Conecte-se agora

Doação de sangue diminui 40% durante pandemia da Covid-19

Publicado

em

Desde o início da pandemia da Covid-19, que a situação no Hemoacre, que nunca é confortável ficou ainda pior. O número de doadores que já não é suficiente para atender a demanda, ficou ainda menor por causa da circulação do novo coronavírus.

Em “tempos normais”, a média mensal no Hemoacre é a coleta de 1.100 bolsas de sangue. Esse número caiu 40% de acordo com a própria instituição.

A redução nas coletas não foi tão sentida por conta da também redução das cirurgias eletivas, já que os principais esforços da saúde acreana no momento estão no combate a Covid-19.

A pandemia também tem prejudicado o atendimento de quem procura doa sangue, já que profissionais que trabalham no Hemoacre também foram acometidos da Covid-19. Pelo menos seis servidores testaram positivo para doença e tiveram que se afastar.

A Covid-19 também paralisou as coletas externas feitas pelo Hemoacre e que contribuem bastante para aumentar o estoque.

Para tentar contornar todos esses problemas e conseguir ter um estoque suficiente de bolsas de sangue para atender toda a demanda dos hospitais públicos e privados, o Hemoacre está apostando em um aplicativo de celular.

Disponível para Android e IOS, o aplicativo se chama “Sangue Amigo”. Nele, é possível agendar a doação, saber qual o tipo de sangue mais necessário no momento. “Nosso objetivo com esse aplicativo é fidelizar o doador como melhorar a qualidade do atendimento”, afirma Quésia Nogueira, do Hemoacre.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas