Conecte-se agora

Motoristas denunciam festas que quebram regras da quarentena

Publicado

em

IMAGEM ILUSTRATIVA

Motoristas de Uber que trabalharam à noite no último final de semana, denunciam a organização de festas com aglomeração de pessoas que quebra regras do último decreto editado pelo governador Gladson Cameli.

“A maior demanda de chamadas pelo aplicativo é transportando pessoas de uma festa para outra”, disse um dos profissionais que pediu para não ser identificado.

O motorista acrescentou que os locais juntam dezenas de pessoas com churrasco e muita bebida. Outros motoristas de aplicativos e até taxistas, confirmaram a informação. “Tem dois motéis abertos normalmente, na região da Apolônio Sales e na avenida Antônio da Rocha Viana”, denunciou um deles.

A partir desta segunda-feira (20) entram em vigor as novas regras decretadas pelo governador Gladson Cameli. O dispositivo fala em proibição de mais de cinco pessoas em espaços públicos, não prevê multa ou até prisão, para quem organizar festas particulares com aglomeração além da permitida.

Em Campo Grande, após denúncia de vizinhos, um jovem foi preso pela Polícia Militar após se recusar a dispensar convidados. Ele promovia festa com aglomeração e som alto.

Além das regras já adotadas, o dispositivo legal decretado pelo governo do Acre permite a criação de multas em caso de descumprimento das determinações, a obrigatoriedade de uso de máscaras nos espaços públicos e privados que tenham atendimento ao público; a limitação do número de pessoas de acordo com o estabelecimento; somente uma pessoa por família pode ir ao supermercado.

Já nos espaços públicos, está proibida a aglomeração de mais de cinco pessoas. O novo decreto expressa ainda a necessidade do aperfeiçoamento de medidas para evitar filas, principalmente, nas instituições financeiras.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas