Conecte-se agora

No Acre, mais de 200 famílias foram contempladas com auxílio

Publicado

em

O benefício do governo federal destinado aos trabalhadores informais, microempreendedores individuais (MEIs), autônomos e desempregados, com objetivo de fornecer proteção emergencial no período de enfrentamento à crise causada pela pandemia do novo coronavírus, beneficiou até o mês de maio 209.043 mil famílias no estado.

O repasse financeiro no valor total é de R$ 184.255.200,00 injetados na economia local. No Acre, são 138.041 mil famílias inscritas no CadÚnico, o que equivale a 478.893 mil pessoas, sendo que mais de 86 mil são beneficiárias do programa Bolsa Família.

O benefício no valor de R$ 600 é pago para até duas pessoas da mesma família e vai durar, a princípio, por três meses. Para as famílias em que a mulher seja a única responsável (monoparental) pelas despesas da casa, o valor pago mensalmente será de R$ 1.200,00.

O levantamento feito no Acre é da Secretaria de Estado de Assistência Social, dos Direitos Humanos e de Políticas para as Mulheres (SEASDHM). “Neste atual momento de crise, ocasionado pelo alastramento da pandemia e consequente estado de calamidade pública, o auxílio emergencial financeiro do governo federal é fundamental para as famílias, sobretudo as mais vulneráveis”, explicou a secretária de Estado, Ana Paula Lima.

O auxílio foi criado em abril, com previsão original de ser pago em três parcelas de R$ 600, até o mês de junho. No Acre, cerca de 88.005 mil famílias que estavam suspensas do programa Bolsa Família foram beneficiadas. Já 39.305 famílias que fazem parte do CadÚnico receberam o auxílio, e 81.733 mil famílias, que são os trabalhadores informais que ficaram sem renda na pandemia e fizeram seu cadastro pelo aplicativo, receberam o benefício no Estado do Acre, chegando ao valor total de 261.667 mil famílias alcançadas.

Fonte: Agência de Notícias do Acre

Anúncios


Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas