Conecte-se agora

Sesacre volta a dizer que confirmação de primeiro caso de coronavírus no Acre é boato

Publicado

em

A informação de que existe a confirmação do primeiro caso de coronavírus no Acre foi desmentida pela Secretaria Estadual de Saúde.

Apesar de existir a possibilidade do resultado ser positivo, de acordo com o governo do estado, a expectativa nesta quarta-feira, 11, os resultados estejam prontos.

O Ace investiga três casos da doença, duas são estudantes de medicina na Bolívia e o outro caso é a secretária municipal de Cruzeiro do Sul, Juliana Pereira, que viajou recentemente para a Europa.

Na manhã desta terça-feira, mais um caso foi confirmado no Rio Grande do Sul, chegando a 31 confirmações em todo o país.

A Sesacre se manisfestou sobre o assunto por meio de uma nota.

É FALSA NOTÍCIA DE QUE NO ACRE HÁ CASO COMFIRMADO DE CORONAVÍRUS

A Secretaria de Estado de Saúde do Acre (Sesacre), por meio do Departamento de Vigilância em Saúde (DVS) informa que são falsas as informações que circulam nesta terça-feira, 10, de que o Acre registra o primeiro caso confirmado de coronavírus.

As informações são inverídicas e sem nenhuma consulta à Assessoria de Comunicação da Sesacre ou qualquer autoridade oficial sobre o assunto na pasta.

O material coletado nas três pessoas que apresentam suspeitas ainda está sendo analisado pelo Instituto Evandro Chagas, cujos exames devem ser divulgados nos próximos dias.

Por isso, pedimos à população que chequem as informações em sites confiáveis, que observem o que está sendo publicado, se há fontes seguras ou alguém representando alguma entidade de Saúde responsável pela questão.

Recomenda mais prudência a alguns profissionais de comunicação, para que evitem prestar um desserviço à comunidade. A Sesacre está à disposição, em caso de dúvidas.

Rio Branco, AC, 10 de março de 2020

Glória Nascimento
Chefe do Departamento de Vigilância em Saúde da Sesacre

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas