Conecte-se agora

Vacina experimental contra Covid-19 funciona e farmacêutica pode produzir 1 bi de doses

Publicado

em

A vacina experimental contra o novo coronavírus produzida pela gigante farmacêutica Pfizer em parceria com a empresa de biotecnologia BioNTech demonstrou bons resultados em testes com humanos. A vacina estimulou a resposta imune dos pacientes saudáveis, mas também causou efeitos colaterais, como febre, em doses mais altas.

O estudo foi randômico e testado em 45 voluntários que receberam três doses da vacina ou placebo; destes, 12 receberam uma dose de 10 microgramas, outros 12 tomaram 30 microgramas, mais 12 receberam uma dose de 100 microgramas e nove foram tratados com a versão em placebo da vacina. A dose mais alta, de 100 microgramas, causou febre em metade dos participantes do teste — por conta dos efeitos colaterais, o grupo não recebeu uma segunda dose.

Depois de uma segunda dose da injeção três semanas depois da primeira, 8,3% dos participantes do grupo de 10 microgramas e 75% do grupo de 30 microgramas também tiveram febre. Outro sintoma apresentado foram distúrbios de sono. Os pesquisadores, no entanto, não consideraram os efeitos colaterais sérios e não resultaram em hospitalizações.

A vacina foi capaz de gerar anticorpos contra a covid-19 e alguns deles neutralizaram o vírus, o que pode significar que é capaz de parar o funcionamento dele, mas ainda não se sabe se esse nível mais alto de anticorpos é realmente capaz de gerar imunidade à doença. A Pfizer irá conduzir novos estudos em breve para provar que quem tomou a vacina é 50% menos vulnerável ao vírus.

As empresas não divulgaram as diferenças dos efeitos da vacina por gênero, etnia ou faixa etária. As próximas fases do teste também serão focadas nos Estados Unidos. Se tudo der certo, a expectativa da companhia é produzir até 100 milhões de doses da vacina até o final deste ano e mais 1,2 bilhão até o final de 2021.

Com os resultados positivos, a Pfizer viu suas ações subirem mais de 4% na bolsa americana. Nenhum medicamento ou vacina contra a covid-19 foi aprovado até o momento para uso regular, de modo que todos os tratamentos são considerados experimentais.

Fonte: Exame

Anúncios

Acre 01

Vagner Sales poderá recorrer de decisão do TRE para convocar eleição em Cruzeiro do Sul

Publicado

em

O ex-deputado estadual e ex-prefeito de Cruzeiro do Sul, Vagner Sales, afirmou que está avaliando se vai recorrer da decisão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/AC), que determinou a posse na prefeitura de Cruzeiro do Sul do então presidente da Câmara Municipal, Clodoaldo Rodrigues. Sales poderá requerer eleição indireta, com os vereadores elegendo o novo prefeito. “Posso entrar na justiça sim, vai depender do Clodoaldo”, garantiu.

Depois que o pleno do TRE cassou o mandato de Ilderlei, a juíza relatora do caso, Mirla Regina, determinou a posse de Clodoaldo, que já afirmou que vai assumir a gestão municipal pelos próximos 4 meses. Vagner esperava que depois da cassação, o rito fosse da eleição indireta entre os vereadores. Como a bancada do MDB tem 7 dos 14 vereadores e o mais velho da Câmara, Vagner achou que o partido voltaria a dar as cartas no município. Ele comentou que o TRE “atropelou a lei”.

“O Tribunal Regional Eleitoral atropelou a lei. De acordo com a legislação eleitoral, se o mandato for cassado em definitivo a menos de 6 meses do término, a Câmara Municipal elege indiretamente o novo prefeito”, destacou Sales.

Quanto à possibilidade de trocar a candidatura a prefeito de Cruzeiro do Sul do filho Fagner, pela da filha, a deputada federal Jessica Sales, o Leão do Juruá nega essa possibilidade. “O MDB já tem candidato que é Fagner Sales, que está como primeiríssimo lugar, sem pesquisar a área rural. Mas o bom é que na minha família tem vários nomes pra concorrer nessa eleição e posso escolher um deles pra ser prefeito”, citou ele, que é casado com a deputada estadual Antônia Sales.

Continuar lendo

Acre 01

Em Cruzeiro do Sul, Gladson vai compor reuniões políticas e carreata religiosa

Publicado

em

O governador Gladson Cameli vai participar neste sábado, 15, da carreata de Nossa Senhora da Glória, que terá início às 16 horas partindo da Avenida Mâncio Lima e terminando nas proximidades da Catedral Nossa Senhora da Glória.

A participação do governador nos eventos do Novenário da padroeira da cidade, é tradicional. Outros políticos também deverão acompanhar a imagem da Santa, que será transportada pelo caminhão do Corpo de Bombeiros. Carros das autoridades virão em seguida.

A cassação do mandato do ex-prefeito Ilderlei Cordeiro recurso e possível candidatura de Zequinha Lima (PP) à prefeitura, decisão de quem apoiará nas eleições municipais e a posse de Clodoaldo Rodrigues (PP) também serão temas que farão parte de reuniões políticas das quais Cameli deverá participar em Cruzeiro do Sul.

O apoio de Cameli é disputado pelos pré-candidatos a prefeito de Cruzeiro. O gestor sempre afirmou que o candidato dele é Ilderlei Cordeiro, agora inelegível por 8 anos e que vai recorrer da decisão do Tribunal Regional Eleitoral do Acre ao Tribunal Superior Eleitoral.

Zequinha Lima aguarda resultado do recurso de Ilderlei para confirmar a candidatura. Ele espera ter o apoio de Cameli, de quem era correligionário até a semana passada. O senador Márcio Bittar (MDB) anunciou que o governador Gladson teria garantido apoio na chapa do MDB em Cruzeiro do Sul, que tem o PSDB como vice. Segundo o senador, devido à celeuma com o PP, Gladson não poderia “inventar” uma candidatura da noite para o dia.

Continuar lendo

Acre 01

Vídeo mostra bando do CV atacando Cidade do Povo a tiros; três pessoas ficaram feridas

Publicado

em

Um vídeo compartilhado nas redes sociais no início da tarde desta segunda-feira, 10, mostra membros da facção criminosa Comando Vermelho fortemente armados invadindo o Conjunto Habitacional Cidade do Povo e efetuando vários disparos em direção às residências e a uma quadra de esportes.

O ataque dos criminosos aconteceu na noite desse domingo, 9, na quadra 9 do Conjunto Habitacional. Os bando saiu de uma área de mata localizada na divisa da Cidade do Povo e o Residencial Rosalinda e efetuaram vários tiros, tendo como alvo adultos e crianças que estavam tomando refrigerante.

Na ação dos criminosos, é possível ver seis homens correndo efetuando vários tiros e gritando a gíria usada pela organização criminosa: “é o trem porra”, bem como proferindo palavras de baixo calão.

Três pessoas, identificadas como Delmiro da Silva Pires, de 24 anos, Fernando Pires, de 25 anos, e um adolescente de 16 anos, foram feridos com os disparos das armas de fogo.

O vídeo já está com a Polícia Civil, que iniciou as investigações em busca de identificar e prender os membros da organização criminosa.

Segundo a Polícia, a motivação do crime seria a guerra entre facções por disputa de território e domínio do tráfico de drogas.

Veja o vídeo:

Continuar lendo

Acre 01

Bando do CV invade Cidade do Povo, atira contra moradores e crianças e fere três pessoas

Publicado

em

Membros da organização criminosa Comando Vermelho invadiram o Conjunto Habitacional Cidade do Povo, em Rio Branco, na noite desse domingo, 9, e feriram pessoas a tiros. Delmiro da Silva Pires, de 24 anos, Fernando Pires, de 25 anos, e um adolescente de 16 anos foram as vítimas.

De acordo com informações de populares, cerca de 10 homens da facção, fortemente armados, saíram de dentro de uma área de mata localizada na divisa da Cidade do Povo e o Residencial Rosalinda. Os criminosos seguiram até uma quadra de esporte e renderam vários moradores que estavam tomando refrigerante após um jogo de futebol, entre as vítimas havia crianças. Os criminosos ainda teriam dado ordem para ninguém correr.

Mesmo assim, moradores correram e foi então que os membros da facção começaram a efetuar vários tiros na região. Três pessoas ficaram feridas na ação dos criminosos, que fugiram pelo mesmo local que entraram na Cidade do Povo.

As vítimas foram atingidas pelos disparos na região das nádegas, costas e no pé. As três foram socorridas por terceiros e encaminhadas para a Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Cidade do Povo, e em seguida conduzidas por uma ambulância ao pronto-socorro de Rio Branco, todos em estado de saúde estável.

A Polícia Militar foi acionada e após colher as características dos membros da facção, fizeram patrulhamento nas regiões do conjunto habitacional e no Rosalinda, mas ninguém foi preso. As tentativas de homicídios serão investigadas pelos agentes de Polícia Civil da Delegacia de Homicídios e Proteção à Pessoa (DHPP).

A polícia acredita que a motivação do crime pode ter sido causada pela guerra entre facções por disputa de território e domínio do tráfico de drogas.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas