Conecte-se agora

PSDB diz que espera que Gladson some ao projeto do ninho tucano

Publicado

em

A executiva municipal do PSDB divulgou uma nota onde enfatiza que não há nenhuma discussão no sentido de retirar a pré-candidatura de Minoru Kinpara à prefeitura de Rio Branco.

A nota tucana lembra a liderança da candidatura do partido nas pesquisas de intenções de voto realizadas até o momento e negou que tenha sido ventilada a possibilidade de uma composição como vice de Socorro Neri.

A direção municipal do partido ainda deixa claro que espera que a chegada de Gladson venha somar e fortalecer o projeto político do PSDB.

A nota é assinada pelo presidente da executiva municipal Mário Paiva.

Leia a nota: 

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Em face das notícias veiculadas em jornais locais sobre a vinda do governador Gladson Cameli para o Partido da Social Democracia Brasileira (PSDB) salientamos que o nosso pré-candidato é o professor Minoru Kinpara. Destacamos que esta é uma decisão já confirmada e que não há nenhuma discussão interna em contrário.

O PSDB reafirma o compromisso com a pré-candidatura do professor Minoru Kinpara. A candidatura de Kinpara vem sendo construída a muitas mãos. O pré-candidato conta com a aprovação de grande parte da população da capital, a expressão desse sentimento pode ser verificada nas pesquisas de intenção de votos divulgadas até o momento.

Tudo ainda é muito recente, não tivemos a oportunidade de conversar pessoalmente com o governador Gladson Cameli e nem discutimos com nenhum veículo de comunicação sobre a composição da chapa majoritária. Nada foi tratado nesse sentido.

Estamos convictos de que se for efetivada a vinda do governador Gladson Cameli para o PSDB, será para somar, para construir pontes de diálogo e para a construção de uma Rio Branco melhor.

A política é o exercício do respeito, do diálogo e da democracia, acreditamos que o Governador possui esse perfil e sua vinda será importante para o fortalecimento do PSDB.

Mário Paiva
Presidente Executiva Municipal do PSDB – RIO BRANCO

Anúncios

Acre

Petecão defende receita digital: “não sabemos que vem por aí”

Publicado

em

Está permitida a utilização de receita médica digital por profissionais que atendam pacientes à distância. O Congresso Nacional derrubou o veto presidencial ao trecho da lei que regulamenta a telemedicina no Brasil durante o estado de calamidade provocado pela pandemia do coronavírus.

“Entendo que não podemos facilitar, flexibilizar porque a situação é grave e não sabemos o que está por vir”, disse o senador Sergio Petecão ao defender a receita digital.

Pela proposta, a receita deverá ter assinatura digital, comprovada por certificação digital, e ser fundamentada em prontuário eletrônico do paciente armazenado em sistemas de registro eletrônico. Os sistemas de validação deverão ser autorizados pelas autoridades sanitárias brasileiras.

Continuar lendo

Acre

Morre médico ginecologista vítima de Covid-19 na UTI do PS

Publicado

em

Médico faleceu dias depois de perder a esposa para a mesma doença

Morreu na noite dessa sexta-feira, 14, o médico ginecologista Lizandro Javier Diaz Roldan. Ele estava internado na Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Urgência e Emergência de Rio Branco. O profissional de saúde que atuava no Acre morreu dias depois de perder a esposa para a mesma doença.

Logo após a notícia do falecimento, o Conselho Regional de Medicina do Acre emitiu nota de pesar. “Cientes da dor que passam os familiares, amigos e médicos acreanos, o Conselho expressa sua solidariedade e expressa as mais sinceras condolências por tamanha perda”, escreveu a presidente do CRM/AC, Leuda Dávalos.

O deputado estadual e médico Jenilson Lopes também manifestou pesar pela morte do colega de profissão. “Ninguém está isento de entrar nas estatísticas da Covid-19. Vá em paz Dr. Lizandro. Ele havia perdido a esposa dias antes para a Covid-19. Um soldado da saúde que a gente perde”, publicou o parlamentar.

 

Continuar lendo

Acre

CRM diz que cabine de desinfecção pode provocar danos à saúde

Publicado

em

O Conselho Regional de Medicina do Acre (CRM-AC) enviou um ofício ao Ministério Público do Estado nessa sexta-feira, 14, pedindo sejam providências para evitar danos à saúde pública após a prefeitura de Rio Branco implantar uma cabine de desinfecção humana, supostamente usada como uma medida de proteção contra o novo coronavírus, na Rodoviária Internacional da capital.

A secretaria municipal de Saúde de Rio Branco e o Dr. Osvaldo Leal, coordenador do Comitê de Enfrentamento à Covid-19 também foram notificados. O CRM usa como base a nota técnica da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), que diz “faltar evidências científicas” de que o uso de estruturas como câmaras, cabines e túneis para desinfecção de pessoas tenha eficácia, enquanto medida preventiva contra a Covid-19.

Outro ponto citado é o fato de que a utilização desse tipo de estrutura pode dar às pessoas uma falsa sensação de segurança. “Desse modo, levar ao relaxamento das práticas de distanciamento social, de lavagem das mãos frequente com água e sabão, de desinfecção de superfícies e outras medidas de prevenção”, afirma.

De acordo com a entidade, a cabine utiliza diversos produtos químicos, como: hipoclorito de sódio, dióxido de cloro, peróxido de hidrogênio, quaternários de amônio, ozônio, iodo, triclosan, clorexidina, entre outros, que podem ser danosos à saúde da população, uma vez que são aplicados diretamente na pele e nas roupas.

Continuar lendo

Acre

Saúde do Acre deixa de emitir boletins aos sábados e domingos

Publicado

em

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesacre) anunciou nesta sexta-feira (14) que a lista de mortes por Covid-19 passará a ser divulgada de segunda-feira a sexta-feira.

“Os óbitos do final de semana serão informados no boletim de segunda-feira”, anunciou a Sesacre, que não apresentou os motivos que levaram a essa decisão.

O Acre, até o momento, registra 54.246 notificações de infecção pelo coronavírus, sendo que 31.772 casos foram descartados. Ainda, 39 testes de RT-PCR seguem aguardando análise nos laboratórios Central de Saúde Pública do Acre (Lacen) e Charles Mérieux. Pelo menos 15.505 pessoas já receberam alta médica da Covid-19, enquanto 157 seguem hospitalizados.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas