Conecte-se agora

Mazinho vai montar hospital de campanha em UBS para separar pacientes com Covid-19

Publicado

em

Após se reunir com equipes do governo do Estado e da Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre) nessa segunda-feira, 12, o prefeito de Sena Madureira, Mazinho Serafim (MDB) vai poder concretizar a instalação de um hospital de campanha no município com o objetivo de retirar os pacientes de Covid-19 do Hospital João Câncio Fernandes para a Unidade Básica de Saúde (UBS) localizada no bairro Bom Sucesso.

A montagem do hospital de campanha em meio à pandemia do coronavírus foi um pedido do prefeito Mazinho. “Fizemos uma reunião muito boa e confirmamos que vamos montar um hospital de campanha num novo posto de saúde que temos, onde vai ser possível instalar ao menos 30 leitos. A ideia é separar as pessoas contaminadas pelo vírus dos demais pacientes”, explica o prefeito.

A reunião teve participação do secretário de saúde Alysson Bestene, do deputado federal Alan Rick, do ex-secretário municipal de saúde Daniel Herculano, que hoje atua dentro da Sesacre e profissionais de saúde de Sena Madureira.

“Dentre os encaminhamentos, destacamos que não queremos ter um problema maior no hospital João Câncio, por isso queremos montar uma unidade referência para o atendimento de Covid-19. Para isso, contamos com o apoio do governo. É uma parceria entre a prefeitura e o Estado”, garante Mazinho.

O governo, por meio da Sesacre, vai enviar médicos, insumos instrumentais e macas para Sena Madureira, enquanto que a prefeitura, além do prédio, vai fornecer os funcionários da parte de limpeza e da recepção do hospital de campanha. “Vamos nos ajudar e junto melhorar esses atendimentos, fluir esse trabalho para combatermos o coronavírus”, ressalta o prefeito, apontando que o momento é também de gratidão pelo apoio de todos os parlamentares do Acre nesse momento de crise diante da pandemia.

“Sou grato a todos os parlamentares, Márcio Bittar, Sérgio Petecão, os federais Flaviano Melo, Alan Rick e todos os outros. Flaviano, por exemplo, alocou cerca de R$ 1 milhão para Sena Madureira no combate ao vírus, isso é uma ajuda muito grande”.

Todos os recursos enviados para o município estão sendo revertidos para compra de insumos como Equipamentos de Proteção Individual (EPIs), álcool em gel, tendas, máscaras e outros. “É um momento de gratidão ao governo Gladson Cameli, que aceitou que o secretário Alysson vá ao nosso município nos ajudar com esse hospital de Campanha”, enfatiza Mazinho.

Equipes da Sesacre estarão em Sena Madureira na próxima quinta-feira, 14, para dar início, junto aos profissionais de saúde, à montagem da unidade referência no município. Nesta terça-feira, 12, Sena Madureira registrou 17 casos confirmados de Covid-19. “Peço que a população não se assuste, mas que se cuidem. Que fiquem em casa e se protejam”, diz o gestor.

Respirador

O prefeito aproveitou para explicar a situação dos respiradores que não chegaram ao município. Após conversa com representantes da Sesacre ficou acordado que uma das ambulâncias que se encontra na cidade será usada exclusivamente para o transporte de pacientes com Covid-19, uma vez que a instalação de um equipamento respirador requer muito mais insumos.

“É uma situação complexa. Para montar um respirador, é preciso de UTI, para montar UTI, precisa de usina para fabricar o gás que mantém a UTI funcinando então o que o governo sugeriu é que um respirador será montado dentro de uma de nossas ambulâncias. O paciente grave que precisar de um suporte maior, será levado dentro dessa ambulância equipada com respirador para o INTO em Rio Branco, onde terá mais de 40 UTIs com respiradores”, salienta o prefeito, após conversa com a Sesacre.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas