Conecte-se agora

Em live com Jorge Viana, Gleici mostra o lado militante político que o Brasil não conhece

Publicado

em

O ex-senador Jorge Viana criou um canal no Youtube onde semanalmente recebe um convidado para discutir quase sempre sobre política.

Neste sábado, 20, o bate papo foi com Gleici Damasceno, a acreana vencedora do BBB no ano de 2018. A menina de origem humilde que encantou o país mostrou no bate papo com Jorge Viana seu lado político que o Brasil desconhece e que foi expressado por meio de um “Lula livre” logo que saiu da casa ao ser anunciada a grande vencedora do programa.

Gleici falou da infância, onde morou até os 7 anos de idade em uma fazenda na Transacreana. Revelou que a mãe vivia uma relação abusiva com o pai e teve que fugir de casa. “A minha mãe deixou o meu pai porque vivia uma relação abusiva. Esperou ele sair de casa e entrou comigo e meus irmãos no ônibus. Meu pai percebeu e aí tirou a gente e só ela seguiu viagem. No outro dia veio com a polícia buscar a gente”, contou Gleici.

A ex-BBB conta que a partir daí a família se dividiu. Ela foi morar com a avó paterna, o irmão com outra avó e só uma irmã ficou com a mãe. Quando conseguiu trabalho de empregada doméstica voltou a juntar os filhos e foram todos morar em uma casa simples no fundo do quintal de uma das patroas da mãe.

Gleici disse na conversa com Jorge Viana que desde nova percebeu ter liderança. Aos 16 anos montou uma Organização Não Governamental.

“Eu era uma menina que morava na Baixada da Sobral e que não tinha nada, nenhuma perspectiva e muitas vezes nem comia o que queria. Mas mesmo assim eu achava que se juntasse muita gente boa, disposta, poderíamos mudar o mundo”, afirma.

Jorge Viana perguntou a acreana que tem mais de 6 milhões de seguidores no Instagram sobre a possibilidade de entrar na política. A ex-BBB afirmou que foi muito xingada quando se posicionou contra o presidente Jair Bolsonaro, mesmo assim, não descartou a possibilidade. “Eu fui muito exposta quando me posicionei contra o Bolsonaro. Muito xingada porque tinha foto com o Lula com a Dilma, mas já tive muita vontade. Essa é uma pergunta muito difícil”, afirmou gargalhando.

Assista ao vídeo:

video

 

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas