fbpx
Conecte-se agora

Exame de sangue descarta dengue grave em menina de 11 anos

Publicado

em

Deu negativo o exame de dengue grave da menina de 11 anos, Ana Gabriely, que morreu no início da manhã de domingo, 26, no Hospital do Juruá,  em Cruzeiro do Sul. Mas o médico que atendeu a garota, o pediatra Rodney Brito afirma que o quadro clínico dela era compatível e sugestivo de dengue, zika, chikungunya e até febre hemorrágica.

“O exame deu negativo, mas como ela estava com menos de 72 horas de evolução o exame pode realmente negativar, porque não houve tempo para a soroconversão viral”.

Segundo o médico, pelo estado debilitado da menina, foi muito pequena a quantidade de sangue retirada para exames, o que impossibilita uma maior investigação, inclusive,  com relação à chikungunya e febre hemorrágica. “É um diagnóstico bem raro o da febre hemorrágica. Na verdade seria um diagnóstico diferencial, porém, não tem como ser confirmado. É difícil e apenas uma possibilidade. Também há a possibilidade de chikungunya, mas acredito que foi dengue grave mesmo”, afirma o médico.

A Vigilância Epidemiológica de Cruzeiro do Sul também investiga a causa da morte da menina de 11 anos.




Propaganda

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Leia Também

Mais lidas