Conecte-se agora

Em Manoel Urbano, policiais civis realizam megaoperação para desarticular facção

Publicado

em

Agentes da Polícia Civil realizaram por volta das 6 horas da manhã desta terça-feira, 30, em Manoel Urbano (AC), uma megaoperação para desarticular facções criminosas que atuam na cidade.

Segundo informações repassadas ao ac24horas, a ação contou com a participação de 50 investigadores da Polícia Civil.

No total foram cumpridos 28 ordens judiciais, entre mandados de busca e apreensão e de prisão preventiva. De acordo com informações duas das principais lideranças de uma facção criminosa foram detidas.

Anúncios

Cotidiano

Via Verde Shopping é notificado pelo Procon para cumprir medidas contra Covid-19

Publicado

em

Agentes fiscais do Instituto de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon/AC) notificaram os lojistas e a administração do Via Verde Shopping nessa quinta-feira, 29, sobre as medidas sanitárias a serem adotadas para a prevenção e combate à infecção pelo coronavírus.

O ato fiscalizatório determina que os estabelecimentos comerciais intensifiquem o cumprimento das regras contidas no Decreto Estadual Nº 5812/2020, como as ações de limpeza, disponibilidade de álcool em gel, de luvas descartáveis, além de máscaras faciais aos funcionários. Também é dever do shopping dar publicidade às normas sanitárias aos seus frequentadores.

“Com as promoções da Black Friday e o retorno das atividades das salas de cinema, há uma expectativa de aumento no fluxo de clientes, o que é bom para nossa economia, porém, esse cenário exige uma atenção especial com a saúde dos consumidores e fornecedores, principalmente para evitar possíveis aglomerações, pois ainda estamos enfrentando um grave período de pandemia”, destaca o diretor-presidente do Procon/AC, Diego Rodrigues.

Outras determinações, como manter o distanciamento linear de 2 metros entre as pessoas, incluir demarcação e organização de filas, dentro e fora do estabelecimento, restringindo o tempo e o número de pessoas presentes na área de circulação no interior do estabelecimento, também foram citados na notificação recomendatória.

“Recebemos algumas reclamações de consumidores sobre o desrespeito de algumas pessoas sobre regras sanitárias, exemplificando casos de clientes sentando em locais demarcados para não serem ocupados, formações de pequenas aglomerações e, em alguns momentos, ausências de álcool em gel. Por isso, viemos orientar os fornecedores, assim como pedimos a colaboração dos consumidores”, relata o chefe de fiscalização do Procon/AC, Rommel Queiroz.

O descumprimento da notificação recomendatória confere a prerrogativa de aplicação de sanções administrativas, inclusive a de multa, conforme dispõe o art. 56, inciso I da Lei nº 8.078/90. Além de responder por crime de desobediência, conforme dispõe o art. 33, § 2º do Decreto Federal nº 2.181/97.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Continuar lendo

Cotidiano

FCCV volta à UBS Euclides Queiroz Cunha e finaliza serviços de manutenção

Publicado

em

A Fundação FCCV voltou, nesta terça-feira (27), à na Unidade Básica de Saúde (UBS) Euclides Queiroz Cunha, no bairro Miritizal Olivença, para finalizar serviços de manutenção, realizados em parceria com a Prefeitura de Cruzeiro do Sul. Desta fez, a equipe da FCCV colocou a aduela de porta quebrada por vândalos.

Na semana passada, a equipe já havia realizado uma série de intervenções nesta unidade de saúde com o objetivo de melhorar ainda mais o atendimento à população.

Entre outras as ações da semana passada, a equipe da FCCV refez toda a rede de água que abastece a UBS, pois esta unidade sofria com a constante falta de água. Agora, com os serviços concluídos, o posto de saúde tem abastecimento todos os dias.

Estas ações integram o Projeto Saúde em Foco, desenvolvido em parceria entre a FCCV e a Prefeitura com o objetivo melhorar o atendimento à saúde da população de Cruzeiro do Sul.

Continuar lendo

Cotidiano

Campanha nacional de vacinação contra a Poliomielite termina nesta sexta-feira (30)

Publicado

em

Termina nesta sexta-feira (30) a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite no Brasil. Segundo dados preliminares das Secretarias Estaduais de Saúde, 4,9 milhões de crianças foram vacinadas contra a paralisia infantil desde o início da mobilização, no dia 5 de outubro. Até o momento, cerca de 6,3 (55,9%) milhões de crianças ainda não foram vacinadas contra a doença. O público-alvo estimado é de 11,2 milhões de crianças de 1 a menores de 5 anos de idade. Os estados podem continuar com as mobilizações de acordo com o planejamento e estoque locais.

O Ministério da Saúde tem alertado a população quanto à importância da vacinação, respeitando as diretrizes e orientações de segurança para evitar o risco de transmissão da Covid-19. A poliomielite, conhecida como paralisia infantil, é uma doença infectocontagiosa grave que afeta o sistema nervoso, podendo provocar paralisia permanente ou transitória dos membros inferiores. Não existe tratamento e a única forma de prevenção é a vacinação.

A maior cobertura, até o momento, foi registrada entre as crianças de dois anos de idade (45%), enquanto a menor foi registrada entre as crianças 3 anos de idade (43%). O estado do Amapá registrou o maior índice de vacinação contra a poliomielite no país (76,4%), seguido de Pernambuco (64%) e da Paraíba (61%). A menor cobertura registrada foi do estado de Rondônia (17,3%).

Até o momento, 646 municípios (11,5%) atingiram a meta de 95% de crianças vacinadas. Os dados são preliminares e os municípios têm até o fim de novembro para registrar as doses aplicadas no sistema de informações do Ministério da Saúde. A recomendação aos estados que não atingirem a meta é continuar com a vacinação de rotina oferecida durante todo o ano nos mais de 40 mil postos de saúde distribuídos pelo país.

CAMPANHA NACIONAL DE VACINAÇÃO

Com o conceito ‘Movimento Vacina Brasil. É mais proteção para todos’, a ação teve início em 5 de outubro e se encerra nesta sexta-feira (30), simultaneamente à campanha de multivacinação, que visa atualizar a situação vacinal de crianças e adolescentes menores de 15 anos. Nesta última são ofertadas todas as vacinas do calendário nacional de vacinação.

O Brasil é referência mundial em vacinação e o Sistema Único de Saúde (SUS) garante à população brasileira acesso gratuito a todas as vacinas recomendadas pela Organização Mundial da Saúde (OMS). Atualmente, são disponibilizadas pela rede pública de saúde de todo o país 18 vacinas para crianças e adolescentes no Calendário Nacional de Vacinação, para combater mais de 20 doenças, em diversas faixas etárias.

POLIOMIELITE NO BRASIL

O Brasil vem desenvolvendo um importante papel no combate à poliomielite. Ao longo de 47 anos o Programa Nacional de Imunizações (PNI), por meio das ações de vacinação, tem contribuído de forma ativa para manter o país livre da doença. Em 1994, o Brasil recebeu da Organização Pan-Americana da Saúde (OPAS) a certificação de área livre de circulação do poliovírus selvagem do seu território, juntamente com os demais países das Américas.

Desde então, o país tem se empenhado para alcançar altas e homogêneas coberturas vacinais para manter a eliminação da doença. Coberturas vacinais municipais heterogêneas podem levar a formação de bolsões de pessoas não vacinadas, possibilitando a reintrodução do poliovírus. Por isso, é imprescindível que pais ou responsáveis levem as crianças menores de 5 anos aos postos de vacinação.

Continuar lendo

Cotidiano

Amazônia+21 terá diálogo para discutir modelos de desenvolvimento regional sustentável

Publicado

em

Com o intuito de estimular a identidade cultural e econômica da região amazônica, o Fórum internacional Amazônia+21 tem como propósito ajudar a criar novos modelos de desenvolvimento regional sustentável. A programação do evento está prevista para os dias 4, 5 e 6 de novembro e ocorrerá de forma virtual. O acesso será gratuito e contará com tradução simultânea para o inglês e espanhol.

O presidente da Federação das Indústrias do Estado de Rondônia (FIERO), Marcelo Thomé, explica que Amazônia+21 é um fórum de diálogos que visa promover a comunicação entre os mais variados agentes que atuam no território amazônico, entre eles o governo, o setor produtivo e a sociedade civil organizada.

“Desde o dia 19 de agosto, quando iniciamos essa jornada, já tivemos dois encontros. Tivemos encontros sobre infraestrutura, regularização fundiária e agricultura na Amazônia. Sobre cidades amazônicas e, ainda, cultura e agricultura, como preparação para o evento principal, em novembro”, destaca o presidente da FIERO.

O evento deve contar com a participação de cientistas, pesquisadores, especialistas, empresários, empreendedores, investidores, órgãos de fomento, governantes e chefes de Estado.

Para ter acesso aos debates, os interessados devem se inscrever aqui. O acesso por este canal é importante, principalmente para quem não tem domínio da língua inglesa ou espanhola, já que a tradução simultânea só será disponibilizada por esta plataforma e alguns convidados não falam português.

Na avaliação do diretor regional da ONU-Habitat para América Latina e Caribe, Elkin Velásquez, atualmente há uma necessidade de progresso na agenda da sustentabilidade. Segundo ele, incluir a região no chamado bloco da panamazônia é um meio de chamar a atenção dos governos para a importância da sustentabilidade e do desenvolvimento.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas