Conecte-se agora

Focos de queimadas aumentam e já há alertas de desmate no Acre

Publicado

em

Há muita preocupação entre gestores e ambientalistas quanto ao crescimento do desmatamento e das queimadas na Amazônia. Em Rio Branco, bastaram dois dias seguidos de sol (sexta e sábado) para que sinais de fumaça fossem vistos na cidade.

E a situação pode ser bem pior: segundo o Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe) entre 1º de janeiro e 11 de abril de 2020 as queimadas aumentaram 125% no Acre.

O monitoramento em tempo real diz que no mesmo período de 2019 os satélites do Inpe detectaram 8 focos de queimadas no Acre. Este ano foram 18 focos.

O desmate preocupa ainda mais porque o período ainda é de chuvas, apesar de estarem abaixo do padrão. Os alertas de desmatamento na floresta Amazônica cresceram 29,9% em março de 2020, se comparado ao mesmo mês do ano passado, de acordo com o sistema Deter-B, do Inpe. Todos os Estados, incluindo o Acre, receberam alertas na Amazônia.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas