Conecte-se agora

Esposa de pastor Agostinho vai para SP fazer tratamento contra Covid-19

Publicado

em

A pastora Valéria Marques, esposa do líder e presidente da Igreja Batista do Bosque (IBB) no Acre, pastor Agostinho Gonçalves, foi transferida esta semana, por opção da família, para um hospital referência no atendimento de casos de Covid-19 em São Paulo. Apesar do quadro preocupante de saúde, ela viajou em voo comercial, sem necessidade de Unidade de Terapia Intensiva (UTI) aérea.

Como recebeu o teste positivo já há algumas semanas, o nível de transmissão do vírus para outras pessoas pode ser mais baixo, ainda mais se tomadas as precauções necessárias como máscara e distanciamento. A verificação do nível de transmissão é feita através de exames laboratoriais. Ela já estava internada há cerca de oito dias no Hospital Santa Juliana em Rio Branco e, como a família não percebeu melhora do quadro de saúde, decidiu procurar outro atendimento especializado fora do estado.

“Ela não está em estado grave. Ela foi para São Paulo porque estava internada há oito dias e não progrediu, não evoluiu”, explicou o pastor Agostinho. Segundo ele, houve também divergência entre a equipe médica local na interpretação da tomografia do pulmão da pastora. “Ela está com pneumonia em um dos pulmões e, por isso, foi internada”, garante Gonçalves.

A família decidiu, então, por um centro de saúde mais avançando no atendimento de pacientes infectados pelo coronavírus e espera obter melhora. “Ela vai ser curada primeiramente por Deus, mas Deus, usando a estrutura da medicina para curá-la”, disse Agostinho. Ele enviou um áudio por meio do whatsapp para tranquilizar amigos e familiares da pastora Valéria Marques.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas