Conecte-se agora

Gladson sinaliza que não escolherá novo líder até deputados da base entrarem em consenso

Publicado

em

FOTO: SÉRGIO VALE

Logo após prestigiar a festa de aniversário de 63 anos do servidor público da Assembleia Legislativa, José Carlos Geber, o Kaká, como é mais conhecido, o governador Gladson Cameli se encaminhou uma sala reservada nos corredores da Aleac e conversou com a reportagem do ac24horas na manhã desta terça-feira, 3.

Questionado sobre a saída do deputado Gerlen Diniz da liderança do governo visando disputar as eleições para a disputa da prefeitura de Sena Madureira, o governador afirmou que ainda não foi comunicado oficialmente, mas que que caso se confirme, espera que os parlamentares que compõem a base na Aleac chegue a um consenso e escolha um nome.

“Eu quero que os deputados escolham. Não tem como eu escolher para depois ter reclamação. Quero que eles cheguem a um consenso e indiquem um nome”, enfatizou o chefe do executivo revelando ainda que não teria nenhum problema de convidar o deputado Luis Tchê (PDT) para ser novamente líder do governo. “Ele é extremamente articulado e habilidoso, não teria problema nenhum em convidá-lo, mas preciso do aval dos deputados”, argumentou.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas