Conecte-se agora

Sabendo de dificuldade na Saúde, pacientes recorrem a UBS

Publicado

em

IMAGEM ILUSTRATIVA

Temendo a superlotação nas UPAs e Pronto Socorro, pessoas com sinais de Covid-19 estão procurando ajuda nas Unidades Básicas de Saúde (UBS) e Unidades de Saúde da Família (USF) nos bairros.

Profissionais de saúde estão temerosos pela sua própria segurança, já que essas unidades são pequenas e não contam com estrutura nenhuma de atendimento referencial ao Covid-19.

Os servidores estão orientados pelos gestores locais a organizar filas no padrão recomendado pela política sanitária, assegurando o distanciamento social.

De seu lado, a secretaria municipal de Saúde reafirmou que as unidades de referência para esses casos são a UPA do Segundo Distrito e PS.

“Se chegarem a ir para nossas unidades vamos fazer o acolhimento inicial e encaminhar para as unidades referências. Esse é o protocolo”, disse ao ac24horas o secretário de Saúde de Rio Branco, Oteniel Almeida.

Almeida lembra que está reforçando o uso dos equipamentos de proteção individual para os trabalhadores dessas unidades. “E para registro não temos falta de EPIs”, afirmou Almeida.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas