Conecte-se agora

Sena Madureira apresenta lives em campanha contra exploração sexual infanto-juvenil

Publicado

em

Devido ao momento de pandemia do coronavírus, a prefeitura de Sena Madureira, por meio da secretaria municipal de Assistência Social, começou esta semana promover lives no Facebook da prefeitura sobre as ações que envolvem a campanha contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes no município. As apresentações online irão ocorrer até o dia 18 de maio, data que se comemora o combate a exploração sexual infanto-juvenil.

O encontro dos representantes das entidades municipais com os internautas é transmitido diretamente do templo sede da Igreja Assembleia de Deus e tem participação de conselhos municipais, como o CREAS e o CRAS e instituições da área da segurança, como Polícia Militar e Ministério Público Estadual.

Abias Araújo, que representa a secretaria de Cidadania de Sena Madureira, uma das que está à frente desse projeto, afirma que continuar levantando a bandeira contra o abuso e exploração sexual de crianças e adolescentes é necessário, mesmo durante a crise de Covid-19.

“O município, a partir de toda a rede de proteção e garantia dos direitos, está promovendo esta campanha com uma programação diferenciada por conta da pandemia. Uma programação toda ao vivo pelo facebook com parceria do espaço físico equipado com estúdio na Assembleia de deus”, explica Araújo.

A ideia é continuar divulgando a campanha aos moradores, uma vez que a cidade ainda tem índices de violação de direitos das crianças que são abusadas sexualmente. O poder público, mesmo considerando esse momento de pandemia, não parou com a campanha.

“O objetivo das lives é fazer com que as pessoas tenham acesso a essas informações e tenham os canais certos para fazer denúncias e ligações para que possamos tomar providências a esses assuntos”, diz Abias.

Enquanto a campanha é transmitida pelo Facebook, os internautas podem assistir e interagir com os representantes municipais e tirar dúvidas. “Essas transmissões se tornaram uma ferramenta fundamental e contamos com o apoio da sociedade para que a gente venha combater esse índices”, salienta.

A conselheira tutelar de Sena Madureira Lays Mayra também coordena a campanha e as transmissões deste ano. “Nós sabemos que é dever de todos zelar pelos direitos da criança e do adolescente se tratando de abuso e exploração sexual. E o Conselho Tutelar lida com esses casos diariamente. Só em abril tivemos 5 casos no município, então precisamos denunciar porque infelizmente, ainda acontecem”, pediu a conselheira.

Segundo Mayra, levar informação para a população através das lives no Facebook faz com que as pessoas possam observar seus filhos e evitar que esses casos aconteçam, ou os que venham a acontecer sejam prontamente denunciados. “O papel da família é fundamental. Qualquer pessoa pode denunciar, com sigilo da identidade. Ligar no disque 100, ou no 190, e procurar o Conselho Tutelar ou o CREAS é uma das opções de levar a denúncia, que vai ser aceita e encaminhada para o Conselho, que posteriormente encaminhado o agressor para a Justiça”, explica.

O Conselho Tutelar cuida das vítimas e da família das vítimas. “O lema da nossa campanha é: “Esquecer é permitir e lembrar é combater”, vamos denunciar e cuidar dos nossos filhos, saber onde e com quem eles estão, porque às vezes o agressor é muito próximo. Nesse momento, as lives leva mais conhecimento para a população”, conclui Lays.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas