Conecte-se agora

Delegacia de Mâncio Lima funciona dentro de sala de 5 metros quadrados em quartel da PM

Publicado

em

A falta de condições de uma estrutura para os agentes da polícia civil na delegacia de Mâncio Lima, no interior do Acre, virou alvo de denúncia. Atualmente, a Polícia Civil do município está trabalhando de forma improvisada em uma sala de 5 metros quadrados cedida pelo quartel da Polícia Militar.

No município, apenas sete agentes de polícia intercalam suas escalas para atender a população.

Segundo informações, a delegacia não possui celas para manter os acusados de cometer crimes presos, onde são levados para Cruzeiro do Sul que fica a pouco mais de 33 km de distância. Os agentes têm que dividir o espaço com as armas, drogas e outros produtos apreendidos durante as investigações.

Indignado, o deputado estadual Roberto Duarte (MDB) que passava no local em agenda de fiscalização, falou em suas redes sociais que é dessa forma que a Segurança Pública do Acre trata as polícias que deveriam ser fortalecidas para combater o crime organizado.

Para Duarte, chegou o momento de o Estado parar de transferir suas responsabilidades para o Governo Federal.

“Chega de terceirizar a responsabilidade da segurança pública que é responsabilidade do Estado para o Governo Federal. É hora de assumir os erros e buscar os acertos antes que seja tarde”, disparou.

Anúncios

Bombando

Newsletter

INSCREVER-SE

Quero receber por e-mail as últimas notícias mais importantes do ac24horas.com.

* indicates required

Mais lidas