Conecte-se agora

MPAC afirma que vai apurar motivo de membro designado não ter aparecido em audiência

Publicado

em

Depois de receber críticas dos vereadores por nenhum representante ter participado da audiência pública realizada na Câmara de Vereadores de Rio Branco na última segunda-feira, 2, que promoveu a discussão sobre a morte de uma criança que caiu em um bueiro, o Ministério Público do Acre se manifestou.

Segundo nota de esclarecimento, o MPAC designou um representante, mas que não compareceu. A nota explica ainda que os motivos para a pessoa designada não tenha aparecido vão ser apurados.

O MPAC explica ainda que foram designados dois promotores de Justiça para acompanhar a investigação sobre a morte de Vilk Gabriel André de Lima, 8 anos, após cair em um bueiro no bairro Wanderley Dantas, na capital acreana.

Leia a nota do MPAC:

Nota de Esclarecimento

O Ministério Público do Estado do Acre (MPAC) informa que designou um membro da Instituição para participar da audiência pública, realizada nesta segunda-feira, 02, pela Câmara de Vereadores de Rio Branco, e que irá apurar os motivos que levaram ao não comparecimento.

Informa, ainda que, foram designados dois promotores de Justiça para acompanhar a investigação sobre a morte de Vilk Gabriel André de Lima, 8 anos, após cair em um bueiro, no mês passado, em Rio Branco.

Uma equipe do Centro de Atendimento à Vítima (CAV), órgão auxiliar do MPAC, também acompanha o caso e presta auxílio à família da criança.

Rio Branco-Ac, 03 de março de 2020

Diretoria de Comunicação

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas