Conecte-se agora

Ex-goleiro do Flamengo, Bruno deve ser o reforço do Rio Branco na temporada 2020

Publicado

em

O Rio Branco FC terá um reforço para a disputa do segundo turno do estadual, além da Série D do Campeonato Brasileiro e a Copa Verde. Trata-se do ex-goleiro do Flamengo, Bruno Fernandes de Souza, condenado em 2010 por homicídio triplamente qualificado e ocultação de cadáver de sua ex-companheira Eliza Samudio.

A contratação foi anunciada pelo presidente do Rio Branco FC, Neto Alencar, ao site AcreNews, neste domingo (26).

Segundo o presidente do “Estrelão”, Neto Alencar, o jogador deve chegar a capital do Acre na próxima sexta-feira, 31, e se juntar ao grupo que aguarda autorização das autoridades de saúde para a retomada dos treinos em virtude da pandemia da Covid-19.

A diretoria do clube disse que a apresentação oficial do jogador a torcida, só acontecerá quando a presença de torcedores estiver liberada nos treinos.

Fonte: AcreNews

Anúncios

Acre 01

Esposa de Tião Fonseca, ex-diretor do Depasa, também é presa em operação da Polícia Civil

Publicado

em

A empresária Delba Nunes Bucar, dona da Bucar Engenharia, também foi presa durante a operação da Polícia Civil na manhã desta segunda-feira, 3. Esposa de Tião Fonseca, ex-diretor-presidente do Depasa, ela é investigada por receber mais de R$ 500 mil de um pagamento feito pelo marido a sua empresa logo no primeiro mês que assumiu o departamento.

FOTO: REDE SOCIAL

Alvo principal da operação, o casal teve a prisão temporária decretada pelo juiz Cloves Augusto Alves Cabral Ferreira, da 4ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco.

A sede da empresa de Delbar também foi alvo de busca e apreensão. Agentes da Polícia Federal apreenderam computadores e uma série de documentos que poderão embasar num possível indiciamento do casal.

Continuar lendo

Acre 01

Fonseca é encaminhado ao IML para fazer exames e ficará preso na Delegacia da Sobral

Publicado

em

O engenheiro Tião Fonseca, ex-diretor-presidente do Depasa que foi preso nesta segunda-feira, 3, ficou cerca de 30 minutos na Sede da Delegacia de Combate à Corrupção e aos Crimes contra a Ordem Tributária e Financeira (Decor), localizada no bairro Bosque, e logo em seguida foi levado por agentes da Polícia Civil ao Instituto Médico Legal (IML) para fazer exames de corpo de delito.

O ac24horas apurou que Fonseca fica preso temporariamente na Delegacia localizada no bairro Sobral. Ele e a empresa de sua esposa, Delba Nunes Bucar, sócia-proprietária da Bucar Engenharia foram os alvos da operação, que também realizou busca e apreensão na residência do irmão do senador Márcio Bittar (MDB), Edson Siqueira, que foi diretor-financeiro do Depasa, mas que atualmente ocupa o cargo de diretor da Fundação Elias Mansour (FEM).

Continuar lendo

Acre 01

Sem algemas, Tião Fonseca chega a sede da Decor e porta da delegacia é fechada

Publicado

em

O ex-presidente do Depasa, engenheiro Tião Fonseca, preso nas primeiras horas desta segunda-feira, 3, sob a acusação de desvio de recursos públicos, chegou a Sede da Delegacia de Combate à Corrupção e aos Crimes contra a Ordem Tributária e Financeira (Decor), localizada no bairro Bosque, sem algemas e aparentando tranquilidade.

Ao ser abordado pelo ac24horas, Fonseca não quis falar com a reportagem. Ele era aguardada por um advogado que tentou impedir que a imprensa registrasse imagens na entrada da delegacia. Para evitar constrangimentos, a porta da Unidade Policial chegou a ser fechada por alguns minutos até que engenheiro fosse encaminhado a uma sala.

Os investigadores da Delegacia de Combate à Corrupção e aos Crimes contra a Ordem Tributária e Financeira (Decor), constataram uma série de desvios de recursos públicos enquanto Fonseca esteve a frente do órgão, principalmente após ele pagar cerca de R$ 500 mil para empresa da própria esposa.

A operação da PC cumpriu mandados na Sede do Depasa, na Bucar Engenharia e também na residência de Edson Siqueira, ex-diretor-financeiro do órgão, que atualmente ocupa o cargo de diretor na Fundação Elias Mansour (FEM). Siqueira é irmão do senador Márcio Bittar (MDB), padrinho político de Fonseca.

O mandado de prisão e das buscas e apreensões foram expedidos pelo juiz Cloves Augusto Alves Cabral Ferreira, da 4ª Vara Criminal da Comarca de Rio Branco.

Continuar lendo

Acre 01

Criminosos expulsam e incendeiam casa de família por repasse de informações à facção rival

Publicado

em

Duas casas foram totalmente destruídas por um incêndio provocado por membros de uma facção na noite desta segunda-feira (27). O crime aconteceu na Rua Barra do Sol, no Bairro Cidade Nova, região do Segundo Distrito de Rio Branco. Informações de populares apontam que o causador do incêndio foi um grupo criminoso, membros de uma facção que tomou recentemente o território dos seus rivais.

Os suspeitos desconfiaram que os moradores do local estariam passando informações para organização criminosa rival. Como penalidade, os criminosos expulsaram a família, os ameaçaram de morte caso não saíssem do bairro e atearam fogo na residência. Como consequência, o fogo se alastrou e atingiu também uma residência vizinha.

Viaturas do Corpo de Bombeiros foram acionadas até ao local e os militares conseguiram controlar o incêndio. Um boletim de ocorrência foi registrado na Delegacia e o caso será investigado pela Polícia Civil.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas