Conecte-se agora

Policiais civis denunciam que delegacias não tem internet

Publicado

em

A oferta da internet nas delegacias de polícia do Acre volta a ser objeto de polêmica. Após o ac24horas informar que a Polícia Civil está gastando mais de 32 mil reais por mês para colocar internet em delegacias de 17 municípios do Acre, a reclamação agora é por conta da internet em Rio Branco.

De acordo com a denúncia, além do sinal de internet ser péssimo e prejudicar o andamento dos trabalhos, em 5 delegacias especializadas não há internet no final de semana. Segundo o denunciante, que prefere não se identificar, a internet da Delegacia Especializada em Investigação Criminal (Deic) vem de um “rabicho” do prédio do Acreprevidência.

“A internet da Deic vem do Acreprevidência. Quando é 5 da tarde de sexta, que o pessoal de lá vai embora, fica sem internet todo o final de semana e só volta na segunda-feira. Com essa contemplação toda e a maior especializada do estado fica sem internet. Outras delegacias que ficam sem internet todo final de semana são a DHPP, DCORE, DENARC e DRACCO”, afirma.

O ac24horas conversou com o delegado-geral da Polícia Civil, Henrique Maciel. Ele admitiu que em Rio Branco, o sinal de internet é ruim, mas que estão trabalhando para melhorar a qualidade.

“Na capital, temos a internet que é oferecida pelo Estado. O problema da qualidade do sinal não é de agora, vem de antes do governo Gladson. Estamos também trabalhando para resolver, ou seja, melhorar a qualidade da internet nessas delegacias”, explica.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas