Conecte-se agora

Vigilância orienta lojistas a cumprirem os protocolos necessários de reabertura

Publicado

em

Cuidando para que a reabertura do comércio varejista e de serviços não provoque uma nova onda de proliferação do novo coronavírus em Rio Branco, a Prefeitura, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), continua realizando o trabalho de orientação sanitária nas lojas e escritórios que já estão de portas abertas ao público.

Na ação, iniciada nesta terça-feira (21) pelos locais com maior tendência de aglomeração de pessoas, os agentes da Vigilância Sanitária do Município observam se o estabelecimento está tomando os cuidados previstos nos Decreto Municipal 488, de 21 de julho de 2020, tais como o controle da quantidade de pessoas no interior das lojas que deve obedecer o limite máximo de 30% de sua capacidade nas áreas de livre circulação, se há marcações horizontais e outras medidas que indiquem o distanciamento social de 1,5 metro, pelo menos, nos locais de espera (filas) e a disponibilização de álcool em gel ou líquido para a higienização das mãos de quem entra.

As visitas de orientação começaram pelo Via Verde Shopping e na tarde desta quarta-feira (22) ocorreu na Loja Havan. “A princípio verificamos que há uma proposição bem forte dos empresários em cumprir os protocolos. Aquilo que percebemos que precisa ser ajustado nós orientamos, alertamos o que precisa melhorar, mas percebemos que o maior desafio mesmo é convencer a população de que não estamos no normal. Estamos numa condição concessiva preliminar de uma caminhada bastante longa ainda para chegarmos à normalidade, que é o objetivo, mas que existe o risco do retrocesso e ninguém quer isso e ter que voltar às restrições que tivemos que viver há bem pouco”, ressaltou o auditor fiscal da Vigilância Sanitária do Município, Luiz Carlos Paes.

A flexibilização permitida no nível laranja, que indica alerta, segundo a classificação do Pacto Acre sem Covid, teve início nesta terça-feira, 21, e a preocupação do Comitê Municipal de Enfrentamento ao novo Coronavírus é fazer com que as medidas de prevenção de proliferação viral continuem sendo tomadas, para que Rio Branco não retroceda no enfrentamento à Covid-19 e volte para a faixa vermelha, de emergência.

“Conseguimos uma vitória parcial que pode ser perdida se não cuidarmos para que as medidas restritivas continuem sendo obedecidas. Estamos na faixa de alerta e começamos bem, mas é preciso um envolvimento muito maior da população, de todos nós, no sentido de redobrarmos os cuidados com o reinício das atividades permitidas. Que seja um reinicio organizado, que as medidas de cuidado individuais e coletivas continuem sendo tomadas para garantir a nossa segurança e evitar um novo avanço do vírus”, alertou o médico Oswaldo Leal, coordenador do Comitê Municipal de Enfrentamento ao coronavírus.

Seguindo um cronograma planejado pela Semsa, as visitas orientadas de Vigilância Sanitária estão previstas para continuarem acontecendo nos próximos dias nos bairros e regionais com maior concentração de lojas do comércio varejista, de móveis, calçados, confecções, acessórios e de serviços como salões de beleza e escritórios, permitidos a reabrir na faixa laranja.

Anúncios

Cotidiano

Mototaxista é preso ao entregar droga em cabos de vassoura no presídio de Rio Branco

Publicado

em

Um mototaxista recebeu voz de prisão de policiais penais do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen) nesta quarta-feira, 5, após entregar entorpecentes na entrada do Complexo Penitenciário de Rio Branco. O material estava escondido dentro dos cabos de duas vassouras e seriam encaminhados a um detento da unidade.

Ao Iapen, o motorista informou ter sido abordado por um homem ainda no ponto de mototáxi. Este perguntou quem estava na vez e pediu para que o mototaxista deixasse duas vassouras na penitenciária.

Quando as vassouras chegaram ao presídio, o mototaxista as entregou para os policiais de plantão na guarda, juntamente com um papel constando o nome do preso que deveria receber. No equipamento de raio X, foi percebido que o cabo de alumínio estava totalmente preenchido. Haviam 173 gramas de um entorpecente aparentando ser maconha e 13 gramas de outra substância aparentando ser cocaína.

“O mototaxista recebeu voz de prisão e foi conduzido à Delegacia de Flagrantes de Rio Branco. No âmbito da unidade, um procedimento administrativo será aberto para verificar o real destino do material entorpecente”, informou o Iapen.

Continuar lendo

Cotidiano

Deputado pede prorrogação do auxílio insalubridade aos profissionais da segurança

Publicado

em

O deputado Cadmiel Bonfim pediu nesta quarta-feira, 5, ao governador Gladson Cameli, sensibilização maior para prorrogar o auxílio de insalubridade aos profissionais da segurança pública. “Perdemos o sargento F. Mendes recentemente e outros tantos estão contaminados pela Covid-19″, disse Bonfim.

O auxílio de insalubridade dever durar até o fim da pandemia, diz o deputado, mas ele quer que Gladson cumpra promessa de campanha e pague a titulação dos militares.

Há dinheiro em caixa, segundo ele. “Há condições sim de se continuar pagando. São merecedores desse auxílio”, afirmou.

Continuar lendo

Cotidiano

Unidades de saúde em Tarauacá passam a funcionar em horário reduzido

Publicado

em

A prefeitura de Tarauacá emitiu uma nota informativa alertando que os atendimentos nas Unidades Básicas de Saúde do município tiveram o horário reduzido. O novo horário especial de expediente nas repartições públicas municipais está valendo desde o dia 3 de agosto. Agora, o expediente nas unidades básicas de saúde funciona das 7h às 13h e na unidade referência no atendimento de Covid-19, Maria Francisca da Costa Cabral (Doquita), das 7h às 20h.

A Unidade Básica de Saúde Fluvial “Dezinho” (Balsa Hospitalar) retornará aos atendimentos normais na data e horário marcado pela prefeitura. Moradores do bairro Corcovado e que suspeitam de infecção do coronavírus, poderão ser atendidos na unidade do próprio bairro, Marília Vieira, das 7h às 13h.

Segundo a prefeitura, “não haverá prejuízos nos atendimentos em virtude do novo horário haja vista a comprovação da procura por atendimentos pelo período da tarde ser mínima”, diz. A secretaria municipal de saúde afirma que vem trabalhando para proteger a integridade física dos profissionais e ao mesmo tempo oferecer um atendimento digno ao cidadão.

Continuar lendo

Cotidiano

Moradores do Quixadá ficam sem energia após árvore cair em rede elétrica

Publicado

em

Moradores de algumas regiões da Estrada do Quixadá, em Rio Branco, ficaram sem energia elétrica por quase 10 horas nessa terça-feira, 4. A interrupção do fornecimento de energia aconteceu pela manhã e, à noite, ainda não havia sido normalizada.

“Meu pai ficou sem energia desde manhã cedo e a gente ligava para a Energisa e eles falavam que já estavam designando uma viatura para arrumar a energia, mas não chegavam”, enviou uma moradora ao ac24horas.

Alguns moradores que possuem comércio na região reclamaram da possibilidade de perde mercadoria por conta do imprevisto. “A conta de luz chega cara e a gente paga, mas na hora de eles fazerem a parte deles eles não fazem”, reclamou a moradora.

O que diz a Energisa

Em ao enviada ao ac24hoas, a distribuidora de energia elétrica Energisa afirmou que a interrupção de energia elétrica no ramal do Limoeiro foi causada pela derrubada de árvores por terceiros sobre a rede de distribuição de energia elétrica.

“As equipes de manutenção foram direcionadas para o atendimento para normalizar o fornecimento de energia elétrica. A necessidade de deslocamento em mais de 50km dentro do ramal, a remoção das árvores e reparo dos estragos causados demanda um tempo maior no reestabelecimento do serviço. A empresa pede desculpas pelos transtornos causados aos seus clientes”, explicou a empresa.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas