Conecte-se agora

Governo, Fieac e Acisa definem que trabalho na construção civil será liberado; comércio e restaurantes só poderão funcionar em delivery

Publicado

em

Em uma reunião na noite desta segunda-feira, 23, com a mediação da Federação das Indústrias do Acre (FIEAC) e a Associação Comercial do Acre (ACISA), o governo do Acre anunciou novas medidas para tentar diminuir o impacto negativo nas contas de comércios e indústrias acreanas por conta do coronavírus.

Como resultado da reunião ficou decidido que a construção civil continua a trabalhar no mesmo ritmo, respeitando os cuidados necessários para o momento e evitando qualquer tipo de aglomeração.

Já os comércios vão poder voltar a trabalhar, mas de portas fechadas. Quem quiser retomar suas atividades vai ter que atender aos clientes pelo sistema de delibery, ou seja sem atendimento presencial da clientela. Além dos comércios, essa também é a condições para os restaurantes que podem voltar a funcionar, mas as refeições devem ser entregues nas residências.

O presidente da Fieac, José Adriano, classificou como estratégicos os encaminhamentos decididos na reunião. “Dentre desse processo da construção civil solicitamos que todos os pagamentos que estão hoje no governo e em discussão de medições sejam todos priorizados”, afirma.

Adriano lembrou que as medidas são positivas, mas que não se pode perder de vista os cuidados com o coronavírus. “Se Deus quiser, a gente já volta nesta terça a trabalhar mais tranquilo, porém, todos, independente do tamanho não podem esquecer as medidas de prevenção”, lembra.

Alívio foi a palavra usada pelo presidente da ACISA, Celestino Bento. “Saio aliviado. Estou vendo que a equipe, assim com a iniciativa privada, está comprometida em buscar alternativas. Esse é um momento de lucidez, que precisamos caminhar juntos em busca de soluções”.

Além dos representantes do setor produtivo,, representando o governo participaram da reunião Ricardo Brandão, Secretário de Planejamento e Gestão, Ribamar Trindade, chefe da Casa Civil, Semírames Dias, Secretária de Fazenda, e Paulo César, secretário de Segurança Pública.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas