Conecte-se agora

Com 10 quilos a menos, governador do Acre reforça: “não é hora de abrir as atividades”

Publicado

em

O governo do Acre publicou uma mensagem na noite deste domingo, 3, por meio de vídeo nas redes sociais, reforçando a prorrogação do decreto de isolamento social e fechamento de órgãos públicos, comércio, templos religiosos e outras atividades consideradas não essenciais, na pandemia do novo coronavírus, até o próximo dia 17 de maio.

“Apesar dos esforços do governo, prefeituras e parte da população, os casos de coronavírus aumentaram de forma acentuada. Embora parte disso seja porque o estado aumentou a quantidade de testes, a verdade é que estamos iniciando o aumento da curva de infectados. Por isso, não é hora de abrir as atividades. O momento é de atenção e ainda mais cuidados”, enfatizou Gladson Cameli.

O pronunciamento foi marcado por um semblante carregado do governador. O chefe do Executivo estadual afirma que perdeu cerca de 10 quilos em meio aos trabalhos diante da pandemia do vírus. Mas o cansaço pela rotina exaustiva do governo no caos provocado pelo coronavírus, tem resultado bons frutos, como a aquisição de mais 11 Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) para o Instituto de Traumatologia do Acre, o Into, que deve ser entregue nesta segunda-feira (4), em Rio Branco.

O governador também pediu que a população siga as medidas impostas pela Organização Mundial da Saúde (OMS) quando ao distanciamento social. “Entenda que o seu passeio coloca em risco a sua vida e de toda sua família. Qualquer reunião que aconteça pode infectar a todos”, salientou.

 

 

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas