Conecte-se agora

Procon e Ministério Público fiscalizam preços dos materiais de construção em Rio Branco

Publicado

em

Nos últimos dias quem precisa comprar tijolos, tem se assustado com os preços. De uma hora para outra, o preço do milheiro que girava em torno de R$ 450 subiu para R$ 800 na capital acreana. Muitos consumidores reclamam do que consideram preço abusivo.

Por conta dessas reclamações, o Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor do Acre (Procon/AC) com o apoio do Ministério Público do Acre (MPAC), está notificando as cerâmicas e lojas de materiais de construção, que funcionam na cidade de Rio Branco.

Nesta segunda-feira, 20, novos estabelecimentos comerciais estão sendo visitados pelos agentes fiscais que solicitam planilhas, documentos e notas fiscais que contenham os valores de produtos como tijolo, telha, areia, brita, barro, piçarra e cimento.

O Procon/AC e o MPAC receberam diversas denúncias sobre o aumento dos preços desses materiais de construção.

“Antes da pandemia do Covid-19, a média do preço cobrado pelo milheiro de tijolos era de R$ 400. No meio dessa crise, o valor foi elevado para R$ 800, sem nenhuma justificativa plausível. Por isso, estamos averiguando essa situação”, informa o chefe de fiscalização do Procon/AC, Rommel Queiroz.

As empresas notificadas terão o prazo de 5 dias para apresentar os comprovantes de preços, praticados nos últimos 3 meses. As fiscalizações seguem no decorrer da semana.

Caso haja comprovação da abusividade, as lojas poderão sofrer sanções administrativas e multadas pelos órgãos de controle.

Qualquer denúncia de preço abusivo pode ser feita pelos consumidores, por meio dos contatos telefônicos: 3223-7000 ou 151, de segunda a sexta-feira, das 8 às 13 horas.

Anúncios

Cotidiano

Gaeco e PM realizam operação para desarticular núcleo financeiro de facção no Acre

Publicado

em

Na manhã desta quarta-feira, 5, o Grupo de Atuação Especial no Combate ao Crime Organizado (Gaeco) do Ministério Público do Estado do Acre e a Polícia Militar deflagraram a Operação Livro Caixa.

A operação tem por objetivo desarticular o núcleo financeiro, responsável por realizar a contabilidade do crime da facção Bonde dos Treze na Cidade de Povo e outras regiões, que praticava, inclusive, extorsão de comerciantes locais, obrigados a pagar contribuição para a organização criminosa. A ação também tem como foco o núcleo responsável pelo cadastro dos membros da facção.

Ao todo foram cumpridos dezoito mandados judiciais, sendo 13 mandados de prisão e cinco de busca e apreensão na Cidade do Povo, Taquari, Boa União, todos no município de Rio Branco – Acre, além de Porto Velho (RO) e nas Unidades Prisionais Francisco D’ Oliveira Conde e Drº Evaristo de Moraes, em Sena Madureira.

O efetivo empregado na ação foi de 50 policiais. O nome da operação faz referência à apreensão de registros da contabilidade da facção, que revelam o crime de extorsão contra comerciantes.

Logo mais, às 9h, o coordenador-adjunto do Gaeco, promotor Bernardo Albano, irá apresentar os resultados da operação, na sede do Batalhão de Operações Especiais (Bope).

Com informações da assessoria do MPAC

Continuar lendo

Cotidiano

Aplicativo vai identificar pessoas próximas que testaram positivo para a Covid-19

Publicado

em

Em até 24 horas, uma pessoa poderá saber, por meio de um alerta no celular, se alguém próximo esteve ou não infectado pelo novo coronavírus nos últimos 14 dias. É o que promete o aplicativo Coronavírus-SUS, anunciado pelo Ministério da Saúde, em parceria com o Google e a Apple, na última semana (31). Segundo a pasta, o monitoramento da doença é importante para o controle da pandemia e para a retomada segura das atividades.

A tecnologia utilizada no app é a “API Exposure Notification”, que já vem sendo usada em países como Alemanha, Itália e Uruguai. Essa técnica de rastreamento de casos positivos da Covid-19, segundo o Ministério da Saúde, será um fator essencial da transição da população para a rotina pós-isolamento social e, ao mesmo tempo, de gerenciar o risco de novos surtos.

“Antes de chegar ao Brasil, essa tecnologia amadureceu muito. Antes de adotá-la, nosso sistema passou por um crivo internacional, que fez uma série de alertas e ajustes necessários antes de o aplicativo ficar disponível para ser baixado”, explica o diretor do Departamento de Informática do SUS, Jacson Venâncio de Barros.

No Brasil, apenas o Ministério da Saúde terá licença para usar a funcionalidade desenvolvida pelo Google e pela Apple. Com o envio criptografado das informações de contágio, por meio do uso do bluetooth de baixa energia, o aplicativo reconhece contatos próximos a uma distância de 1,5 a dois metros e por um tempo mínimo de cinco minutos entre smartphones que possuam o aplicativo instalado. Nenhum dado de geolocalização, incluindo dados de GPS, é coletado.

O ministério esclarece, ainda, que para receber notificações de contato próximo com usuários positivos para Covid-19, é necessário que o interessado tenha o aplicativo e habilite a função de notificação de exposição no aparelho. O aplicativo funciona apenas com outras pessoas com o aplicativo oficial instalado. Se a pessoa optar por parar de receber as informações, basta desativar as configurações no aplicativo ou até mesmo excluí-lo, a qualquer momento.

Privacidade

Uma das preocupações relatadas por usuários era sobre a privacidade dos dados, já que é o próprio infectado que insere as informações no aplicativo. Funciona assim: a pessoa com resultado positivo para a doença informa no aplicativo Coronavírus-SUS, de forma voluntária e anônima, a validação do seu exame positivo para a doença (PCR ou sorológico). O dado é inserido a partir de um token (código de números) emitido pelo Ministério da Saúde.

Segundo a pasta, para evitar informações falsas, antes de gerar esse código, o órgão faz o cruzamento entre o exame informado pela pessoa e os registros integrados da plataforma de vigilância (e-SUS Notifica) e da Rede Nacional de Dados em Saúde (RNDS), ambos integrados e que reúnem informações dos pacientes com Covid-19 no Brasil.

“É importante destacar que a privacidade será garantida. Eu não vou saber quem foi a pessoa com a qual eu tive contato, e que possivelmente esteja doente. O usuário apenas vai tomar conhecimento de que teve contato com alguém infectado”, garante o secretário-executivo do Ministério da Saúde, Elcio Franco.

Em caso de alerta positivo da doença para os usuários do aplicativo, Elcio Franco detalha o procedimento. “A orientação é a mesma de quem teve algum sintoma. A pessoa deve tomar os cuidados, as medidas de higienização, de etiqueta respiratória – com o uso da máscara –, e, ao surgir algum sintoma, procurar a rede de atenção básica para buscar orientação médica.”

Fonte: Brasil 61

Continuar lendo

Cotidiano

Ifac em Tarauacá abre vagas para Curso Preparatório Pré-Enem 2020

Publicado

em

As inscrições serão nos dias 10 e 11 de agosto e deverão ser feitas com o envio de documentação por e-mail

Nos dias 10 e 11 de agosto, o Instituto Federal do Acre (Ifac) campus Tarauacá receberá inscrições para o curso preparatório para o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). O projeto Pré-Enem 2020 será realizado de forma online em virtude da pandemia e da suspensão das atividades presenciais no Ifac por tempo indeterminado. O curso é aberto para participação da comunidade de Tarauacá, preferencialmente, alunos do 3º ano do ensino médio e os que já concluíram o ensino médio. As aulas estão previstas para iniciar no dia 15 de agosto.

No curso são contempladas as disciplinas de Biologia, Física, Química, Matemática, Geografia, Língua Inglesa, Artes e Português (Redação), com aulas ministradas por professores do Ifac campus Tarauacá. Ao final do curso, o aluno que tiver frequência igual ou superior a 75% terá direito a receber um certificado de participação no projeto.

Para participar, é necessário enviar a seguinte documentação, em arquivo único, para o e-mail [email protected]: RG, CPF, comprovante de residência, declaração que estuda o 3º ano do ensino médio, ou para aqueles que já concluíram, cópia do histórico escolar e, ainda, a ficha de inscrição preenchida.

Os candidatos com inscrições validadas serão incluídos no Google Classroom e também no grupo de Whatsapp do projeto. Assim, para que o alunos possam participar e acompanhar as aulas, além de possuir acesso à internet, é importante fornecer um número de telefone e conta de e-mail do google.

Conforme explica a coordenadora do projeto, professora Delma Andrade, “O curso Pré-Enem é um projeto que foi institucionalizado junto à Pró-Reitoria de Extensão (Proex) que deveria ocorrer de modo presencial no Ifac de Tarauacá. Contudo, devido a pandemia, o curso será ofertado de modo online pelo Google Sala de Aula e Google Meet.”

Os recursos necessários para a participação no projeto como equipamento com acesso à internet ou materiais impressos são de responsabilidade dos participantes.

Para mais informações, é possível entrar em contato com a coordenadora do projeto pelo e-mail [email protected]

Baixe aqui a ficha de inscrição.

Continuar lendo

Cotidiano

Contaminação de profissionais de saúde pode comprometer atendimento em Xapuri

Publicado

em

Os novos casos positivos do novo coronavírus seguem em elevação em Xapuri. Na atualização do Boletim da Secretaria Municipal de Saúde desta terça-feira, 4, foram acrescentados 24 novos diagnósticos de covid-19. A média móvel dos últimos 7 dias no município subiu para 12 casos diários, segundo a coordenação do enfrentamento à pandemia.

Nas últimas 48 horas, foram várias as confirmações de contaminação de profissionais de saúde do estado e do município, entre os quais duas médicas do hospital Dr. Epaminondas Jácome. Além delas, duas técnicas de enfermagem testaram positivo nesta terça-feira. Agentes comunitários de saúde e enfermeiros também estão entre os novos casos.

Em razão das ocorrências no hospital local, uma médica teve que ser acionada do município de Brasiléia para cobrir o plantão de uma colega que recebeu a notícia do teste positivo durante o trabalho. O fato não causou prejuízo para o atendimento ao público, que seguiu dentro da normalidade, segundo a direção da unidade de saúde.

O gerente-geral do hospital, enfermeiro Josimar dos Santos, disse ao ac24horas que desde o início da pandemia novos profissionais da área médica, de enfermagem e técnica em enfermagem foram contratados, em regime de emergência, para dar suporte às demandas que já eram previstas.

“A situação não está sendo fácil, mas até o momento não tivemos problemas com a nossa escala por conta da pandemia, nossos setores não têm ficado a descoberto e nós temos nos ajudado muito. Estamos conseguindo manter a casa em ordem, mas não sabemos daqui para frente, pois temos muita gente se contaminando, tanto na saúde do estado quanto do município”.

A reportagem conversou também com o coordenador da Unidade de Referência para a Covid-19 no município, o enfermeiro Francisco Andrade. Segundo ele, tanto a demanda da unidade quanto do hospital aumentou muito desde a última semana. Por isso, na próxima semana, o atendimento na unidade de referência passará a ter duas equipes trabalhando simultaneamente.

“Se analisar os boletins de ontem e de hoje vemos muitos profissionais infectados. Nós estamos em um novo momento da pandemia, percebe-se também muitos idosos, ou seja, os adultos e jovens, que são a maioria, estão levando a infecção para a terceira idade, grupo de risco que, consequentemente, tende a necessitar de melhores cuidados”, explicou.

Internações em alta

Com os novos números divulgados nesta terça-feira, Xapuri chegou aos 505 casos confirmados do novo coronavírus, com 38 exames aguardando resultado de análise, 491 pessoas monitoradas em seus domicílios, 334 altas médicas e 6 óbitos registrados em decorrência de complicações da covid-19.

Um dado que chama a atenção é a elevação de internações hospitalares de pacientes diagnosticados em Xapuri. As hospitalizações foram mínimas desde o início da pandemia, mas subiram a partir da última semana de julho e chegaram a 8 nesse começo de agosto.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas