Conecte-se agora

Gladson vai reeditar decreto de isolamento 

Publicado

em

O governador Gladson Cameli  vai reeditar o decreto de isolamento social, a vencer neste domingo, por mais 15 dias. Foi a informação que o BLOG DO CRICA recebeu na noite de ontem de uma credenciada fonte palaciana. O que teria motivado a decisão seria devido os casos de contaminação pela Covid-19 terem disparado no Estado, principalmente, na capital, com o aumento também do número de mortos. O temor do governo é que a abertura num momento tão crucial da pandemia da Covid-19 chegue a um nível de contaminação em que, faltem vagas nos hospitais para receber os doentes com uma maior gravidade. Mesmo sabendo da gravidade da crise econômica, o governo resolveu fazer uma opção pela vida com a decisão.

ABRIR TUDO

Entidades representativas do comércio enviaram ontem ao governador Gladson e à prefeita Socorro Neri uma proposta denominada “Plano Estratégico de Retomada Gradativa das Atividades Econômicas no Estado e Município”, inclusive, com modelo de decreto abrindo todas as atividades comerciais. No documento de posse do BLOG são enumeradas medidas sanitárias para evitar o aumento de casos da Covid-19, com o fim do decreto de isolamento.

RELATO DAS PERDAS

O documento vem mostrando as perdas acontecidas até o momento na classe empresarial, o desemprego com a adoção do isolamento social, a queda na receita estadual, alertando que, a não se proceder a abertura imediata o quadro relatado de degradação econômica vai piorar. 

NÃO LEVOU EM CONTA

O documento, bem elaborado, não levou em conta dois pontos: estamos no pique da pandemia, e não enumerou que, se não tivesse acontecido o isolamento social, por certo teríamos hoje mais mortes, e com saturação do sistema de saúde, onde os médicos estariam escolhendo quem deveria morrer ou não pela falta de vagas de internação e equipamentos.

OS QUE CONTESTAM

O BLOG é uma via de mão dupla. Uma empresária que contesta a continuidade do isolamento social mandou o comentário, pontuando que; se são mais de cinco mil notificações é porque se tem aproximadamente 50 mil infectados, e que o isolamento sem mapear focos não resolve.

GERAR DEBATE

Pelo que ouvi ontem de figura importante do PROGRESSISTAS, o governador Gladson não conte com a capitulação do partido na meta de ter candidato próprio à PMRB. Joga com a tese que não há argumento para um partido que está no poder servir de puxadinho, apoiando uma candidatura de outra sigla. Afirma que é este também o sentimento hoje dentro da sigla.

CONVENCER OS ALIADOS

Caso seja para valer a intenção do Gladson de fazer a prefeita Socorro Neri a sua candidata à PMRB na eleição deste ano, tem de começar convencendo os seus aliados da última campanha a cerrarem fileiras em torno da sua escolha, para agregar, não pode ser decisão unilateral.

COMEÇAR PELO PETECÃO

E tem que começar pelo senador Sérgio Petecão (PSD), que tem feito declarações públicas reiteradas de que está fora de cogitação o apoio à prefeita Socorro a um novo mandato.

NÃO TRABALHARAM

Dirigentes do MDB e do PSDB vêm o apoio à candidatura da prefeita Socorro Neri, como uma quebra de pontes para uma aglutinação em torno de uma reeleição do Gladson em 2020. Acontece é que nem o MDB e nem o PSDB criaram um cenário para estarem todos juntos.

MARCADAS POR TOMBAMENTOS

As relações de dirigentes do MDB e do PSDB com o governador têm sido marcadas por tombamentos, passando pela campanha de desmoralização do governo comandada pelo deputado Roberto Duarte (MDB), na ALEAC; até a aliança na surdina entre os tucanos e emedebistas em Cruzeiro do Sul, para disputar a prefeitura, deixando o Gladson de lado.

DECISÃO PESSOAL

A informação que o BLOG tem é de que a nomeação do ex-prefeito de Porto Walter, Vanderlei Sales, para uma das coordenadorias da Saúde no Juruá, veio da cota do governador, que sabia que com este ato, ele provocaria a irritação do ex-prefeito Vagner Sales (MDB).

QUESTÃO DE TEMPO

A oficialização do rompimento entre o MDB e o governador é só questão de abrandar os efeitos da pandemia, e a política subir o palco das discussões. Os dirigentes do MDB já deixaram claro que tomarão a decisão. A deputada Antônia Sales (MDB) já passou para a oposição, na ALEAC.

NÃO VAI ADIANTAR MUITO

O governador Gladson renovando o decreto de isolamento social nos moldes atuais tem que vir com um acompanhamento de que está sendo cumprido. A informação que se tem é que, muitos comércios não essenciais estão funcionando. Ou o decreto é aplicado na prática, com uma fiscalização, ou vai ficar a meia bomba que é hoje, com a contaminação aumentando.

ENCAMINHANDO PARA A PREFEITA

Leitor manda postagem, indignado pelo fato dos açougueiros, vendedores de peixes, e nas outras bancas do mercado central de atenderem os fregueses sem usar máscaras, o que pode colaborar para o aumento de casos do Covid-19. Encaminho para a prefeita Socorro Neri.

INDIGNAÇÃO JUSTA

Num momento de aumento de casos de contaminação pelo coronavírus nesta pandemia, é pertinente a indignação do leitor com este fato, já que se trata do manuseio de alimentos.

BOA AQUISIÇÃO

A ida do médico Osvaldo Leal para integrar a equipe da prefeita Socorro Neri foi um ponto acertado. É um profissional competente, e foi um bom secretário estadual de Saúde.

PERGUNTA AO CORREINHA

Leitor manda pergunta: – por qual razão foram suspensas as anunciadas lives com os artistas, que seriam patrocinadas pela secretaria que gera a cultura? Pergunta vai para o secretário Correinha. A gestão municipal da cultura já cumpriu o seu papel com este tipo de atividade.

TOALHA JOGADA

Claro que, de público não vão reconhecer isso, mas a cúpula tucana não coloca a candidatura da ex-prefeita Toinha Vieira à prefeitura de Sena Madureira como favorita. A aposta era que toda a oposição estivesse unida em torno da Toinha, o que acabou não acontecendo.

MAIOR TENDÊNCIA DE CRESCIMENTO

Pesquisa da Data-Control sobre a eleição municipal em Senador Guiomard mostra que, se eleição fosse hoje a polarização se daria entre o vereador Gilson da Funerária (SD) e Rosana Gomes (PROGRESSISTAS). Dados mostram Rosana com possibilidade de maior de crescimento.

REELEIÇÃO DIFÍCIL

Claro que, pesquisa agora representa apenas uma tendência de momento, nada que não possa ser mudado, até porque a campanha ainda nem começou. Mas pelo que o BLOG tomou conhecimento, o prefeito André Maia terá que dar uma boa melhorada se quiser ser reeleito.

NÃO AUTORIZADO

O BLOG não divulga os números porque a Data-Control precisaria autorização do contratante.

JOGO EM ACRELÂNDIA

Nomes citados até aqui como possíveis candidatos a prefeito de Acrelândia: Ederaldo Caetano (PROGRESSISTAS), Olavinho (MDB), Nésio Carvalho (DEM) e Luís do Gás (PSL).

NOMES DO JORDÃO

Possíveis candidatos a prefeito do Jordão: Edivan (PSD), Zeina Melo (MDB), Nágila Figueiredo (PT), Turiano Filho (PCdoB), Naldo (PDT) e Martinho Flávio (PSL).

FRASE MARCANTE

“Não beba nada sem ver e nem assine nada sem ler”. Ditado brasileiro.

 

Anúncios


Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas