Conecte-se agora

Covid-19 derruba 48,9% da receita do IPVA e ICMS já acumula déficit de R$ 17 milhões no Acre

Publicado

em

Das principais fontes de receita do Estado do Acre, o IPVA é o que sente mais o peso da crise provocada pela pandemia do Covid-19.

Segundo projeção do economista Orlando Sabino, a queda na arrecadação desse imposto é de 48,9% levando-se em conta o resultado de abril deste ano e abril de 2019 -e comparando os períodos entre janeiro e abril de 2019/2020.

O IPI, Imposto Sobre Produtos Industrializados, está recuando até agora (utilizando-se os mesmos parâmetros do IPVA) 18,8%.

Os negócios que promovem a circulação de mercadorias são o 3º segmento que mais sofrem porque a arrecadação é cada vez menor: -18,3% na receita do ICMS com a crise do Covid-19.

A perda total, no mês de abril de 2020 em relação a abril de 2019, diz Sabino, foi de mais 40 milhões de reais. No mês, o Governo Federal repassou ao estado, a título de Apoio Financeiro, a quantia de pouco mais de 23 milhões de reais. Mesmo assim o déficit foi de mais de R$ 17 milhões. Leia mais detalhes no artigo do professor Orlando Sabino – AQUI.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas