Conecte-se agora

PF, Exército e Funai retiraram 25 pessoas de aldeias do Juruá

Publicado

em

A Polícia Federal, Exército e Funai monitoram as entradas para impedir a entrada de não índios nas aldeias e já retiraram 25 pessoas de terras indígenas da região. As ações de monitoramento foram intensificadas desde o último dia 15.

O chefe da Funai no Juruá,  o capitão Marco Antonio Gimenez, cita que além dos 25 retirados, cerca de 75 estrangeiros foram interceptados antes de chegar à região. “Nosso objetivo maior é bloquear a entrada do Covid-19 nas terras indígenas”, citou

As aldeias do Juruá recebem centenas de visitantes a cada ano. Visitantes brasileiros e estrangeiros que buscam conhecer a realidade dos indígenas por meio de Vivências. Participam também de trabalhos espirituais com o uso de ayauasca, rapé e vacina do sapo kambô.

Índios fecham aldeia Puyanawa em Mâncio Lima

Os índios Puyanawa, em Mâncio Lima, que aos sábados realizam trabalhos espirituais abertos ao público em geral, fecharam com correntes a entrada da terra indígena e entraram em quarentena.

O líder Joel Puyanawa cita que um trabalho espiritual foi feito na entrada e as correntes foram postas: “Nós pedimos proteção divina. Esse fechamento é para o bem de todos nós e espero que nos compreendam”.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas