Conecte-se agora

Sesacre rebate município que fechou UBS por falta de testes rápidos para Covid-19

Publicado

em

Após a Unidade Básica de Saúde (UBS) Raimunda Porfiro, localizada no Bujari, anunciar que não iria abrir a unidade nesse sábado, 30, por falta de testes rápidos para Covid-19, a secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) emitiu um posicionamento. Primeiro, ressalta que quem realiza o fornecimento de testes rápidos aos municípios é o Ministério da Saúde (MS).

Além disso, a Sesacre garante que a abertura, ou não, de um centro de saúde nos finais de semana, não pode ser condicionada à oferta de testes rápidos para Covid-19, uma vez que nesses dias é indicado para pacientes que provavelmente estejam contaminados por coronavírus para que estes recebam orientações médicas.

“O entendimento da Sesacre é o de que não há razão para fechamento de qualquer unidade de saúde somente porque não existem testes rápidos, enfatizando que o repasse desses kits para os municípios é de inteira responsabilidade do MS, sem nenhuma interferência desta secretaria”, afirma.

O anúncio de que a UBS seria fechada nesse sábado foi feito pela própria secretaria de saúde do município por meio do perfil da prefeitura nas redes sociais. Esta é a única unidade referência no atendimento de casos suspeitos ou confirmados de Covid-19 no município do Bujari. “O que o MS faz é tão somente passar à Sesacre a planilha contendo a quantidade de testes rápidos que cada município receberá. Esta secretaria então repassa às cidades do interior os kits que chegam do ministério”, conclui a Sesacre.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas