Conecte-se agora

Maria Alice não atendeu apelo de Gladson e deixará a Seplag

Publicado

em

“Não posso ficar num governo sem rumo!” Essa teria sido a frase mencionada por Maria Alice ao rejeitar o apelo do governo para que permanecesse à frente da secretaria de Planejamento e Gestão (Seplag). É o que confirmam fontes próximas de Alice ao Blog do Crica, após a mesma ter comunicado sua desistência da Seplag. Um amigo bem próximo a Alice garante que a escolhida pelo governador Gladon Cameli (Progressistas) parece não ter suportado uma série de intromissões desorganizadas por parte da gestão Gladson para com a secretaria, a qual era conduzida por ela, apontando que a gestão tem administrado no amadorismo e sem planejamento.

O motivo mais incisivo para a decisão de Maria Alice em chancelar a rejeição ao cargo nesta quinta-feira, 19, teria sido a desorganização vista por ela no governo. O comunicado oficial deverá ocorrer nesta quinta-feira, 20, pela própria engenheira civil.

Uma fonte próxima detalha que Maria Alice tomou a decisão de maneira extremamente decepcionada e até emocionalmente atingida diante de tamanha desorganização. O principal fator recai sobre a proposta de separação da Seplag, ditada por Gladson Cameli, mesmo ela já estando com tudo encaminhado na pasta.

O desmembramento da Seplag foi, inclusive assunto de uma reunião extraordinária entre Alice e Gladson na Casa Civil. Aos colegas, a engenheira destacou que não veio para o Acre por cargo, mas para trabalhar e servir da melhor maneira o estado. Diante de algumas decepções, considerou que sua saída seria a melhor solução para seus problemas.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas