Conecte-se agora

Governo informa que Acre passou das 100 mortes por Covid-19

Publicado

em

Diferente do que vem acontecendo ao longo das últimas semanas, a Secretaria Estadual de Saúde (Sesacre) não divulgou a quantidade de novos casos do coronavírus no estado no boletim parcial desta terça-feira, 26.

No boletim desta terça-feira, a Secretaria retifica as seguintes informações sobre o número de óbitos:

I. C. T., 77 anos, deu entrada no dia 19 de maio, no Hospital Raimundo Chaar, em Brasileia, e faleceu no dia 21 deste mês. A paciente possuía comorbidades e já estava contabilizada nos números repassados ao Centro de Informações Estratégicas de Vigilância em Saúde (Cievs).

Retifica também o número de óbitos em Cruzeiro do Sul, que passa a ser oficialmente quatro, pois M. F. B. O., 66 anos, deu entrada no dia 14 de maio, no Hospital Regional do Juruá, e falecendo no dia 21 do referido mês. Ela também possuía comorbidades. Suas iniciais já constaram nos boletins anteriores, porém a mulher não estava contabilizada no montante dos números.

Dessa maneira, o número oficial de óbitos passa a ser de 105, nesta terça-feira, 26.

As novas mortes são de A. M. F. M., mulher de 55 anos que deu entrada na UPA do Segundo Distrito neste domingo, 24, falecendo na segunda-feira, 25. Apresentava agravos prévios de hipertensão arterial e diabetes mellitus.

D. B. L., mulher de 80 anos, que foi internada na sexta-feira, dia 22, no Hospital Santa Juliana, e faleceu na segunda-feira, 25. Tinha agravos de doença renal aguda.

U. M. F., mulher de 73 anos, levada no dia 17 de maio para a UPA do Segundo Distrito e que faleceu nesta segunda-feira, 25. Tinha problemas de hipertensão arterial e insuficiência cardíaca.

D. M. S., mulher de 81 anos, que deu entrada no dia 14 de maio no Pronto-Socorro de Rio Branco e faleceu no dia 17. Na sua declaração de óbito, o médico não relatou se tinha comorbidades.

O. V. L., mulher de 88 anos, que foi internada no dia 18 deste mês e faleceu no dia 20, na UPA do Segundo Distrito. Assim como D. M. S, na sua declaração de óbito, o médico não relatou se tinha comorbidades.

Os homens são L. B. T., de 81 anos, internado desde o dia 14 deste mês na Fundação Hospitalar do Estado do Acre e falecido no último dia 17. Seu histórico médico era de diabetes e baço crescido.

J. A. R. S., de 70 anos, que havia dado entrada na Fundação Hospitalar do Estado do Acre no dia 11 de maio e morreu no dia 21. Apresentava imunossupressão e mieloma múltiplo.

A Sesacre informou que a atualização de novos casos da doença deve ser divulgado no boletim final, divulgado ainda na tarde desta terça-feira.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas