Conecte-se agora

Fluxo no centro de Rio Branco é mantido mesmo à beira de um possível “lockdown”

Publicado

em

O clássico pedido “se puder, fique em casa”, parece não surtir efeito algum nas últimas semanas entre a população da capital acreana. Mesmo com o salto no número de casos de Covid-19 a cada dia, a movimentação nas ruas de Rio Branco não reduziu. Prova disso é o fluxo intenso registrado pelo fotojornalista do ac24horas, Sérgio Vale, nesta quarta-feira (6).

Com quase mil casos confirmados por contaminação do coronavírus, o governo estadual já estuda a implantação do “lockdown”, uma medida muito mais rígida e colocada em prática em situações extremas de possibilidade ou colapso total no sistema de saúde pública.

Autoridades de diversos seguimentos dos poderes públicos tentam conscientizar os moradores com campanhas de tipo “fique em casa”, mas o resultado, conforme visto nos espaços públicos, tem sido mínimo ou abaixo do esperado.

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) é o mais recente a divulgar uma campanha pelo isolamento social, com intuito de incentivar o isolamento para evitar a proliferação do coronavírus.

“O momento exige uma mudança de comportamento muito necessária e os números mostram o quão importante é ficar em casa, pois esse é o único caminho para diminuir o ritmo de novos casos”, disse a procuradora-geral do órgão, Kátia Rejane. “Saia de casa somente para atividades essenciais, mantenha o distanciamento social e evite aglomerações, mesmo em espaços privados”, pediu.

Fotos: Sérgio Vale/ac24horas.com (Todos os direitos reservados). 

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas