Conecte-se agora

Mais duas mortes por coronavírus devem ser confirmadas pela Sesacre; total vai a 31 óbitos

Publicado

em

O coronavírus continua fazendo vítimas no Acre. Durante a noite desta terça-feira, 5, mais duas mortes aconteceram que tem como provável causa a Covid-19.

Uma delas é do Tenente O. Lima, que estava internado na UTI do Pronto-Socorro e não resistiu. Bastante conhecido e respeitado na corporação, sua morte causa centenas de manifestações de pesar nas redes sociais.

Se as duas mortes forem confirmadas como causa o coronavírus, o número total de óbitos chega a 31 no total.

Anúncios

Acre 01

Funcionária do Araújo vítima de racha é enterrada sob pedidos de justiça em Rio Branco

Publicado

em

Jonhliane Paiva de Souza, de 30 anos, que morreu de maneira trágica na última quinta-feira, 6, ao ser atingida por um carro modelo BMW durante um racha envolvendo ao menos dois homens na Avenida Antônio da Rocha Viana, foi enterrada no cemitério Morada da Paz na manhã desta sexta-feira (7). Após o velório, que ocorreu na Igreja Adventista do Sétimo Dia, situada no bairro Preventório, amigos e familiares se dirigiram ao sepultamento da mulher.

O velório e o sepultamento foram marcados por muita emoção e pedidos de justiça por parte da família da jovem. Nas redes sociais, há também muita comoção da sociedade acreana em torno do acidente. Informações de testemunhas contam que o principal suspeito apontado de envolvimento no caso, o fisioterapeuta Ícaro José da Silva Pinto, de 33 anos, fugiu do local logo após a colisão, sem prestar socorro à vítima.

LEIA TAMBÉM:

>>> Funcionária do Araújo morre ao ser atropelada por BMW que fazia racha em avenida

>>> Condutor de BMW que matou jovem durante racha é filho de advogado e da presidente do SinproAcre

>>>BMW que matou mulher em racha tem documento atrasado há 2 anos e condutor possui 28 multas e 2 processos por inadimplência

Jhonliane estava a caminho do trabalho, dirigindo uma motocicleta modelo Biz, quando foi atingida pela BMW. Ela era colaboradora da Rede Arasuper de supermercados em Rio Branco há mais de sete anos. A empresa divulgou uma nota emitindo pesar pela morte da funcionária.

O ac24horas apurou que a BMW envolvida no racha estava com a taxa de licenciamento atrasada desde 2018. Além disso, o condutor Ícaro, possui 28 multas registradas em seu nome e é alvo de dois processos por inadimplência. O carro de luxo que ele dirigia está no nome de seu pai, o advogado aposentado e ex-juiz eleitoral do Acre, José Teixeira Pinto. Ele também é filho da presidente do Sindicato dos Professores da Rede Pública de Ensino do Estado do Acre (SinproAcre), Alcilene Gurgel.

A BMW foi recolhida e levada para o pátio do Departamento Estadual de Trânsito do Acre (Detran/AC). A Delegacia da 1ª Regional da Polícia Civil ficou responsável por apurar o caso. Já foram coletadas as provas no local do acidente, realizada perícia e a polícia pegou imagens das câmeras de segurança próximas do local.

Imagens de câmeras de segurança de estabelecimentos da região mostram momento em que os veículos transitam em alta velocidade na avenida. O ac24horas tentou contato com a família do envolvido, mas não conseguiu. A mãe do acusado, a professora Alcilene Gurgel, disse: “não estou no Acre e no momento não tenho condição de falar sobre o assunto. Desculpa”.

 

Continuar lendo

Acre 01

Cidades do Acre com maiores investimentos na saúde tiveram menos casos de Covid-19

Publicado

em

Os impactos da pandemia no Acre representam uma prova de fogo para a gestão pública nesse ano considerado atípico, em função da paralisação de vários setores econômicos e do enfrentamento à Covid-19.

Treze gestores colocam seu nome à julgamento dos eleitores no próximo dia 15 de novembro. Certamente, os resultados positivos alcançados na luta em favor da vida somarão muito na hora de o eleitor decidir em quem depositar nova confiança para os destinos de sua cidade nos próximos quatro anos.

Curiosamente, quem mais investiu em saúde pública em 2020, o prefeito Elson Farias, da cidade de Jordão, no Purus, não concorre à reeleição. Os dados são do Tribunal de Contas da União, têm como base os gastos entre os meses de janeiro e junho.

Segundo levantamento feito pelo ac24horas, o desembolso por habitante em Jordão foi de R$ 291 entre os meses de janeiro à junho deste ano. A cidade foi a última a registrar o primeiro caso de Covid-19 no Acre, no dia 2 de junho. Segundo o Portal Covid-19, o município é o que tem o menor número de infectados, um total de 81. Apenas uma pessoa morreu durante a pandemia.

Em segundo lugar na aplicação dos recursos por habitante, destaca-se o município de Capixaba, com R$ 280. A cidade está entre as cinco com menor número de casos, um total de 226, com 7 óbitos confirmados. O prefeito é o Joãozinho do MDB, ele concorre à reeleição este ano.

Porto Walter é o terceiro no ranking de investimentos com aplicação de R$ 269 por habitante. O município administrado pelo prefeito José Barbary, teve apenas um óbito e 232 casos confirmados de Covid-19.

As cidades consideradas maiores, onde se concentra o maior número de habitantes, os gastos chegam a ser 50% menor. Rio Branco, por exemplo, com mais de 400 mil pessoas, investiu R$ 155 por habitante no mesmo período. A prefeita Socorro Neri concorre à reeleição com apoio do governador Gladson Cameli. A capital tem 9.356 infectados. 356 pessoas foram à óbito somente em Rio Branco.

Em Cruzeiro do Sul, segunda maior cidade do Estado, o prefeito Ilderlei Cordeiro investiu um percentual maior, totalizando R$ 210 por habitante. Com 2.844 infectados, número que pode ser bem maior – há 60 dias não se realiza testes – 53 pessoas perderam a vida por causa da pandemia. Cordeiro ainda não decidiu se é pré-candidato à reeleição.

O município de Feijó, sexto no ranking de contaminação (765 casos confirmados) foi quem menos investiu em saúde nos seis primeiros meses do ano. Segundo o TCU, o desembolso por habitante foi apenas de R$ 126. Kiefer Cavalcante é pré-candidato à reeleição.

Com R$ 542 investidos por habitante, o governo do Acre é quem mais investiu por habitante. Em 2019 o desempenho na saúde foi menor do que os recursos totais aplicados por habitante em 2018. No primeiro ano de gestão Gladson Cameli investiu R$ 1.050 por habitante. Em 2018 essa aplicação foi um pouquinho maior, chegou aos R$ 1079. Os dois anos não sofreram com nenhum tipo de pandemia.

Continuar lendo

Acre 01

Gladson diz que não vai retirar a candidatura de Kinpara e pode se filiar ao PSDB após as eleições

Publicado

em

O governador Gladson Cameli afirmou na manhã desta quarta-feira, 5, no Palácio Rio Branco, que deve apresentar carta de afastamento do Progressistas e que existe a possibilidade de se filiar ao PSDB somente depois das eleições.

Evitando polemizar, o governador voltou a afirmar que recebeu todas as garantias da executiva nacional tucana que seria o mandatário tucano no Acre. “Já foi conversado. Sentarei com todos partidos. Minha decisão de apoio já está tomada [apoio a Socorro Neri] e não vou retirar candidatura de ninguém, fiquem tranquilos. Vou conversar com todos. Estou vendo datas e horários”, disse.

Cameli minimizou também as falas da deputada Mara Rocha dando a entender que governador seria bem vindo desde que respeitasse a ordem. “Eu não quero problema com a Mara. Quero que ela mande recursos para o Acre nas suas emendas só isso, pontuou.

Sobre sua situação no PP, Cameli confirmou que pedirá afastamento e deu um puxão de orelha no deputado José Bestene que afirmou que ele não deixaria o partido e pôs a culpa na imprensa. “A imprensa não mente. Não tem ninguém para falar por mim. Ninguém está autorizado a falar por mim”, disse.

Continuar lendo

Acre 01

Relatório mostra que Acre não reduziu gasto com pessoal e Sefaz pede revisão

Publicado

em

Uma portaria publicada pela Secretaria de Tesouro Nacional (STN) nessa segunda-feira, 3, aponta que o Acre deixou de cumprir a meta 3 do Programa de Ajuste Fiscal (PAF) da STN. Essa meta diz respeito à relação entre receita corrente líquida e gasto com pessoal, sendo que o Governo do Estado ultrapassou em 2,64% o limite de 60% estabelecido pela Lei de Responsabilidade Fiscal no ano de 2019.

A boa notícia é que das seis metas exigidas pela STN para garantir o refinanciamento das dívidas, apenas a 3 foi descumprida. As demais metas – endividamento, resultado primário, arrecadação própria, gestão pública e disponibilidade em caixa – todas estão ajustadas, segundo portaria do Diário Oficial da União e também com o Relatório de Execução do PAF, documento produzido pela Secretaria de Fazenda do Acre.

Esse relatório foi publicado dia 29 de maio deste ano e está assinado por Raymson Bragado, secretário-adjunto do Tesouro Estadual; Pedro Brilhante, diretor-geral de Contabilidade do Estado; e Eduardo Maia, da Divisão de Informações Contábeis Fiscais.

O relatório pede revisão das metas do PAF para o período de 2020 a 2022, “apesar do aumento da receita própria” e considerando o agravamento do quadro fiscal por causa da pandemia da Covid-19.

Confira aqui: http://www.sefaz.acre.gov.br/wp-content/uploads/RELAT%C3%93RIO-SOBRE-A-EXECU%C3%87%C3%83O-DO-PAF-2019.pdf

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas