Conecte-se agora

Rocha ganhou o PSL, mas pode perder a confiança do Palácio Rio Branco

Publicado

em

As declarações do governador Gladson Cameli de que a escolha do novo comandante da Polícia Militar será “minha, sem interferência”, desencadeou uma série de comentários na equipe de governo. A fala do chefe do executivo teria tensionado um desgaste na relação com o vice-governador Major Rocha, que está deixando o PSDB e indo para o PSL. Assessores próximos a Cameli, que desconfiam da “lealdade” de Rocha, tentam a todo custo alimentar essa divisão dentro do governo. Mas hoje, logo cedo, Gladson passou mensagem para o seu vice dizendo que “não dê ouvidos para comentários mal-intencionados”.

O desgaste seria pela situação que durante a campanha de 2018 Gladson teria prometido publicamente que a pasta de segurança seria de inteira responsabilidade de Rocha. No início, de fato isso ocorreu. Todos os nomes colocados no primeiro escalão da segurança passaram pelo crivo do major milita da reservar, mas com o passar do tempo ele foi perdendo a influência sobre essas indicações.

A fala de Gladson, de que o novo comandante que substituirá o Coronel Ulysses Araújo [que também irá engrossar as fileiras do PSL], não passaria pelo vice gerou um mal-estar. Tanto que o governador tratou de mandar uma mensagem para Rocha apaziguando suas declarações.

Ao ac24horas, Cameli afirmou que sua relação com Rocha está harmoniosa. “O pessoal fala demais. Já falei com o Rocha hoje e acertamos que o coronel Luciano Fonseca, que é subcomandante da PM, deverá assumir a corporação até definirmos o novo nome. Nossa relação é a melhor possível, tanto que o desejei boa sorte nessa ida dele para o PSL. Quero o melhor para ele”, disse.

Á reportagem Rocha demonstrou está meio contrariado, mas evitou dar declarações a respeito do assunto. “Estou aqui apenas para ajudar o governador”, garantiu.

Como ac24horas adiantou, o favorito do palácio para substituir Ulysses é o coronel Paulo César Gomes, ex-comandante do Batalhão de Operações Especiais (BOPE). A indicação do militar teria influência do secretário de segurança, seu xará Paulo César, que há muito tempo não vem falando mais a mesma língua com o vice.

PSL – O ac24horas apurou que o governador Gladson Cameli já sabia da saída de Ulysses pelo menos desde janeiro. Ele teria chegado a perguntar pessoalmente ao coronel se ele continuaria no governo ou sairia. Na época o militar negou. Desde então, a relação entre os dois não foi a mesma de tempos atrás.

O vice-governador informou que a indicação de Ulysses para comandar a PM do Acre foi do secretário de segurança Paulo Cézar,  e ele [Rocha] deu o aval. Essas influências teriam levado o governador a escolher o Araújo, que durante a campanha de 2018 foi seu adversário ao disputar o cargo de governador.

A reportagem consultou alguns assessores palacianos que afirmaram que apesar de não declarar publicamente e tentar manter as aparências, Cameli não teria gostado nenhum pouco da manobra e da ida de Ulysses para o PSL.

Secretário de segurança nega que tenha indicado Coronel

O secretário de segurança do Acre, Coronel Paulo César Rocha, negou que tenha indicado o coronel Paulo César Gomes ao governador para comandar a Polícia Militar. “Não conversei nada disso com o governador”, frisou.

Anúncios

Cotidiano

Motorista de Uber é preso ao ser acionado por traficante para entregar droga no São Francisco

Publicado

em

Uma ação dos Policiais Militares da Companhia Choque do Batalhão de Operações Especiais (Bope) resultou na prisão de um motorista Uber, uma mulher , dois traficantes e na apreensão de meio quilo de entorpecente na noite desta quarta-feira, 13, na Rua Joaquim Macedo, no bairro São Francisco em Rio Branco.

De acordo com informações da polícia, o motorista Uber que estava na companhia de sua esposa, recebeu uma corrida no aplicativo para pegar um passageiro no bairro Apolônio Sales, ao chegar no local, o passageiro deixou uma sacola com o motorista e pediu que ele fosse entregar no bairro São Francisco em uma área de mata na frente de uma igreja.

A polícia estava fazendo um patrulhamento de rotina na região quando avistou o motorista Uber, sua esposa e dois homens fora do carro, entre eles um detento monitorado por tornozeleira, em atitude suspeita na rua Joaquim Macedo. Foi feito uma abordagem e dentro do veículo do motorista Uber é foram encontradas 500 gramas de oxidado de cocaína, 3 celulares e uma quantia de R$ 1.105,00 reais.

Segundo a polícia, o traficante contratou o motorista de aplicativo para entregar o entorpecente ao outro traficante. Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao motorista, sua esposa e os dois traficantes foram encaminhados à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Continuar lendo

Cotidiano

Polícia prende dupla que transportava droga em motocicleta na rodovia AC-40

Publicado

em

Policiais Militares da Companhia Giro, prenderam na noite desta quarta-feira (12) dois homens, um 22 anos e outro de 25 anos, pelo crime de tráfico de drogas. A prisão aconteceu na rodovia AC-40, em frente o Sest Senat, na região da Vila Acre, no Segundo Distrito em Rio Branco.

A polícia estava fazendo um patrulhamento de rotina na região quando avistou os dois homens em atitude suspeita em uma motocicleta modelo Honda CG 150, Fan, de cor preta, placa QLV-3840, trafegando na rodovia. Foi feito a abordagem e durante a revista, os policiais encontraram em posse dos criminosos aproximadamente 100 gramas de pasta a base de cocaína e uma quantia de R$ 300.

Diante do flagrante, foi dada voz de prisão e a dupla foi encaminhada à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os devidos procedimentos.

Segundo a polícia, a moto foi apreendida não possui restrição de roubo.

Continuar lendo

Cotidiano

Jovem de 22 anos é preso vendendo droga no bairro Mocinha Magalhães

Publicado

em

Policiais Militares da Força Tática do 1° Batalhão prenderam no início da noite desta quarta-feira (12),  um jovem de 22 anos pelo crime de tráfico de drogas. A prisão aconteceu na rua Melancia, no bairro Mocinha Magalhães, em Rio Branco.

A guarnição policial estava fazendo um patrulhamento de rotina na região e, ao perceber a aproximação dos policiais, o traficante ainda correu na tentativa de fugir, mas foi abordado. Foi feito uma revista e em posse do jovem foi encontrado 12 trouxinhas de cocaína e uma quantia de R$ 109,00 reais oriundo da venda do entorpecente.

Diante dos fatos foi dada voz de prisão e o traficante foi encaminhado à Delegacia de Flagrantes (Defla) para os procedimentos cabíveis.

Continuar lendo

Cotidiano

Monitorado que traficava drogas em casa volta para o presídio em Rio Branco

Publicado

em

Um monitorado que traficava drogas na própria residência, situada no bairro Boa União, em Rio Branco, recebeu voz de prisão de policiais penais da Unidade de Monitoramento Eletrônico de Presos (Umep) do Instituto de Administração Penitenciária (Iapen). O fato aconteceu na tarde desta quarta-feira, 12, após denúncia encaminhada pela Polícia Civil.

Após denúncia, uma guarnição da Umep se dirigiu até o endereço do monitorado para realizar a fiscalização. Ao chegar ao local, os policias perceberam o nervosismo do preso e pediu para fazer uma busca no interior da casa. A guarnição encontrou uma sacola contendo uma caixa com 13 papelotes de maconha, 24 papelotes de cocaína, dez frasco plástico contendo rapé, uma balança de precisão e um celular, além de R$ 120,00.

Diante do flagrante, o monitorado recebeu voz de prisão e foi conduzido à Delegacia de Flagrantes (Defla), onde foi colocado à disposição da Justiça.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas