Conecte-se agora

BNDES suspende dívidas de estados e municípios e anuncia repasse emergencial para 13 estados

Publicado

em

Uma boa notícia para estados e municípios que estão com a corda no pescoço por conta dos gastos para o enfrentamento à pandemia da Covid-19. O Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) anunciou novas medidas econômicas para ajudar no combate à pandemia e à crise instaurada pelo novo coronavírus.

A instituição decidiu suspender até dezembro de 2020, a cobrança de juros de dívidas dos estados, Distrito Federal e mais 44 municípios que possuem linhas contratadas.

Só com essa medida, o banco acredita que aproximadamente R$ 3,9 bilhões de reais possam ser injetados na economia brasileira. A suspensão temporária de pagamentos vai proporcionar mais dinheiro em caixa para que estados e municípios possam usar esses recursos no enfrentamento da emergência de saúde pública.

Um outra determinação do BNDES é o anúncio da diminuição da burocracia para que 13 estados, entre eles o Acre, possam receber rapidamente cerca de R$ 456 milhões de linhas já contratadas, mas que ainda não foram liberadas.

Os estados que têm linhas contratadas no banco são Acre, Amapá, Bahia, Espírito Santo, Goiás, Maranhão, Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Piauí, Rio Grande do Sul e Santa Catarina. A medida vai permitir que eles possam investir os recursos em ações de enfrentamento à pandemia e na redução do impacto das consequências econômicas. Além disso, será possível prorrogar os prazos das operações.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas