Conecte-se agora

Governo recebe 50 novos respiradores para o tratamento de pacientes com Covid-19

Publicado

em

A saúde pública do Acre ganha reforço importante para salvar a vida de pacientes acometidos pela Covid-19 em estado grave de saúde.

Nesta quinta-feira, 3, o governo apresentou os 50 novos respiradores mecânicos adquiridos por meio de uma parceria entre o Governo do Estado do Acre e Ministério Público do Trabalho (MPT).

Os aparelhos importados da China foram comprados com recursos próprios do governo acreano e da conversão de multas destinadas pelo MPT que haviam sido aplicadas pela Justiça do Trabalho. Já o processo de aquisição se deu por meio do Escritório das Nações Unidas de Serviços para Projetos (Unops), órgão operacional da Organização das Nações Unidas (ONU). Cada unidade custou R$ 79,4 mil, um dos valores mais baixos do país desde o agravamento da crise do coronavírus.

Os ventiladores mecânicos serão enviados para os quatro hospitais de referência no tratamento de pacientes com Covid-19. Em Rio Branco, o Pronto-Socorro e Instituto de Traumatologia e Ortopedia (Into) receberão 15 equipamentos, cada. Outros 15 aparelhos vão para o Hospital Regional do Juruá, em Cruzeiro do Sul. Já o Hospital Regional do Alto Acre, em Brasileia, contará com 5 novos respiradores.

Mesmo com a dificuldade mundial para aquisição de respiradores em meio à pandemia, mais de 100 aparelhos já chegaram ao estado por meio do Ministério da Saúde, aquisição própria e doações. O equipamento é um componente fundamental na luta contra a Covid-19. Utilizado em casos críticos, o aparelho auxilia, por meio de ventilação mecânica, para que o oxigênio chegue até os pulmões dos pacientes.

Em seu discurso, Gladson voltou a afirmar que a luta contra o coronavírus precisa ser de toda sociedade. “Nós vamos continuar lutando mais e mais porque é assim que as pessoas e as famílias que nesse momento estão lutando contra o coronavírus também estão fazendo. Essa luta é minha! Essa luta é nossa! E precisa ser também de toda a sociedade”, enfatiza Cameli.

De acordo com a procuradora do Ministério Público do Trabalho, Marielle Cardoso, os modernos respiradores mecânicos estão de acordo com os padrões estabelecidos pela Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa), possuem dois anos de garantia, seis meses de assistência técnica e, além da instalação, a empresa fará a capacitação dos servidores para o correto manuseio dos equipamentos.

“Essa é uma prova do compromisso que o MPT tem com o estado acreano e desejamos que o Estado faça bom uso desses respiradores. Entendemos que era necessário unirmos esforços em prol da saúde e sociedade. Com isso, esperamos que os profissionais tenham melhores condições de trabalho e a população tenha uma condição de sobrevida melhor”, argumentou.

O deputado Alan Rick representou a bancada federal acreana no evento. A intervenção do parlamentar junto ao Ministério da Saúde foi importante para o transporte aéreo dos respiradores de São Paulo ao Acre. “Nos empenhamos, junto com o ministro Eduardo Pazuello, que rapidamente nos atendeu e colocou os aviões da FAB [Força Aérea Brasileira] para fazer essa entrega desses respiradores aqui no nosso estado”, explicou.

Com informações da Agência de Notícias do Acre

Anúncios

Cotidiano

Internautas se mobilizam por família que perdeu a casa em incêndio no Bujari

Publicado

em

Grupos estão se mobilizando nas redes sociais em favor de vítimas de um incêndio ocorrido nesse domingo, dia 2, em uma residência localizada no polo agroflorestal Valdo Aires, no Bujari. Ninguém saiu ferido, mas as perdas materiais são grandes.

A família perdeu praticamente tudo, segundo os relatos de uma vizinha, a dona Salomeide Oliveira da Silva, e estão precisando de alimentos, roupas, telhas para cobrir a casa, entre outros.

“Os vizinhos ajudaram, chamamos os bombeiros, mas quando chegaram já tínhamos apagado e não deu de aproveita nada”, relata Salomeide. “Queimou tudo”, completa ela, que abriga o casal Ailton e Amanda e outras duas crianças, filhos do casal. Havia outra criança da vizinhança na hora do incêndio.

Interessados em contribuir podem fazer contato com pelos telefones 99928-3041 ou 99903-1553. Para falar com a família, o endereço é Chácara Betel, ramal Valdo Aires, nas proximidades da igreja Assembleia de Deus.

Ainda não se sabe as causas do incêndio, mas há suspeitas de que tenha sido problema na fiação elétrica. O apelo é para que a família consiga ser atendida o mais rápido possível, já que há crianças e estão vulneráveis neste momento de dificuldades.

Continuar lendo

Cotidiano

Resultado dos candidatos pré-selecionados no Fies sairá nesta terça-feira (4)

Publicado

em

O Ministério da Educação (MEC) divulgará nesta terça-feira, dia 4, o resultado dos candidatos pré-selecionados para o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies). Os interessados devem ficar atentos aos prazos porque a complementação da inscrição nessa chamada única começa amanhã e segue até as 23h59 de quinta-feira (6).

Quem não for pré-selecionado nessa fase pode disputar uma das vagas ofertadas por meio da lista de espera. Diferentemente dos processos seletivos do Sisu (Sistema de Seleção Unificada) e do Prouni (Programa Universidade Para Todos), para participar da lista de espera do Fies não é necessário manifestar interesse porque a inclusão é feita automaticamente. A convocação da lista de espera vai do dia 4 até as 23h59 de 31 de agosto.

Continuar lendo

Cotidiano

Jovem é executado com quatro tiros na cabeça enquanto dormia, no Recanto dos Buritis

Publicado

em

Um jovem identificado como ‘Lourinho’ foi executado com 4 tiros na noite desse domingo, dia 2, dentro de uma casa localizada na rua Anderson Alves, situada no bairro Recanto dos Buritis, região do Segundo Distrito de Rio de Branco. A vítima era moradora do município de Plácido de Castro e, segundo a polícia, estava participando de uma bebedeira na casa da avó de um amigo.

No término da bebedeira, um amigo de ‘Lourinho’ partiu para o Conjunto Habitacional Cidade do Povo e deixou o jovem dormindo na residência de sua avó.

Após algum tempo, dois criminosos não identificados, membros de uma facção, chegaram em uma motocicleta, pararam na frente da casa e em posse de armas de fogo invadiram a residência e foram até ao quarto aonde ‘Lourinho’, que estava dormindo, e efetuaram quatro tiros.

Os disparos atingiram a cabeça do jovem. Após a ação os criminosos fugiram do local. O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) foi acionado, mas quando os paramédicos chegaram ao local constataram que o rapaz já estava sem vida. A área foi isolada pela Polícia Militar para os trabalhos do perito em criminalística. O corpo foi removido encaminhado ao Instituto Médico Legal (IML) para os exames cadavéricos e identificação.

A polícia acredita que a motivação do crime pode ter sido a guerra entre facções. O caso segue sob investigação dos Agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

Continuar lendo

Cotidiano

Receitas sujeitas a prescrição médica passam a ter prazo indeterminado

Publicado

em

Entrou em vigor a determinação que estende por prazo indeterminado a validade de receitas de medicamentos sujeitos a prescrição e de uso contínuo durante o estado de calamidade pública, decretado pela pandemia do novo coronavírus. A lei, publicada em fevereiro deste ano (Lei nº. 13.979/2020), que dispõe sobre as medidas a serem adotadas para o enfrentamento à Covid-19, passa agora a vigorar com essa alteração.

A liberalização, no entanto, não alcança os medicamentos sujeitos a “controle sanitário especial”, que seguem dependendo de regulamentação específica da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (Anvisa). Segundo a autarquia, as chamadas substâncias controladas ou sujeitas a controle especial são substâncias com ação no sistema nervoso central e capazes de causar dependência física ou psíquica, motivo pelo qual necessitam de um controle mais rígido do que o controle existente para as substâncias comuns.

A justificativa do projeto de lei é que muitas pessoas têm que enfrentar filas para buscar um novo receituário para dar continuidade ao tratamento. Segundo ele, esse é um fator preocupante, já que a recomendação de órgãos oficiais da saúde é de ainda manter o isolamento por conta da doença.

A intenção é diminuir a ida de pacientes crônicos ou aqueles que pertencem a grupos de risco ao ambiente hospitalar, já que por mais que se faça separadamente o fluxo de pacientes com Covid-19 de outros tipos de atendimentos, esses ambientes são sempre locais potencialmente contaminados. Boa parte dos pacientes que fazem uso de medicamento com uso de receita médica pertence a grupos de risco, aumentando a chance de complicação no quadro.

Os especialistas em saúde acreditam que enquanto não houver vacina, o isolamento é a melhor forma de evitar o contato com o novo coronavírus.

Fonte: Brasil 61

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas