Conecte-se agora

Ilderlei Cordeiro diz que sua pré-candidatura está nas mãos de Deus

Publicado

em

O prefeito Ilderlei Cordeiro disse que somente um milagre pode assegurar a sua pré-candidatura à reeleição. Em entrevista ao sistema público de comunicação nesta segunda-feira (29) ele pediu à bancada federal do Acre definição de novas regras de fiscalização aos gestores públicos sem causar constrangimentos. Ele reclama da forma como sua residência foi abordada durante Operação Off-Label desenvolvida pela Polícia Federal.

“Eu não sou contra a ação da Polícia Federal, creio que tanto ela quanto os demais órgãos controladores deveriam ter assento dentro das comissões de licitações das prefeituras, isso evitaria maiores constrangimentos nas operações investigatórias”, declarou o prefeito.

Com relação à sua reeleição, Ilderlei disse que vem orando muito, e mesmo não temendo nenhuma das ações investigatórias, “meu nome é limpo” acrescentou, entregou nas mãos de Deus a decisão de sair ou não à reeleição.

“O governador me perguntou se eu ia para reeleição, me garantiu total apoio e eu perguntei a ele se acreditava em milagre, ele disse que sim”, analisou Ilderlei.

Diante das possibilidades de Ilderlei não concorrer nas eleições deste ano, o nome confirmado pelo Palácio Rio Branco é do vice-prefeito Zequinha Lima. O prefeito vem sofrendo pressão para tomar uma decisão definitiva sobre seu futuro político.

Para aliados, Ilderlei tem afirmado que após consultas internas a população teria digerido as operações investigatórias que ele sofreu. Mas, corre à boca miúda na cidade, que essa semana será decisiva. Gestores temem novos desdobramentos da Operação Off-Label, como a reportagem do ac24horas adiantou.

Nos desdobramentos investigatórios, pelo menos sete municípios estão na mira da PF. Na quebra de sigilo bancário dos supostos envolvidos em esquemas licitatórios, teriam sido revelados depósitos e transferências bancárias para gestores e servidores públicos.

Ilderlei disse que as joias e um carro de propriedade de sua esposa já foram devolvidas pela Justiça. “Todo meu patrimônio tem procedência, estou tranquilo”, concluiu.

Entre as supostas fraudes investigadas na Off-Label estão a compra de insumos sem procedimento administrativo, o direcionamento de procedimentos licitatórios, além do superfaturamento dos produtos e também entrega ‘fictícias’ das mercadorias.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas