Conecte-se agora

Auxílio injetou R$ 180 milhões na economia do Acre em abril

Publicado

em

De acordo com dados do Sistema Fecomércio-Sesc-Senac/AC, foram injetados aproximadamente R$ 180 milhões na economia acreana com o auxílio emergencial no mês de abril. Apenas em Rio Branco, a mesma movimentação, no mesmo período, o montante de R$ 69,9 milhões e, em maio, já se acumula R$ 7.525.200.

O auxílio começou a ser pago no último dia 9 de abril, e a expectativa do governo federal, até então, era de que aproximadamente 54 milhões sejam beneficiados. A quantia é paga a trabalhadores informais, microempreendedores, desempregados e contribuintes individuais do INSS por três meses.

A Fecomércio destaca que o montante que entrou na economia acreana em abril minimizou o impacto do isolamento social. “Além das questões de desemprego, principalmente aqueles que não tinham nenhuma renda, que estavam desempregados de fato”, explica Egídio Garó, assessor da instituição.

Os produtos mais adquiridos foram itens de higiene, limpeza e alimentação nas compras mensais que segundo a Fecomércio principalmente os mercados menores, de bairro, que foram um pouco mais beneficiados que as grandes redes.

Com informações da Fecomércio.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas