Conecte-se agora

Só 11% dos empresários em Rio Branco tiveram bom nível de vendas no 1º semestre de 2020

Publicado

em

O resultado de uma pesquisa realizada com 66 comerciantes de Rio Branco no período de 23 a 30 de junho mostra que aproximadamente 43% dos empresários da capital acreana acreditam que a adoção de fórmulas adequadas para o funcionamento seguro do comércio, aliadas às medidas de higienização e distanciamento social, podem, sim, viabilizar a reabertura total do comércio local. O estudo foi feito de maneira remota pelo Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, por meio do Instituto Fecomércio de Pesquisas Empresariais do Acre (Ifepac).

O levantamento diz ainda que outros 20% pensam que o investimento em plataformas para vendas à distância se apresentaria como a alternativa mais viável para a situação sanitária vivida pela sociedade em geral. Outros 15% disseram ter receio em não alcançar o faturamento adequado no segundo semestre.

Mesmo com os prejuízos acarretados pela pandemia do novo coronavírus e o fechamento de estabelecimentos considerados não essenciais, 11% dos entrevistados afirmaram haver alcançado bom nível de vendas no primeiro semestre, seguidos por 43%, que avaliaram níveis de vendas regular, 34% que classificaram como ruim e 12%, como péssimo.

De acordo com o levantamento, para 31% dos empresários, o uso do whatsapp como ferramenta para transações comerciais deve ser intensificado nas atividades de compra e venda em suas empresas. A pesquisa destacou, também, outros 31% que vislumbraram o maior uso da tecnologia para alcançar o máximo de clientes do mercado local.

Ainda sobre os serviços de adequação comercial, 19% dos empresários disseram estudar formas de adaptação de horários comercial para melhor atendimento ao cliente local. Além disso, dentre as ameaças para o funcionamento do comércio local, 47% dos empresários de Rio Branco destacaram o aumento descontrolado das pessoas infectadas com o covid-19. Para outros 37%, a falta de crédito especial para o comércio nesse tempo de pandemia, representaria grande ameaça para os negócios de compra e venda num mercado em crise. O desemprego também seria a preocupação para 14% dos empresários entrevistados.

Para 48% da classe empresarial de Rio Branco, o aspecto negativo mais contundente deveu-se a paralisação do comércio em razão da pandemia. Outros 30% debitaram o aspecto negativo à falta do crédito prometido e não viabilizado pelo governo federal. Para 18% dos empresários, apenas a concessão do “auxílio emergencial” contribuiu positivamente para o aquecimento do meio circulante de consumo doméstico.

Fonte: Fecomércio/Acre

Anúncios

Cotidiano

Moradores do Quixadá ficam sem energia após árvore cair em rede elétrica

Publicado

em

Moradores de algumas regiões da Estrada do Quixadá, em Rio Branco, ficaram sem energia elétrica por quase 10 horas nessa terça-feira, 4. A interrupção do fornecimento de energia aconteceu pela manhã e, à noite, ainda não havia sido normalizada.

“Meu pai ficou sem energia desde manhã cedo e a gente ligava para a Energisa e eles falavam que já estavam designando uma viatura para arrumar a energia, mas não chegavam”, enviou uma moradora ao ac24horas.

Alguns moradores que possuem comércio na região reclamaram da possibilidade de perde mercadoria por conta do imprevisto. “A conta de luz chega cara e a gente paga, mas na hora de eles fazerem a parte deles eles não fazem”, reclamou a moradora.

O que diz a Energisa

Em ao enviada ao ac24hoas, a distribuidora de energia elétrica Energisa afirmou que a interrupção de energia elétrica no ramal do Limoeiro foi causada pela derrubada de árvores por terceiros sobre a rede de distribuição de energia elétrica.

“As equipes de manutenção foram direcionadas para o atendimento para normalizar o fornecimento de energia elétrica. A necessidade de deslocamento em mais de 50km dentro do ramal, a remoção das árvores e reparo dos estragos causados demanda um tempo maior no reestabelecimento do serviço. A empresa pede desculpas pelos transtornos causados aos seus clientes”, explicou a empresa.

Continuar lendo

Cotidiano

Prefeitura de Rio Branco abre processo seletivo para área de saúde com 129 vagas

Publicado

em

A prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), divulgou nesta quarta-feira, 05, abertura de processo seletivo simplificado para contratação de profissionais de saúde para reforçar as equipes de saúde da atenção primária no combate ao Covid-19.

Serão contratados 129 servidores, sendo 84 em nível médio, quatro técnicos e 41 com formação em nível superior. Há vagas para médico, enfermeiro, psicólogo, nutricionista, farmacêutico, cirurgião-dentista, técnico de laboratório, agente de vigilância em saúde, educador social e auxiliar de farmácia.

O processo simplificado será feito a partir da análise curricular e de títulos. O concurso destina-se a selecionar candidatos, com escolaridade mínima exigida para cada função. As contratações terão vigência de 180 dias, contados a partir da homologação do resultado final, podendo ser renovado por igual período.

Os salários variam de R$ 1.045,00 até R$ 7.165,16 e a carga horária varia de 30h a 40h semanais.

As inscrições começam nesta quinta-feira, 06, e encerram na sexta-feira, 07. As inscrições serão realizadas via internet, no site da prefeitura de Rio Branco, pelo endereço eletrônico: www.riobranco.ac.gov.br.

Para mais informações, clique aqui.

Continuar lendo

Cotidiano

Inscrição para vagas de processo seletivo da saúde de Acrelândia termina hoje (5)

Publicado

em

A prefeitura de Acrelândia encerra nesta quarta-feira (5) as inscrições do processo seletivo para preenchimento de duas vagas e formação de cadastro reserva de profissionais dentre os cargos de médico clinico geral; médico psiquiatra ou clinico geral com habilitação em psiquiatria e enfermeiro.

s candidaturas tiveram início no dia 28 de julho de 2020 e agora podem ser feitas até 5 de agosto do mesmo, de forma presencial no prédio da Secretaria Municipal de Saúde, localizado na Avenida Brasil, nº 511, Centro. O atendimento é das 7h às 11h e das 13h às 17h.

Outras informações: https://www.acrelandia.ac.gov.br/concursos-e-processos

Continuar lendo

Cotidiano

Após prisões de faccionados, escola em Sena Madureira é alvo de incêndio criminoso

Publicado

em

Após a prisão de três assaltantes de uma facção criminosa,  por agentes de segurança pública, em Sena Madureira, a Escola Estadual Madalena Nunes de Andrade foi incendiada por criminosos nesta quarta-feira, 04, na estrada Mário Lobão.

Pelo fato de o fogo ter tomado, rapidamente, proporções incontroláveis, os autores abandonaram o local sem levar nada.

O Corpo de Bombeiros foi acionado e conseguiram controlar as chamas, porém o estrago foi muito grande. Locais onde as crianças costumavam ficar sentadas, acabou em cinzas.

Segundo informações repassadas ao ac24horas, a Polícia Civil abriu uma investigação para apurar o caso.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas