Conecte-se agora

Inflação sobe 0,49% e acumula alta de 3,04% em um ano no Acre

Publicado

em

Divulgado nesta quarta-feira (10) pelo IBGE, o Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de fevereiro teve alta de 0,49% no Acre após um janeiro de queda (-0,21).Essa alta é praticamente o dobro da média nacional no período.

A inflação acumulada de doze meses é de 3,04% para os acreanos. No Brasil a alta foi 0,25%, depois de variar 0,21% em janeiro. Foi o menor resultado para um mês de fevereiro desde 2000, quando o índice foi de 0,13%.

No ano, o IPCA acumulou alta de 0,46% e, nos últimos 12 meses, de 4,01%, abaixo dos 4,19% observados nos 12 meses imediatamente anteriores. Em fevereiro de 2019, a taxa havia sido 0,43%.

O maior impacto no índice do mês, 0,23%, veio do grupo Educação, que também registrou a maior variação (3,70%) entre os nove grupos de produtos e serviços pesquisados. Outros quatro grupos também apresentaram alta, com destaque para Saúde e cuidados pessoais (0,73% de variação e 0,10% de impacto) e Alimentos e bebidas (0,11% de variação e 0,02% de impacto).

O IPCA é calculado pelo IBGE desde 1980, se refere às famílias com rendimento monetário de um a 40 salários mínimos, qualquer que seja a fonte, e abrange dez regiões metropolitanas do país, além dos municípios de Goiânia, Campo Grande, Rio Branco, São Luís, Aracaju e de Brasília.

Para o cálculo do índice do mês, foram comparados os preços coletados no período de 29 de janeiro a 2 de março de 2020 (referência) com os preços vigentes no período de 28 de dezembro de 2019 a 28 de janeiro de 2020 (base).

Já o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) que trabalha com outra faixa de renda familiar, subiu 0,67% em fevereiro no Acre. Ou seja: tanto famílias mais ricas quanto as pobres sofrem com a inflação no Estado.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas