Conecte-se agora

Motoristas de ônibus reclamam da falta de fiscalização no uso de máscaras

Publicado

em

Os motoristas dos ônibus que fazem o transporte coletivo de Rio Branco estão preocupados. Como o transporte público é considerado item essencial à vida das pessoas, os profissionais precisam sair de casa todos os dias para trabalharem.

Uma das medidas para evitar a contaminação em um veículo onde andam pessoas de todos os bairros sem ter como saber quem está ou não infectado é o uso obrigatório de máscaras.

Mas, segundo os motoristas, essa determinação não tem resolvido nada. Simplesmente porque muitas pessoas não estão cumprindo com a determinação e não estão fazendo uso da máscara.

“Problema é que ninguém fiscaliza. Eu não tenho como tirar as pessoas à força de dentro do ônibus. Muita gente que tá usando máscara reclama e pede pra que a gente faça alguma coisa. Eu não sei se obrigação da empresa ou da RB Trans, mas nem um aviso no painel do ônibus dizendo que é obrigado usar máscara colocaram”, diz um motorista que prefere não se identificar.

O ac24horas conversou com a prefeitura de Rio Branco que declarou que vai intensificar a fiscalização.

“A Prefeitura de Rio Branco, por meio da Secretaria Municipal de Saúde (Semsa), em parceria com a Superintendência de Transporte e Trânsito (RBtrans) informa que o uso obrigatório de máscaras nos coletivos já é uma orientação para os motoristas e usuários dos transportes. Ao longo da semana o incentivo, ao uso da máscara e sua obrigatoriedade será intensificada com a ajuda dos fiscais de transporte e da vigilância em saúde”, diz a prefeitura em nota.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas