Conecte-se agora

Padre Jairo chama N. Lima de irresponsável e fanático por espalhar fake news contra o Papa

Publicado

em

Após ouvir do vereador N. Lima, que ontem disse na sessão online da Câmara de Vereadores de Rio Branco que “a maior liderança da Igreja Católica quer cancelar a Bíblia com o objetivo de usar um livro mais moderno, o veio do vice-reitor da Catedral de Rio Branco, padre Jairo Coelho, respondeu, em nota, o que chamou de irresponsabilidade, fanatismo religioso ou ignorância.

N. Lima disse que “estou aqui muito revoltado e decepcionado com esse tipo de ação do papa. não tem nem lógica! Anos e anos que a população do mundo inteiro vem seguindo a Bíblia Sagrada e de repente chega o papa, que se acha Deus, e quer mudar uma coisa escrita por Deus! Estou aqui muito revoltado e decepcionado com esse tipo de ação do papa”, disse.

Mesmo sendo alertado por alguns colegas que se tratava de uma fake news, o vereador não se desculpou.

A resposta da Igreja Católica foi dura. “Excelência, estamos no meio de uma pandemia. Não sei se o senhor tem acompanhado (ou talvez esteja muito ocupado procurando notícias falsas), mas todos os dias, pessoas estão morrendo aqui em Rio Branco, vítimas da COVID-19; milhares de pessoas estão passando necessidade, sem ao menos ter o que comer; centenas de pequenos empresários fecharam seus negócios; muitos bairros não têm infraestrutura mínima para garantir que as pessoas possam ao menos fazer uma higiene adequada, sem falar em tantos outros problemas que atingem o nosso povo. E o senhor preocupado em atacar o Papa, com base em notícias falsas, chamando-o de anti-Cristo? Sinto muito, mas isso é fanatismo religioso ou muita ignorância mesmo”, diz o padre.

O sacerdote diz ainda que espera que N. Lima tenha a coragem e a dignidade de se retratar publicamente, pois a ofensa não foi ao Papa Francisco, mas à toda Igreja Católica.

Leia a carta do padre Jairo Coelho na íntegra:

TRISTE, REVOLTADO, DECEPCIONADO

Caro vereador N. Lima,

Ao cumprimentar V.Exa., utilizo-me das suas palavras para manifestar a minha tristeza, revolta e decepção. A sua atitude irresponsável, ao propagar fake news contra o Papa Francisco, hoje, em sessão da Câmara Municipal de Rio Branco, transmitida ao vivo no youtube, revela que o senhor não se preocupa nem sequer em verificar a veracidade das informações que propaga, o que me dá o direito de pensar que o senhor também não se preocupa com a população que o elegeu.

Nobre vereador, talvez o senhor tenha esquecido qual é o seu papel, por isso, permita-me lembrar-lhe: enquanto vereador, o seu papel é legislar e fiscalizar a administração municipal e, o seu poder para tal se limita ao município de Rio Branco. Portanto, diferente do que o senhor vociferou, a Câmara Municipal não é o lugar adequado para espalhar mentiras e atacar pessoas, muito menos para manifestações preconceituosas, discriminantes, fundamentalistas e fanáticas.

Caro vereador, acredito ser oportuno recomendar ao senhor que verifique melhor as informações antes de disseminá-las, sob pena de incorrer em crimes de injúria, calúnia e difamação, além, é claro, do crime de intolerância religiosa, previsto no artigo 208 do código penal. Não esqueça que o senhor deve ser o primeiro a zelar pelas liberdades e, sinceramente, sua postura vai na contramão dessa sua obrigação.

Excelência, estamos no meio de uma pandemia. Não sei se o senhor tem acompanhado (ou talvez esteja muito ocupado procurando notícias falsas), mas todos os dias, pessoas estão morrendo aqui em Rio Branco, vítimas da COVID-19; milhares de pessoas estão passando necessidade, sem ao menos ter o que comer; centenas de pequenos empresários fecharam seus negócios; muitos bairros não têm infraestrutura mínima para garantir que as pessoas possam ao menos fazer uma higiene adequada, sem falar em tantos outros problemas que atingem o nosso povo. E o senhor preocupado em atacar o Papa, com base em notícias falsas, chamando-o de anti-Cristo? Sinto muito, mas isso é fanatismo religioso ou muita ignorância mesmo.

Sugiro que o senhor ao menos tenha a coragem e a dignidade de se retratar publicamente, pois o senhor não ofendeu apenas o Papa Francisco, o senhor ofendeu a Igreja Católica. O senhor ofendeu mais da metade da população do Acre. O senhor ofendeu milhões de brasileiros. O senhor ofendeu bilhões de pessoas no mundo inteiro. Não é vergonhoso admitir o erro, sobretudo, para quem sem diz tão cristão e defensor da moral e dos bons costumes.

E, já que o senhor se diz tão cristão, indico que o senhor leia a 2ª. Carta de São Paulo aos Tessalonicenses, na qual ele afirma: “Ora, ouvimos dizer que entre vós há alguns que vivem à toa, muito ocupados em não fazer nada. Em nome do Senhor Jesus Cristo, ordenamos e exortamos a estas pessoas que, trabalhando, comam na tranquilidade o seu próprio pão” (2Ts 3,11-12). Portanto, vereador, trabalhe em favor do povo, pense em alternativas que possam beneficiar a população, cumpra com a sua obrigação de legislador e fiscal, pois é para isso que nós lhe pagamos.

É, ilustre vereador, realmente é muito triste, muito revoltante, muito decepcionante ter que ouvir tudo o que ouvimos de alguém que foi eleito com a missão de propor leis que torne a sociedade mais justa, mais fraterna e mais humana. E, já que o senhor não está cumprindo com o seu papel, eu estou cumprindo com o meu de cidadão e fiscal dos nossos representantes.

Pe. Jairo Coelho

Anúncios

Acre 01

“Fica muito claro a participação dele na morte de Jonhliane”, diz delegado sobre Ícaro

Publicado

em

O delegado Alex Danny, da 1º Regional da Polícia Civil, responsável pelas investigações acerca da morte da jovem Jonhliane Paiva de Souza, 30 anos, afirmou ao ac24horas que o condutor da BMW, Ícaro Pinto Teixeira, irá responder por crime doloso quando há intenção de matar.

O delegado explicou que, a princípio o motorista Ícaro Teixeira vai responder em liberdade até a conclusão das oitivas. O delegado afirmou que durante o depoimento Ìcaro decidiu permanecer em silêncio.

“O Ícaro se apresentou com os advogados e manifestou o direito de permanecer em silêncio, porém o fato dele ter ficado em silêncio não trouxe prejuízos. Por outra via, a partir das imagens e elementos de informações que nós já temos juntados ao inquérito policial fica muito claro a participação dele no evento morte da Jonhliane, que seguia no trânsito normalmente com o seu veículo para o seu local de trabalho”, pontuou.

Em relação ao outro motorista Alan Lima que estaria participando de um suposto racha com Ícaro, o delegado Alex Danny afirmou que não iria emitir um juízo de valor até receber o relatório dos policiais.

“O Alan se apresentou junto com os seus advogados para dar a sua versão da história. Aliado, ao depoimento dele, volto a reafirmar que a gente tem as imagens, a perícia do local do crime e assim são todos esses elementos que vão nos levar ao final do inquérito policial para a gente formar a nossa convicção. Não irei fazer um juízo de valor, vou aguardar o relatório dos policiais para que eu me manifeste através do relatório policial”, afirmou.

O delegado Alex Danny destacou que as investigações estão correndo de forma rápido para dar uma resposta tanto à sociedade acreana e a própria vítima. O delegado não descartou a prisão de Ícaro Teixeira Pinto nos próximos dias.

“Diante da gravidade do fato e a repercussão que gerou na mídia e na sociedade acreana desse crime, talvez seja uma consequência lógica (mandado de prisão)”, concluiu.

Continuar lendo

Acre 01

Motorista que atropelou e matou jovem é liberado após se apresentar a polícia

Publicado

em

O fisioterapeuta Ícaro Teixeira Pinto, 33 anos, que matou Jonhliane Paiva de Souza, 30 anos, quando disputava um racha dirigindo uma BMW, se apresentou na sede da 1° Regional da Polícia Civil, no final da tarde desta sexta-feira, 7.

Após prestar depoimento por mais de duas horas ao delegado Alex Danny, Ícaro foi liberado pela autoridade policial.

O fisioterapeuta seguiu a estratégia de sua defesa, ao esperar passar o tempo do flagrante. Como não há nenhum pedido de prisão preventiva em nome de Ícaro, o delegado seguiu o determinado pela lei e liberou o acusado.

O fisioterapeuta esteve na delegacia acompanhado de uma advogada e do pai, José Teixeira Pinto, proprietário da BMW dirigida pelo filho na hora do acidente.

Continuar lendo

Acre 01

Ex-miss Acre detalha problemas de visão que a fazem pedir vaga de candidatos com deficiência

Publicado

em

A ex-miss Acre Hyalina Lins Farias usou a ferramenta stories em seu perfil no Instagram para se posicionar acerca da polêmica de sua classificação na 3º chamada do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) para o curso de Medicina na modalidade L13, que reserva vagas a candidatos com deficiência, independente da renda, e que tenham cursado integralmente o ensino médio em escolas públicas.

Recitando o versículo de Mateus 7:3: “Por que é que você vê o cisco que está no olho do seu irmão e não repara na trave de madeira que está no seu próprio olho?”, a ex-miss se defendeu e pediu que “os interessados” buscassem saber dos dois problemas que ela sofre na visão.

“Baixa visão e ambliopia lateral são dois dos problemas que eu tenho. E isso está causando uma euforia grande porque as pessoas não estão aceitando. Eu não me orgulhei de ter nascido com isso, mas o foco não é esse! O foco é que vocês vão ficar mais esclarecimentos e informados. A trave do olho de vocês vai sair pelo menos 25%”, afirmou.

Em outro trecho, a Hyalina lamenta a repercussão do caso e pediu que Deus iluminasse todas as pessoas para que ninguém precise passar pelo que ela está passando. “Gente doente não aguentaria o que eu estou aguentando! É muito fácil eu colocar um filtro aqui e parece forte, mas você que tá do outro lado sabe que não é assim”, afirmou.

Entenda

No início do ano, a bela jovem, que já foi eleita a mulher bonita do estado em 2018, foi classificada em medicina através Sisu, por meio do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem). À época, Hyalina se inscreveu na modalidade L9, que é destinada a candidatos com deficiência, que tenham renda bruta per capita igual ou inferior a 1,5 salário mínimo e que tenham cursado integralmente o Ensino Médio em escolas públicas.

Nessa ocasião, a Universidade Federal do Acre (Ufac) indeferiu a matrícula, afirmando que além da análise de laudos médicos, fez entrevista para identificar as características da deficiência alegada e que a decisão foi baseada em um parecer profissional.

Veja ao vídeo:

Continuar lendo

Acre 01

Gladson diz que não vai retirar a candidatura de Kinpara e pode se filiar ao PSDB após as eleições

Publicado

em

O governador Gladson Cameli afirmou na manhã desta quarta-feira, 5, no Palácio Rio Branco, que deve apresentar carta de afastamento do Progressistas e que existe a possibilidade de se filiar ao PSDB somente depois das eleições.

Evitando polemizar, o governador voltou a afirmar que recebeu todas as garantias da executiva nacional tucana que seria o mandatário tucano no Acre. “Já foi conversado. Sentarei com todos partidos. Minha decisão de apoio já está tomada [apoio a Socorro Neri] e não vou retirar candidatura de ninguém, fiquem tranquilos. Vou conversar com todos. Estou vendo datas e horários”, disse.

Cameli minimizou também as falas da deputada Mara Rocha dando a entender que governador seria bem vindo desde que respeitasse a ordem. “Eu não quero problema com a Mara. Quero que ela mande recursos para o Acre nas suas emendas só isso, pontuou.

Sobre sua situação no PP, Cameli confirmou que pedirá afastamento e deu um puxão de orelha no deputado José Bestene que afirmou que ele não deixaria o partido e pôs a culpa na imprensa. “A imprensa não mente. Não tem ninguém para falar por mim. Ninguém está autorizado a falar por mim”, disse.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas