Conecte-se agora

UBS fluvial de Cruzeiro do Sul recebe o nome de Marieta Cameli

Publicado

em

A Unidade Basica de Saúde Fluvial que a prefeitura de Cruzeiro do Sul recebeu nesta sexta-feira, 10, leva o nome da matriarca da família Cameli, Marieta Cameli, que morreu no último dia 24 de maio, em Manaus.

A embarcação construída com recursos de emenda parlamentar do então senador Gladson Cameli, levará para os moradores dos rios da região, o tripé da Atenção Básica de Saúde: atendimento médico, exames e medicamentos.

O prefeito Ilderlei Cordeiro, diz que a equipe de saúde já está elaborando o cronograma de atendimento e definindo em qual rio a embarcação começará a atender.

Cordeiro ressalta que resolveu homenagear a matriarca da família Cameli por que além dela representar a força da mulher ribeirinha, era mãe do ex-governador Orleir Cameli, que construiu o Navio Hospital Dr. Montenegro, que há cerca de 20 anos garante a cada inverno Amazônico, atendimento médico odontológico em Cruzeiro do Sul e no Alto Juruá. “E a embarcação está aqui graças à emenda do Gladson, então, a homenagem é justa”.

Maria do Patrocínio Messias de Carneiro, D. Marieta, nasceu em 3 de setembro de 1926, no seringal Belo Horizonte, alto Juruá, filha do Sr. Manoel Carneiro de Messias e Elvira Araújo. Em 24 de março de 1944 casou com Marmud Ferreira Cameli, com quem teve 3 filhos: Orleir e Eládio, Chiquinho e 25 netos e 33 bisnetos.

O governador agradeceu emocionado à homenagem feita à avó dele. “Minha avó era uma ribeirinha que conheceu a realidade do nosso povo e sentiu na necessidade deste tipo de atendimento nos nossos rios. Estou agradecido pela homenagem”.

Anúncios

Na rede

Cruzeiro do Sul continua sem testes rápidos de Covid-19

Publicado

em

Desde o início de junho, Cruzeiro do Sul está sem teste rápido para exame de Covid-19, sem medicamentos do kit de combate à doença e agora também sem remédios para o tratamento de hipertensão e diabetes.

Com relação aos exames, a secretária de Saúde de Cruzeiro do Sul, Juliana Pereira, diz que o processo licitatório para a contratação de laboratório que fará sorologia do coronavírus está em fase final. “Em breve vamos publicar o processo licitatório”, explica.

Quanto aos medicamentos do kit Covid-19, ela diz que os municípios acreanos estão tentando uma compra conjunta de grande quantidade dos itens. Já sobre os remédios da Central de Medicamentos para atender pacientes hipertensos e diabéticos, a secretária relata que a compra foi suspensa após a Operação Off-Label, da Polícia Federal, que investiga a empresa que fornecia medicamentos para a prefeitura de Cruzeiro do Sul.

“Para colaborar com a investigação, suspendemos junto à empresa investigada e estamos fazendo licitação para voltar a fornecer os remédios, como vínhamos fazendo há 3 anos para hipertensos e diabéticos”, conclui a secretária.

A Operação da PF, desencadeada no dia 3 de junho deste ano, investiga o desvio de recursos. Cruzeiro do Sul está com 2.785 casos de Covid-19. 55 pacientes estão internados no Hospital se Campanha, sendo 7 na Unidade de Terapia Intensiva (UTI).

Continuar lendo

Na rede

Em um mês, PF apreendeu 132 quilos de drogas no Juruá

Publicado

em

Durante todo o mês de julho a Polícia Federal, em parceira com outras forças de segurança, apreendeu 117 quilos de maconha e 15 quilos de cocaína, além de duas armas de fogo em rios e ramais de municípios do Vale do Juruá. O balanço foi divulgado nesta terça-feira, 4.

Durante o mês, Polícia Federal, 6º Batalhão, COE, a ROTAM e o GEFRON atuaram no rio Juruá e nos ramais usando veículos e uma lancha do Grupo Especial de Polícia Marítima/GEPOM da Polícia Federal, que foi posicionada na foz do rio Paraná dos Mouras.

A equipe fluvial abordou mais de mil embarcações nas quatro semanas em que permaneceu no rio, enquanto equipes mistas de policiais militares, civis e federais realizaram patrulhas rurais diariamente na extensa malha de ramais que corta os municípios de Cruzeiro do Sul, Mâncio Lima e Rodrigues Alves.

A primeira apreensão foi realizada em Mâncio: 15 quilos de cocaína e 10 de maconha e 3 presos. A segunda foi de 78 quilos de maconha na boca do rio Juruá-Mirim, próximo de Porto Walter. Os traficantes haviam ocultado a droga em um esconderijo às margens do rio Juruá esperando o fim da operação para transportá-la para cidade.

Continuar lendo

Na rede

MDB e PSDB formam chapa para eleição da prefeitura em Mâncio Lima

Publicado

em

A dobradinha MDB, de Vagner Sales e PSDB, possível novo partido do governador Gladson Cameli, que tem chapa na disputa da prefeitura de Cruzeiro do Sul, também foi formada em Mâncio Lima. A professora e ex-vereadora Isete Pinheiro, que iria disputar a prefeitura de Mâncio Lima pelo PSDB, retirou o nome para ser vice do pré-candidato Chicão do MDB.

Ela aposta na força das lideranças dos dois partidos como garantia de real possibilidade de vitória nas eleições de 15 de novembro. “Nomes como do vice-governador Major Rocha, deputadas Federal Jéssica Sales e Mara Rocha, Flaviano Melo, o Márcio Bittar têm peso e buscamos compor com o PSD do Petecão, formando uma chapa muito forte. Vamos fazer um plano de governo bem arrojado, pois teremos a maior bancada federal do Acre, para conseguir as emendas”, disse.

Em Cruzeiro do Sul, o MDB vai de Fagner Sales, filho do Leão do Juruá, Vagner Sales e o PSDB apresentou o presidente da Associação Comercial do Alto Juruá, Luís Cunha. O acordo foi firmado pelo vice-governador Major Rocha, quando ainda era tucano.

Continuar lendo

Na rede

Aprovados cobram resultado do julgamento sobre direito de serem contratados em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

Os aprovados no concurso da prefeitura de Cruzeiro do Sul, que foi cancelado pelo Tribunal de Contas do Estado (TCE), fizeram uma passeata durante a manifestação no centro da cidade pedindo que o Tribunal de Justiça julgue o mandado de segurança apresentado pela prefeitura, que pede o direito de contratar os aprovados alegando que não ultrapassou o limite imposto pela Lei de Responsabilidade Fiscal. O prefeito Ilderlei Cordeiro participou do ato.

O concurso foi realizado em dezembro do ano passado e em 5 de março, no dia em que a prefeitura empossou os professores, o Tribunal de Contas do Estado determinou a suspensão de todos os atos do concurso. A prefeitura recorreu ao Tribunal de Justiça que ainda não emitiu decisão do Pleno.

Ranieli Dias, uma das aprovadas, cobra uma decisão, já que todos foram aprovados por mérito e muitos pediram demissão de antigos empregos. “Contratação já é o que queremos”.

O também aprovado, professor Francisco Silva, destaca que o Ministério Público já deu parecer favorável às contratações dos aprovados no certame. “Que prefeitura, Justiça, e Tribunal de Contas se entendam e resolvam esse problema que não é nosso. Queremos trabalhar”.

Ilderlei é solidário

O prefeito de Cruzeiro do Sul, Ilderlei Cordeiro, participou do ato dos concursados em frente à Catedral e da caminhada. Citou que na justificativa entregue ao TCE, comprova que o município estava substituindo provisórios por concursados, portanto não ultrapassaria o limite de contratação de acordo com Lei de Responsabilidade Fiscal.

“Não estamos aumentando a folha de pagamento e sim substituindo. Então pedimos ajuda aos tribunais para que haja celeridade neste caso porque provamos estar dentro dos limites legais para contratação destes 511 pais e mães de família. Fiz questão de estar com eles neste momento difícil para dizer que sou solidário a esta causa porque tudo foi feito dentro da legalidade por eles e pela prefeitura de Cruzeiro do Sul”, concluiu.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas