Conecte-se agora

Energisa cria comitê em combate ao covid-19

Publicado

em

A Energisa está sensível ao avanço da pandemia do Covid-19 e atenta aos principais temas levantados pela sociedade e diferentes setores da economia. Todo o setor de energia está unido em diálogo aberto com o Ministério de Minas e Energia e a Aneel, agentes federais que regulamentam o setor de energia elétrica, para agir de forma estruturada, buscando o melhor para o país e garantindo que soluções para o segmento sejam pensadas em âmbito nacional, abordando todas as suas variáveis e implicações.

Sendo assim, o Ministério de Minas e Energia instalou um Comitê Setorial de Crise para resguardar a saúde de servidores e, também, garantir o funcionamento dos serviços de energia. O Comitê irá articular, definir, coordenar, monitorar, orientar e supervisionar medidas a serem adotadas pelos órgãos e agentes vinculados à pasta dentre eles as Empresas Concessionárias de Distribuição de Energia Elétrica, no período da pandemia do Covid-19.

A Energisa reconhece que o serviço de fornecimento de energia se torna ainda mais essencial neste momento e está tomando todas as medidas necessárias para assegurar a sua continuidade e também proteger a saúde dos seus colaboradores e clientes, incentivando que o contato com a empresa seja realizado prioritariamente pelo site energisa.com.br ou pelo Call Center, 0800 647 7196.

Vale ressaltar ainda que a companhia já conta com planos de contingência para garantir o fornecimento de energia elétrica e atender a todas as emergências.

Atenciosamente,

Energisa Acre

Anúncios

Acre 01

Simulação de 2º turno põe Socorro vencendo Minoru Kinpara, Bocalom e Roberto Duarte

Publicado

em

Os números da pesquisa Real Time Big Data divulgados nesta sexta-feira, 23, que colocaram Minoru Kinpara (PSDB) e Socorro Neri (PSB) empatados com 27% na pesquisa estimulada, trazem também a simulação de um eventual segundo turno entre os quatro candidatos melhores colocados no levantamento. De acordo com a simulação, a candidata socialista à reeleição, Socorro Neri, venceria Minoru Kinpara (PSDB), Roberto Duarte (MDB) e Tião Bocalom (PP).

Na avaliação do 1º cenário, onde Socorro disputa com Bocalom, a candidata socialista registra 51% contra 31% do Progressista. Branco ou nulo registrou 12% e não souberam ou não responderam marcou 6%.

Já no cenário 2, onde Neri enfrenta Duarte, a Socialista registra 47% enquanto o emedebista marca 30%. Branco e Nulo marca 12% e não souberam ou não responderam registrou 11%.

No cenário 3, Socorro marca 41% contra 33% do tucano Minoru Kinpara. Branco e nulo registrou 10% e não souberam e não registraram, marcou 16%.

A pesquisa Real Time Big Data ouviu 850 pessoas e foi realizada entre os dias 17 a 21 de outubro. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral do Acre com o número AC 06308/2020.

Continuar lendo

Acre 01

Presidente Jair Bolsonaro tem aprovação de 55% dos acreanos que residem em Rio Branco

Publicado

em

Foto: Divulgação 

A pesquisa Real Time Big Data divulgada pela TV Gazeta/Rede Record nesta sexta-feira, 23, também trouxe a avaliação das gestões da prefeitura de Rio Branco, governo do Estado e também da presidência da república.

De acordo com o levantamento, quando o eleitor é questionado sobre a satisfação do mandato de Socorro Neri (PSB), 36% considera ótimo/bom e 38% acreditam ser regular. 23% acham ruim ou péssimo e não souberam ou não responderam marcou 3%.

Já com relação a aprovação, 53% dos entrevistados afirmaram aprovar a gestão da socialista e 37% afirmaram desaprovar. Não souberam ou não responderam marcou 10%.

Quando o eleitor avalia o governo de Gladson Cameli, segundo a pesquisa, 49% aprovam e 38% desaprova. Não souberam ou não responderam marcou 13%.

Com relação ao presidente Jair Bolsonaro, 55% dos entrevistados em Rio Branco aprovam a sua gestão e 34% desaprovam. 11% não souberam ou não responderam.

A pesquisa Real Time Big Data ouviu 850 pessoas e foi realizada entre os dias 17 a 21 de outubro. A margem de erro é de 3 pontos percentuais, para mais ou para menos e o nível de confiança é de 95%. O levantamento está registrado no Tribunal Regional Eleitoral do Acre com o número AC 06308/2020.

Continuar lendo

Acre 01

Moradores reclamam de buracos na Estrada do Barro Vermelho e criticam prefeita Socorro Neri

Publicado

em

Há dois anos sem manutenção ou qualquer outro benefício para Estrada do Barro Vermelho, os moradores do trecho da Penal até a Escola Jorge Lavocat, estão bastante insatisfeitos com a gestão municipal de Socorro Neri.

As poucas benfeitorias realizadas neste trecho foram realizadas pelos próprios moradores do local, que representam cerca de 600 famílias.

Continuar lendo

Acre 01

Nicolau Júnior homenageia Phelipe Daou em comemoração aos 46 anos da Rede Amazônica

Publicado

em

O presidente da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), deputado Nicolau Júnior (Progressistas), participou na manhã desta sexta-feira (16) da cerimônia de comemoração aos 46 anos da Rede Amazônica. Além do parlamentar, o evento também contou com a presença do governador Gladson Cameli, da prefeita de Rio Branco, Socorro Neri e da procuradora-geral de Justiça, Kátia Rejane de Araújo Rodrigues.

A Rede Amazônica é um conglomerado regional que atua nos estados do Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia e Roraima em áreas como televisão, rádio e internet. Com sede em Manaus, é o maior grupo de comunicação da Região Norte, sendo afiliada da Rede Globo.

O grupo empresarial responsável pela Rede Amazônica surgiu de uma agência de propaganda, a Amazonas Publicidade, fundada em 30 de setembro de 1968. Os jornalistas Phelippe Daou e Milton de Magalhães Cordeiro se juntaram então aos empresários Joaquim Margarido e Robert Phelippe Daou para disputar a concorrência que resultou na concessão do segundo canal de televisão de Manaus.

Para o presidente da Aleac, um caso de pioneirismo que precisa ser reconhecido. “O Acre foi um Estado formado por pioneiros audaciosos que tiveram a coragem de, na fronteira mais a oeste do país, transformar essa terra em Brasil. A família rede amazônica de rádio e televisão foi uma dessas pioneiras. Inicialmente, com o grande Phelippe Daou, que com coragem e iniciativa trouxe a televisão para o Acre. Legado importante que para a nossa sorte, foi seguido pelo seu filho Phelippe Daou Júnior”, enfatizou.

O progressista frisou ainda que a atuação da Rede Amazônica fortaleceu a cidadania dos povos amazônicos. “O meu desejo é que essa empresa continue crescendo e fazendo a diferença no nosso Estado. Parabéns a todos os jornalistas, funcionários e colaboradores da Rede Amazônica, tenho muito orgulho de tudo que vocês construíram até aqui”, complementou.

Na oportunidade, Nicolau Júnior homenageou Phelipe Daou Júnior com a entrega do título de Cidadão Acreano. Para ele, uma homenagem justa e necessária. “Entrego esse título em nome dos 24 deputados estaduais, do governo do Estado e da população acreana, pelo pioneirismo e pela coragem que Phelippe Daou Júnior, seguindo os passos de seu pai, contribuiu para a construção e a evolução da comunicação e do jornalismo no Estado do Acre. Não poderia deixar de homenagear essa história tão bonita que ajudou a construir o nosso Estado de ponta a ponta. Homenagem mais que justa e merecida”, concluiu.

Continuar lendo

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Recomendados da Web

Mais lidas