Conecte-se agora

Taxista que transportava acreanos até RO morre por coronavírus

Publicado

em

FONTE: RONDONIAOVIVO

Foi confirmada em decorrência de coronavírus (covid-19) a morte do taxista Aparecido Rodrigues Lopes, de 66 anos, conhecido como “Leão”. A confirmação foi feita durante coletiva de imprensa na manhã desta quinta-feira (09) na Secretaria Estadual de Saúde (Sesau).

O homem foi encontrado morto na manhã de ontem (08) em seu apartamento na rua Uruguai, bairro Nova Porto Velho, na capital de Rondônia.

O taxista foi atendido na última segunda-feira (06) na UPA da zona Leste. Segundo as informações, ele chegou até a unidade de saúde com muita febre, tosse e falta de ar. O paciente foi colocado em isolamento, atendido, medicado e colheu sangue para exames.

Em seguida, ele foi orientado a ir para casa e ficar em quarentena. Todavia, existem vários relatos de que ele permaneceu trabalhando normalmente na rodoviária, transportando passageiros para o Estado do Acre e também na Ponta do Abunã, em Porto Velho.

Ontem a tarde, o corpo dele foi removido por uma funerária e enterrado imediatamente em uma área isolada do cemitério Santo Antônio. Com esse é o segundo caso de morte por coronavírus em Porto Velho. No último dia 29 de março uma mulher, também de 66 anos, morreu internada no Cemetron.

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas