para publicação em revista científica – mas foram disponibilizados em um repositório on-line na sexta-feira (25).

A imunização, cujo nome oficial é Ad26.COV2.S, foi desenvolvida pela farmacêutica Janssen Pharmaceuticals, que pertence ao grupo J&J. A imunização foi a quarta a obter autorização de testes de fase 3 no Brasil, em agosto; na semana passada, a empresa anunciou que começaria a terceira etapa em todo o mundo, com 60 mil voluntários. No Brasil, segundo a Anvisa, haverá 7 mil participantes.

Ao todo, os testes foram feitos com 796 participantes, divididos em 3 grupos (que não tinham, necessariamente, a mesma quantidade de voluntários cada um).

Dos 3 grupos, 2 tinham voluntários com idades de 18 a 55 anos. O terceiro grupo tinha voluntários com 65 anos de idade ou mais (394 pessoas).

Os testes foram realizados entre 22 de julho e 24 de agosto (em períodos diferentes para cada um dos três grupos).

Nos 3 grupos, houve participantes que receberam uma dose maior ou menor da vacina.

Com as informações que estavam disponíveis, os pesquisadores concluíram o seguinte:

A geração de anticorpos foi similar nos participantes com idades de 18 a 55 anos e nos que tinham 65 anos ou mais.

Os efeitos colaterais mais comuns foram febre, fadiga, dor de cabeça e dor no corpo. A febre foi de leve a moderada, e se resolveu de 1 a 2 dias após a vacinação.

A melhor forma de continuar estudando a vacina é aplicá-la em dose única, com a menor dose testada – porque ela foi suficiente para induzir uma resposta imune satisfatória e gerou efeitos colaterais menos intensos nos participantes.

Com informações do G1

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas