Conecte-se agora

Acre tem média de 4 a 5 pacientes internados por dia na UTI

Publicado

em

Durante a coletiva de imprensa concedida por representantes do governo na tarde desta terça-feira, 19, por videoconferência, o secretário de estado de Saúde Alysson Bestene alertou para o colapso que a saúde pública vem enfrentando diante do aumento de casos de Covid-19. Segundo o gestor, a procura por Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) no estado atualmente tem sido alta, com cerca de 4 a 5 internações por dia.

“Com relação a UTI, já estamos no limite”, assegura. O governo diz que a cada dia aumenta a busca por leitos e, se continuar dessa forma, vai chegar o dia em que o estado não terá mais leitos para disponibilizar. “Temos em média de 4 a 5 pacientes por dia que precisam de UTI, que necessitam desses leitos todos os dias”, informa Alysson.

Hoje, Rio Branco oferece 27 leitos de UTIs , destes, 25 já estão ocupados. Para as equipes que atuam na linha de frente no combate ao vírus, o sistema já ultrapassou o limite de atendimento. “Estamos no limite na nossa parte assistencial. Todas as medidas que foram adotadas são para controlar esse vírus. A gente sabe da dificuldade das pessoas se manterem em casa, mas se faz necessário o isolamento social. Aqui no país vizinho (Bolívia) tem número de casos bem menor que alguns estados brasileiros”, explicam as autoridades locais.

Para tentar sanar esse problema, o governo vem ampliando o número de leitos, montamos o Into para ser o hospital de referência. “Colocamos 30 leitos de UTI e iremos colocar quantitativo de 100 leitos no hospital de campanha”, garante Bestene.

Em Cruzeiro do Sul, o Hospital do Juruá disponibiliza 8 leitos e já tem 6 ocupados. Nesta terça, o Acre atingiu 2.482 casos confirmados e 73 mortes em decorrência do vírus.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas